Electric Warrior

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2012).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Electric Warrior
Álbum de estúdio de T. Rex
Lançamento 24 de Setembro de 1971
Gravação Março-Junho de 1971
Trident Studios, Londres; Advision Studios, London; Wally Heider Studios, Los Angeles; Media Sound Studios, New York
Gênero(s) Glam rock, rock and roll, protopunk, hard rock
Duração 39:02
Gravadora(s) Fly (UK); Reprise (US)
Produção Tony Visconti
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Electric Warrior é o sexto álbum lançado pela banda britânica de rock T. Rex e é considerado um dos álbuns mais importantes de glam rock. T. Rex já tinha feito sucesso na Inglaterra, no entanto Bolan queria angariar fiéis do outro lado do Atlântico. Ele pegou a estrada com os novos integrantes da banda, o baixista Steve Currie e o baterista Bill Legend, chamado para ajudar na percussão, a cargo de Mickey Finn. O grupo começou a editar algumas faixas a caminho de Londres, Nova York e Los Angeles. Os singles lançados na ocasião apontavam para um som mais ousado, mas só quando Electric Warrior saiu foi possível constatar como era sensacional.

Electric Warrior alcançou o número trinta e dois nos EUA; permaneceu como número um por várias semanas no Reino Unido, se tornando um dos maiores álbuns do ano de 1971. Em 2003, alcançou o número 160 pela revista americana Rolling Stone na Lista dos 500 melhores álbuns de sempre da Revista Rolling Stone. O álbum contém duas das canções mais famosas do T. rex, Get It On e Jeepster. Nos Estados Unidos, "Get It On" teve o título modificado para "Bang a Gong (Get It On)" para distinguir da música homônima da banda Chase, que a lançou em meados de 1971. "Get It On" foi o maior single do T. Rex, e seu único hit(#10) Americano. Em 1971, Marc Bolan, em entrevista contida na reedição do álbum pela Rhino Records, comentou sobre o álbum: "Eu penso que Electric Warrior, para mim, é o primeiro álbum que faz afirmação de 1971 para nós na Inglaterra. Quero dizer que... se alguém sempre quis saber por que nós fomos grandes em outras partes do mundo, este álbum responde, para mim" A arte da capa do álbum, projetada pelo grupo de design britânico Hipgnosis, resume a perigosa promessa de poder do rock, com Bolan empunhando a guitarra como uma arma, diante de um arsenal de amplificadores.Em Novembro de 2001 na edição da Vanity Fair, o músico americano Beck escolheu como uma das suas 50 capas de álbum preferidas[7].

"Eu só quero me comunicar com a garotada. É isso que importa, meu contato com a platéia."

Marc Bolan, 1973

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as letras foram escritas por Marc Bolan

  1. "Mambo Sun" – 3:40
  2. "Cosmic Dancer" – 4:30
  3. "Jeepster" – 4:12
  4. "Monolith" – 3:49
  5. "Lean Woman Blues" – 3:02
  6. "Get It On" – 4:27
  7. "Planet Queen" – 3:13
  8. "Girl" – 2:32
  9. "The Motivator" – 4:00
  10. "Life's a Gas" – 2:24
  11. "Rip Off" – 3:40

A produção de Cube Records Licensed pela CNR lançou este título pela BR Originals em CD com, "Hot Love" - 4:55, adicionada antes de "Mambo Sun".

Faixas Bônus Relançamento (Rhino Records)[editar | editar código-fonte]

  1. "There Was a Time" – 1:00
  2. "Raw Ramp" – 4:16
  3. "Planet Queen" (versão acústica) – 3:00
  4. "Hot Love" – 4:59
  5. "Woodland Rock" – 2:24
  6. "King of the Mountain Cometh" – 3:57
  7. "The T. Rex Electric Warrior Interview" – 19:35

Faixas Bônus (30th Anniversary Special Edition)[editar | editar código-fonte]

  1. "Rip Off" [Work in Progress] – 2:30
  2. "Mambo Sun" [Work in Progress] – 3:57
  3. "Cosmic Dancer" [Work in Progress] – 5:15
  4. "Monolith" [Work in Progress] – 4:47
  5. "Get It On" [Work in Progress] – 4:43
  6. "Planet Queen" [Work in Progress] – 0:56
  7. "The Motivator" [Work in Progress] – 4:19
  8. "Life's a Gas" [Work in Progress] – 3:14

Posição nas Paradas[editar | editar código-fonte]

Gráfico Ano Posição
UK Albums Chart[8] 1971 1
1972

Equipe[editar | editar código-fonte]

Covers[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Steve Huey. «Electric Warrior - T. Rex». Consultado em 27 de julho de 2011 
  2. Chris Jones (29 de setembro de 2003). «Review of T. Rex - Electric Warrior (SACD)». BBC Music. Consultado em 27 de julho de 2011 
  3. Brian James (25 de fevereiro de 2003). «Album Reviews: T. Rex: Electric Warrior». Pitchfork Media. Consultado em 27 de julho de 2011 
  4. «Electric Warrior (Bonus Tracks)». buy.com. Consultado em 3 de novembro de 2009 
  5. Robert Christgau. «CG: T. Rex». Consultado em 27 de julho de 2011 
  6. Ben Gerson (6 de janeiro de 1972). «Electric Warrior by T. Rex». Rolling Stone. Consultado em 27 de julho de 2011 
  7. sleevage.com
  8. «Number 1 Albums – 1970s». The Official Charts Company. Consultado em 10 de junho de 2011. Cópia arquivada em 9 de fevereiro de 2008