Edifício Chagas Rodrigues

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Edifício Chagas Rodrigues
Departamento de Estradas de Rodagem do Piauí.JPG

Vista lateral do prédio a partir Av. Miguel Rosa.

História
Arquiteto
Maurício Sued
Período de construção
Uso
Sede do DER/Piauí
Arquitetura
Superfície
27 536
Pisos
3
Administração
Proprietário
Localização
Localização

Edifício Chagas Rodrigues É um imóvel edificado na década de 60 com a finalidade de abrigar a sede do Departamento de Estradas e Rodagens do Piauí, localizado na Avenida Frei Serafim via que concentra grande parte de edificações históricas da cidade.

História[editar | editar código-fonte]

Foi o primeiro prédio institucional da cidade a apresentar características da arquitetura moderna, utilizando pilotis, painel trabalhado, escada helicoidal, panos rasgados de cobongós, inspirado no Edifício Gustavo Capanema.[1] Fixado numa quadra entre duas principais avenidas da cidade, Av. Frei Serafim e Av. Miguel Rosa, além do edifício principal existe também o anexo, construído no ano de 1973 para ser o Auditório Professor Herbert Parentes Fortes, uma área destinada para salas de debates.

Projetado pelo arquiteto Maurício Sued, que se inspirou nos princípios da Escola Modernista Carioca, neste prédio há aspectos comuns dos edifícios de Brasília, uso de volumetria mais retangular que contém eixos e linhas definidas, resultando em linhas mais clara e reta. A disposição da planta é no sentido norte-sul e fachadas longitudinais, no formato lâmina. Por conta do clima tropical da cidade, e a grande incidência solar, foi aplicado o uso de janelas recuadas e de brises na fachada leste e de cobogós na fachada oeste na cor branca, a fim de proporcionar um conformo térmico ideal na parte interna, evitando a entrada dos raios solares. O telhado não é aparente, marquise em concreto armado com uma espessura bem fina, apresentando uma cobertura em laje, recoberta em telhas de fibrocimento apoiadas em treliças.

Visto a partir da avenida Frei Serafim.

A planta baixa do pavimento térreo é um vão livre pelo emprego de pilotis para a sustentação da estrutura em concreto armada. No centro do térreo está localizado o elevador, e uma escada em formato helicoidal que permite o acesso para os três pavimentos,e recepcionado pelo painel assinado pelo artista plástico Genes Celeste Soares.

Sua construção foi finalizada no ano de 1958, proporcionando o início de uma série de obras deste estilo arquitetônico no estado do Piauí.

O prédio foi tombado em nível estadual pela FUNDAC em 1997, por representar patrimônio cultural da cidade de Teresina, mas hoje o edifício sobre com a degradação e a visível falta de manutenção.[2]

Referências

  1. http://www.ipatrimonio.org/teresina-edificio-chagas-rodrigues-der/#!/map=38329&loc=-5.086925000000018,-42.80313100000001,17
  2. PIAUÍ, SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA DO PIAUÍ, COORDENAÇÃO DE REGISTRO E CONSERVAÇÃO. BENS TOMBADOS E REGISTRADOS DO PIAUÍ. SECULT – SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA.