Edward Austin Kent

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Edward Austin Kent
Túmulo de Edward Austin Kent
Nome completo Edward Austin Kent
Nascimento 19 de fevereiro de 1854
Bangor, Maine,
Estados Unidos
Morte 15 de abril de 1912 (58 anos)
Oceano Atlântico
Nacionalidade norte-americano
Ocupação Arquiteto

Edward Austin Kent (Bangor, 19 de fevereiro de 1854Oceano Atlântico, 15 de abril de 1912) foi um proeminente arquiteto em Buffalo, Nova Iorque. Kent morreu em 15 de abril de 1912, quando o RMS Titanic afundou e foi visto ajudando mulheres e crianças a embarcarem nos botes salva-vidas.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Edward Austin Kent nasceu em Bangor, Maine, em 19 de fevereiro de 1854.[1] Kent se mudou com sua família para Buffalo após a Guerra Civil Americana, onde seu pai, Henry, abriu uma loja de departamentos bem sucedida, Flint & Kent. Kent frequentou e se formou na Universidade Yale, em 1875, e mais tarde na École des Beaux-Arts, a famosa escola de arquitetura Beaux-Arts de Paris. Voltando aos Estados Unidos em 1877, tornou-se sócio do estúdio de arquitetura Silisbee and Kent em Syracuse (Nova Iorque). Em 1884, ele retornou a Buffalo e permaneceu lá o restante de sua carreira, ajudando a fundar a Buffalo Society of Architects e recebendo muitas comissões importantes, incluindo a Flint & Kent.[2] Até sua morte, ele morou no Buffalo Club.[1]

Em 1912, ele passou duas semanas de férias na França e Egito, planejando se aposentar depois de voltar para casa. Ele decidiu adiar sua viagem para casa, para que pudesse viajar na viagem inaugural do novo e luxuoso transatlântico, o RMS Titanic.

A bordo do Titanic[editar | editar código-fonte]

Kent viajou como passageiro de primeira classe. Ele se misturou com outros socialites, incluindo Helen Churchill Candee e Archibald Gracie. Ele também se encontrou com um grupo de escritores. Ele pereceu no naufrágio do navio quando o mesmo atingiu um iceberg na noite de 14 a 15 de abril de 1912. À medida que o navio estava afundando, ele desconsiderou sua própria vida para ajudar as mulheres e crianças a embarcarem nos botes salva-vidas. Ele foi visto pela última vez por volta das 2h20min, sem esboçar nenhuma vontade de salvar sua vida. Seu corpo foi recuperado pelo CS Mackay-Bennett como o corpo nº 258 e reivindicado por seu irmão quando o navio atracou. Ele foi enterrado no Cemitério Forest Lawn em Buffalo, Nova Iorque.[1]

Referências

  1. a b c d «Mr. Edward Austin Kent». Encyclopedia Titanica 
  2. Parke, Bill. «Edward Austin Kent in Buffalo, NY». buffaloah.com 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]