Edda em prosa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edda em prosa
Livro de
Snorri Sturluson
Portal da Mitologia nórdica

Edda em prosa, Edda jovem ou Edda de Snorri é um manual islandês de poesia escáldica e um compêndio de mitologia nórdica.[1] O trabalho foi escrito por Snorri Sturluson, um poeta, historiador e político islandês, por volta do ano 1220.[2]É uma fonte fundamental para a nossa compreensão da mitologia e da arte poética nórdica antiga. [3][4][5]

Nos nosssos dias, existem 7 manuscritos sobreviventes com passagens do texto da Edda em prosa, dos quais, os 4 mais importantes são o Codex Upsaliensis (U), o mais antigo, o Codex Wormianus (W), o Codex Trajectinus (T) e sobretudo o Codex Regius (R).[6][7][8] O Codex Upsaliensis está guardado na Biblioteca da Universidade de Uppsala em Uppsala na Suécia.[3][1]

A Edda em prosa está dividido em três partes:[3][9]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Snorres Edda» (em norueguês). Store Norske Leksikon - Grande Enciclopédia Norueguesa. Consultado em 6 de agosto de 2015. 
  2. «The Prose Edda». Sacred Texts. Consultado em 27-03-2013. 
  3. a b c Peter Hallberg. «Den prosaiska Eddan» (em sueco). Nationalencyklopedin – Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 6 de agosto de 2015. 
  4.  Finn Stefánsson. «Snorres Edda» (em dinamarquês). Den Store Danske Encyklopædi - Grande Encicliopédia Dinamarquesa. Consultado em 6 de agosto de 2015. 
  5. Branston, Brian; Giovanni Caselli (ilustrador) (2015). «Inledning av Lars Lönnroth». Gudar och hjältar i nordisk mytologi (em sueco) (Bromma: Ordalaget). p. 7-9. ISBN 9789174691375. 
  6. Peter Hallberg. «Den prosaiska Eddan» (em sueco). Nationalencyklopedin – Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 11 de janeiro de 2016. 
  7. «Snorres Edda» (em norueguês). Store Norske Leksikon - Grande Enciclopédia Norueguesa. Consultado em 11 de janeiro de 2016. 
  8. Maja Marsling Bäckvall. «Vôluspá i Uppsalaeddan: En nyfilologisk undersökning» (PDF) (em sueco). Universidade de Uppsala. Consultado em 12 de janeiro de 2016. 
  9. «Snorres Edda» (em norueguês). Store Norske Leksikon - Grande Enciclopédia Norueguesa. Consultado em 11 de janeiro de 2016. 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • «Snorres Edda» (em norueguês). Store Norske Leksikon - Grande Enciclopédia Norueguesa. Consultado em 12 de maio de 2015. 
  • Peter Hallberg. «Den prosaiska Eddan» (em sueco). Nationalencyklopedin – Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 6 de agosto de 2015. 
  •  Finn Stefánsson. «Snorres Edda» (em dinamarquês). Den Store Danske Encyklopædi - Grande Encicliopédia Dinamarquesa. Consultado em 6 de agosto de 2015.