Ekwikwi II

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ekwikwi II foi um rei do Bailundo, na Angola colonial.[1]

Governou o Bailundo durante vários anos e resistiu contra a ocupação portuguesa nas terras do Planalto. Isso causou uma resistência muito grande, de tal forma que só depois de 400 anos foi possível para os portugueses colonizadores a ocupação das terras do Planalto e do Reino do Bailuno em especial.[2]

Ekwikwi II é símbolo da Resistência do Planalto, uma vez que estendeu o seu reinado em todos os povos Umbundu de Angola, a começar de Benguela, passando pelo Huambo, Kwanza Sul até ao Bié. Teve Ekwikwi II grande relação com Ndunduma, Rei do Bié.


Com governo que durou entre 1876 a 1893, o soberano é constantemente referido nos textos da época, devido a quantidade alta de mulheres, bem como a sua autoridade sobre seu reino e povos vizinhos, e também em razão de sua proximidade com as autoridades portuguesas.[1]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.