Eclipse solar de 22 de julho de 2009

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa animado dos lugares de onde foi possível observar o fenômeno.
Imagem do satélite MTSAT do eclipse sobre a China.

O eclipse solar total de 22 de julho de 2009 pôde ser visto da Índia, Nepal, Butão, centro da China e em várias ilhas do Pacífico.[1] Um eclipse parcial também foi visto no sudeste asiático e em parte da Oceania; tratou-se da penumbra da Lua.[2]

Este foi o eclipse solar total mais longo a ocorrer no século XXI.[1]

A duração máxima da fase de totalidade foi de 6 minutos e 43 segundos centrados às 02:35:21 (UTC) a aproximadamente 100 quilômetros ao sul das Ilhas Ogasawara, no sudeste de Japão.

Cronologia do eclipse[editar | editar código-fonte]

Evento Hora do evento (UTC)
Começo do elipse geral 23:58:18 (Jul 21)
Começo do elipse total 00:51:16
Começo do eclipse central 00:54:31
Apse do eclipse 02:35:21
Fim do eclipse central 04:16:13
Fim do eclipse total 04:19:26
Fim do eclipse geral 05:12:25

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Referências

Precedido por
26 de janeiro de 2009
Eclipse Solar
22 de julho de 2009
Sucedido por
15 de janeiro de 2010
Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.