Eberhard Schoener

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Eberhard schoener originalmente um violinista clássico e regente de música de câmara e ópera. Suas músicas combinam muitos estilos e formatos, foi um dos primeiros adeptos e divulgadores do sintetizador Moog na Europa. Na década de 1970 ele viajou para a Indonésia e incorporou elementos musicais da Ásia em seus trabalhos músicais. Ele colaborou com músicos de rock como Jon Lord e The Police . Ele compôs partituras de filmes, vídeos, músicas para a televisão e uma ópera para ser transmitida pela Internet. Ganhou inúmeros prêmios, incluindo o Schwabing Art Prize em 1975, em 1992 o Bambi Award de criatividade e um prêmio pelo conjunto da obra no ‘’Soundtrack Festival de Música e Som em Cinema e Mídia’’ em novembro de 2014.


Eberhard Schoener
Informação geral
Nascimento 08 de maio de 1938 (82 anos)
Local de nascimento Stuttgart
Alemanha
País Alemanha
Nacionalidade Alemão
Gênero(s) Música clássica
Ocupação(ões) Músico,compositor,maestro e arranjador.
Instrumento(s) notável(eis) Sintetizador Moog
Período em atividade 1960 - até a atualidade.
Prêmios Schwabing Art Prize, Bambi Award.
Página oficial http://www.eberhard-schoener.de/

História[editar | editar código-fonte]

Em 1958 iniciou os estudo de violino na Academia de Música de Detmold (Nordwestdeutsche Musikakademie) sob o comando do professor Tibor Varga. Em 1959 ganhou uma bolsa para a Accademia Musicale Chigiana em Siena, já em 1960, primeiro violino na Ópera Estatal da Baviera. Fundou em 1961 a Orquestra Sinfónica Juvenil de Munique, conhecida como "A Orquestra Jovem (Das junge Orchestre)" na série de TV ARD. Entre 1964 e 1968 foi o Supervisor musical da Ópera da Baviera. Na fundação da Ópera de Câmara de Munique atuou como supervisor artístico e maestro. Entre outros, ele conduziu apresentações anuais de ópera e concertos no Brunnenhof (Fountain-Courtyard) no Castelo da Residência em Munique.

Em 1972 realiza uma performance em publico durante os jogos olímpicos de Munique. Em 1974 colabora com Jon Lord do Deep Purple no álbum Windows, a performance é televisionada com David Coverdale , Glenn Hughes e Pete York. Em 1975 realiza a Philharmonic húngara para o álbum Sarabande do Jon Lord para o Deep Purple. Eberhard se destacou por sempre buscar misturar os gêneros musicais, o sintetizador Moog dá pela primeira vez a possibilidade de tocar música eletrônica ao vivo. Eberhard Schoener se apresenta à tecnologia de Bob Moog nos EUA e traz esse instrumento para a Alemanha. No álbum Destruction of Harmony de 1971 ele transforma Bach em música eletrônica. Já nos anos anos 80, passa a utilizar o fairlight CMI ( Computer Musical Instrument)

Em seu álbum de 1976 "Bali-Agúng", mistura rock com a Gamelan Orchestra Of Saba And Pinda.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Album Lançado em Notas
The Box 1969
Destruction of Harmony 1971 Bach em música eletrônica
A Day's Lullaby 1971
Meditation 1973
Windows 1974 Colaboração de Jon Lord do Deep Purple, performance ao vivo transmita pela TV e foi lançada como álbum.
Sarabande 1975 Regência da Hungarian Philharmonic para o álbum solo do Jon Lord do Deep Purple
Bali Agúng 1975
Music from Bali 1976
Bastien and Bastienne 1976
The Playwright Director 1976
Trance-Formation 1977
The Book 1977
Flashback 1978
Video Magic 1978
Video Flashback 1979 Compilação: 5 faixas do álbum 'Video Magic', e 2 do 'Trance-Formation' e 'Flashback'
Events 1980 Primeiro álbum onde é utilizado o fairlight CMI
Video Magic 1981
Time Square 1981
Eberhard Schoener com Sting, Andy Summers e Stewart Copeland do The Police 1981 Outra compilação: 5 faixas do álbum 'Flashback' e 2 do 'Video Magic'
Complicated Ladies 1982 Com esther ofarim
Spurensicherung 1983 Projeto realizado no fairlight CMI
Sky Music / Mountain Music 1984
1985 Track Securing 1985
Eberhard Schoener System 1985
Eberhard Schoener / Sting / Andy Summers 1986
Bon Voyage 1986
Video Flashback 1988
The Heritage of the Guldenbergs 1989
Eberhard Schoener, Sting, Andy Summers 1986
Bali Symphony - Trance Mission 1991
Why Don't You Answer 1992
Harmonia Mundi 1993
Time Cycle 1994
Palazzo dell'Amore / Cold Genius 1996
Film Music "Derrick" 1998
Hey Mr. Gentleman 1998
Potsdamer Platz - Heart of Berlin 1988
Namaste-Puja 1999
Eberhard Schoener And Friends - crossing times and continents 2006 Compilação das melhores faixas (1977–2006)

Referências[editar | editar código-fonte]