Efeito transbordamento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Um efeito transbordamento em economia, é um evento econômico em um contexto que ocorre por causa de outro evento em um contexto aparentemente não relacionado. Por exemplo, as externalidades da atividade econômica são efeitos de transbordamento não-monetário sobre os não participantes. Os odores de uma usina de processamento são efeitos de transbordamento negativos sobre seus vizinhos; a beleza do jardim de flores de um proprietário é um efeito de transbordamento positivo sobre os vizinhos.[1][2]

Da mesma forma, os benefícios econômicos do aumento do comércio são os efeitos de transbordamento previstos na formação de alianças multilaterais de muitos países da região: por exemplo, SAARC (Associação Sul-Asiática de Cooperação Regional), ASEAN (Associação de Nações do Sudeste Asiático).

Em uma economia em que alguns mercados falham, essa falha pode influenciar a demanda ou o comportamento de oferta de participantes afetados em outros mercados, fazendo com que sua demanda efetiva ou oferta efetiva sejam diferentes de sua demanda ou oferta (não restrita).[3]

Outro tipo de transbordamento é gerado pela informação. Por exemplo, quando mais informações sobre alguém geram mais informações sobre pessoas relacionadas a ela, e essa informação ajuda a eliminar assimetrias nas informações, os efeitos de transbordamento são positivos (essa questão tem sido encontrada constantemente na literatura de economia e finanças, por exemplo o caso dos mercados bancários locais).[4]

Em macroeconomia, é possível verificar efeito transbordamento quando um aumento de gastos públicos em um país elevam o nível de renda e o poder de compra desse país, que levam a um aumento das importações do estrangeiro e um consequente aumento do nível de produto do país estrangeiro.

Referências

  1. Félix, Telma Vasconcelos (2008). «O crescimento urbano-industrial de Manaus e o efeito transbordamento sobre municípios vizinhos». bdtd.ibict.br. Consultado em 10 de maio de 2019 
  2. Lima, Jandir Ferrera de; Hersen, Amarildo (2010). «O efeito transbordamento da crise econômica internacional». Textos de Economia. 13 (1): 25–45. ISSN 2175-8085. doi:10.5007/2175-8085.2010v13n1p25 
  3. Silva, José Alderir da (19 de abril de 2017). «Uma Análise Empírica do Efeito Transbordamento e da Taxa de Câmbio sobre Economia Brasileira nas últimas Duas Décadas». REVISTA DE ECONOMIA DA UEG (ISSN 1809-970X). 12 (2): 378–404. ISSN 1809-970X 
  4. Natividad, Gabriel; Garmaise, Mark J. (1 de setembro de 2016). «Spillovers in Local Banking Markets». The Review of Corporate Finance Studies (em inglês). 5 (2): 139–165. ISSN 2046-9128. doi:10.1093/rcfs/cfw005 

Ver também[editar | editar código-fonte]