Egospótamo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Egospótamos)
Ir para: navegação, pesquisa

Egospótamo[1] (em grego: Αἰγὸςποταμοί; transl.: Aegòspotamoí)[2] é um pequeno rio indo desaguar no Helesponto, a nordeste de Sesto. Na sua foz desenrolou-se o cenário da decisiva batalha em 405 a.C. na qual Lisandro destruiu a frota ateniense, acabando com a Guerra do Peloponeso.[3]

O povoado da Grécia Antiga de mesmo nome, cuja existência é atestada em moedas dos quinto e quarto séculos, e o próprio rio, eram localizados na antiga Trácia.[2]

Referências

  1. Fernandes 1941, p. 39; 128; 363.
  2. a b Mish, Frederick C., Editor in Chief. “Aegospotami.” Webster’s Ninth New Collegiate Dictionary. 9th ed. Springfield, MA: Merriam-Webster Inc., 1985. ISBN 0-87779-508-8, ISBN 0-87779-509-6 (indexed), and ISBN 0-87779-510-X (deluxe).
  3. Guralnik, David B., Editor in Chief. “Aegospotami.” Webster’s New World Dictionary of the American Language. Second College Edition. New York, NY: Prentice Hall Press, 1986. ISBN 0-671-41809-2 (indexed), ISBN 0-671-41807-6 (plain edge), ISBN 0-671-41811-4 (pbk.), and ISBN 0-671-47035-3 (LeatherKraft).

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Fernandes, Ivo Xavier (1941). Topónimos e gentílicos. 1. [S.l.]: Editora Educação Nacional 
Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia em geral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.