Edmundo Jordão Amorim do Valle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Edmundo Jordão Amorim do Valle
Nascimento 1893
Rio de Janeiro
Morte novembro de 1971 (78 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação Militar

Edmundo Jordão Amorim do Valle (Rio de Janeiro, 1893 — Rio de Janeiro, novembro de 1971) foi um militar brasileiro. Atingiu a patente de vice-almirante.[1]

Cursou a Escola Naval em 1909. Atuou da repressão à revolta tenentista de 5 de julho de 1922. Durante a Segunda Guerra Mundial foi adido naval junto à embaixada brasileira em Washington.[1]

Foi ministro da Marinha do Brasil no governo do presidente Café Filho, de 27 de agosto de 1954 a 11 de novembro de 1955.

Foi homenageado em 1984, quando a Marinha do Brasil deu seu nome ao NHo Amorim do Valle (H-35).[2]

Referências

  1. a b «O Governo de Juscelino Kubitschek, Amorim do Vale». Dicionário Histórico Biográfico Brasileiro pós 1930. 2ª ed. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2001. Consultado em 28 de dezembro de 2014. 
  2. «Navio Hidrográfico Amorim do Valle alcança marca histórica de 1.000 dias de mar». Marinha do Brasil. Consultado em 28 de dezembro de 2014. 


Precedido por
Renato de Almeida Guillobel
Ministro da Marinha do Brasil
1954 — 1955
Sucedido por
Antônio Alves Câmara Júnior


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.