ETEC Conselheiro Antonio Prado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
ETECAP
Escola Técnica Estadual Conselheiro Antônio Prado
Fundação 24 de junho de 1964 (54 anos)
Tipo de instituição Público
Total de estudantes 205 [1]
Diretor(a) Paula Cristina da Silva Lima Fernandes
Cidade Campinas
Estado  São Paulo
Cursos técnicos Biotecnologia, Meio Ambiente e Química
Cores      Azul
     Branco
Site http://www.etecap.com.br/

A Escola Técnica Estadual Conselheiro Antonio Prado (ETECAP), antigo COTICAP, é um colégio técnico da área de química, meio ambiente, a partir do ano de 2013, biotecnologia situado em Campinas, São Paulo, cujo nome foi escolhido em homenagem a Antônio da Silva Prado, importante político da então província de São Paulo. A escola oferece também vagas para o Ensino Médio. E é considerada uma das melhores escolas técnicas do país.

História[editar | editar código-fonte]

Vista frontal da entrada da escola.

No dia 24 de junho de 1964, foi fundada a "Escola de Química", oficialmente batizada de Colégio Técnico Industrial "Conselheiro Antonio Prado" - COTICAP, numa homenagem ao ilustre conselheiro do Império e mais tarde se tornou ETECAP, Escola Técnica Estadual "Conselheiro Antônio Prado".

Em 2004, quando a escola completou seus 40 anos, uma série de homenagens foram realizadas por alunos, professores, direção, e todo o colégio no mês de junho. Exemplo deste, foi o teatro realizado por grupo de alunos que homenageou Dr. Lucien Genevois, fundador do colégio, contando um pouco da história do colégio e suas tradições.

Curiosidade, o auditório da escola é chamado de Lucien Genevois em homenagem ao fundador.

A ETECAP oferece hoje os cursos de Técnico em Química, Técnico em Biotecnologia, Técnico em Meio Ambiente mas também já ofereceu o curso de Petroquímica, no período integral e noturno. O curso foi descontinuado em 1997.

Acesso[editar | editar código-fonte]

Como a ETECAP faz parte do núcleo de escolas do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, para entrar no colégio é preciso ser aprovado no chamado "vestibulinho", realizado semestralmente.[2].

Eventos tradicionais[editar | editar código-fonte]

FIMPOP[editar | editar código-fonte]

Banda de alunos se apresentando no FIMPOP 2014.

Tradicionalmente organizado pelo Grêmio, o Festival Interno de Música Popular, FIMPOP, é uma tradição da ETECAP. O evento costuma fechar a Semana de Esporte e Cultura (SEMEC) com apresentações de bandas integradas por alunos da escola.

SEMEC[editar | editar código-fonte]

Antiga Semana da Pátria, que passou a ser chamada de SEMTEC (Semana Técnica), é atualmente chamada de SEMEC (Semana de Esporte e Cultura). Tradicionalmente ocorre na semana da Independência do Brasil, onde são realizados competições esportivas e gincanas, além de oficinas culturais e mostra de projetos desenvolvidos por alunos.

MAAPE[editar | editar código-fonte]

A Maratona Acadêmica de Alunos e Professores da ETECAP foi criada por alunos do ensino médio no ano de 2011 através da disciplina de 'Projetos Técnico-Científicos' e teve sua primeira edição realizada no dia 8 de outubro de 2011. O evento é dividido em duas partes, nas semanas que antecedem o dia do evento, alunos do Ensino Médio são divididos em equipes que realizam diversos tipos de provas, como arrecadação de materiais de primeira necessidade para doação e preparações para o dia do evento; já no dia da maratona, os alunos realizam atividades competitivas relacionadas tanto ao conteúdo de disciplinas vistas em sala de aula quanto atividades físicas e artísticas, no fim do evento a equipe vencedora é premiada. Após sua primeira edição, a maratona acadêmica foi incorporada ao calendário oficial da ETECAP.

Referências

  1. 14 de novembro de 2016. «Resultados das escolas na edição de 2015 do Enem já estão disponíveis». INEP. Consultado em 4 de outubro de 2016. Arquivado do original em 22 de dezembro de 2016 
  2. «ETECAP - Cursos Oferecidos». www.etecap.com.br 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]