Eleições autárquicas portuguesas de 2009

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

As eleições autárquicas portuguesas de 2009 foram realizadas em 11 de outubro. Estavam em disputa a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais e 4 141 presidentes de juntas de freguesia e as respectivas assembleias.

O PSD era até aquela data o maior partido autárquico detendo a presidência de 157 câmaras, contra 110 do PS. Um pouco distante aparecia a CDU com 32 presidências de câmara. O CDS-PP com Daniel Campelo em Ponte de Lima e o B.E. em Salvaterra de Magos tinham uma câmara cada. As restantes sete pertenciam a três independentes polémicos, Fátima Felgueiras (Felgueiras), Valentim Loureiro (Gondomar) e Isaltino Morais (Oeiras), os dois últimos reeleitos e ainda a José Manuel de Carvalho Marques (Sabrosa), Luís Manuel da Silva Azevedo (Alcanena), Alfredo Falamino Barroso (Redondo) e João Paulo de Almeida Lança Trindade (Alvito).[1] [2]

Após as eleições, o PSD continua a reclamar o título de maior partido autárquico detendo a presidência de 139 câmaras contra 132 do PS. A CDU baixou em quatro o número de câmaras, ficando com 28. O CDS-PP com Victor Manuel Alves Mendes em Ponte de Lima e o B.E. com Ana Cristina Pardal Ribeiro em Salvaterra de Magos mantiveram as câmaras que já detinham.

Nas quatro câmaras mais populosas os seus antigos detentores foram reeleitos, todos com maioria absoluta. Lisboa do PS com António Costa (44%), e as restantes do PSD, Sintra com Fernando Seara (42,3%), Porto com Rui Rio (47,5%) e Gaia com Luís Filipe Menezes (62%).

As listas de grupos de cidadãos (independentes), venceram em sete câmaras. Para além dos polémicos, Valentim Loureiro (Gondomar) e Isaltino Morais (Oeiras) que foram reeleitos, foram de novo eleitos Alfredo Falamino Barroso (Redondo, Évora), José Lopes Gonçalves Barbosa (Amares, Braga) anteriormente eleito nas listas do PS e Manuel Coelho Carvalho (Sines, Setúbal), dissidente da CDU. Venceram ainda as suas câmaras, João Maria Aranha Grilo (Alandroal) e Luis Filipe Pereira Mourinha (Estremoz) ambos no distrito de Évora.

Fátima Felgueiras (Felgueiras, Porto), contra todas as previsões, não foi reeleita, recusando de imediato o cargo de vereadora a que teria direito por ser cabeça de lista da segunda força mais votada.

Candidatos[editar | editar código-fonte]

Os Partidos, Coligações e Grupos de Cidadãos que concorreram às eleições autárquicas portuguesas de 2009 foram os seguintes, listados por ordem alfabética:[2]

Partidos[editar | editar código-fonte]

  • B.E. – Bloco de Esquerda
  • CDS-PP – CDS - Partido Popular
  • MEP – Movimento Esperança Portugal
  • MMS – Movimento Mérito e Sociedade
  • MPT – Partido da Terra
  • P.N.R. – Partido Nacional Renovador
  • PCP-PEV – CDU - Coligação Democrática Unitáriaa)
  • PCTP/MRPP - Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses
  • PND – Nova Democracia
  • PPD/PSD – Partido Social Democrata
  • PPM – Partido Popular Monárquico
  • PS – Partido Socialista
  • PTP – Partido Trabalhista Português
a) Coligação Permanente entre o Partido Comunista Português (PCP) e o Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV).[3]

Coligações[editar | editar código-fonte]

Grupos de Cidadãos[editar | editar código-fonte]

Concorreram ainda 54 listas de Grupos de Cidadãos, das quais se listam por ordem alfabética, alguns dos seus cabeças-de-lista, por alguma ou algumas das razões a seguir indicadas: presidentes em exercício; antigos presidentes; aparecerem em sondagens; dissidentes; controversos; mediáticos; terem vindo a ser eleitos.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios (desde março de 2010).

Algumas Sondagens por Município[editar | editar código-fonte]

Intenções de voto por município, segundo as sondagens.

Foram realizadas diversas sondagens de opinião sobre a intenção de voto dos portugueses antes das eleições, com os seguintes resultados:

Município Previsão Resultado
Alcobaça (Portugal) nova vitória do PSD, apesar da quebra na votação previsto
Aveiro descida do PSD/CDS-PP para uma vantagem de apenas 1% sobre o PS vitória do PSD/CDS-PP com 20% de vantagem
Barcelos vitória do PSD com 11% de vantagem vitória do PS
Braga vitória de Mesquita Machado previsto
Faro vitória de Macário Correia previsto
Leiria vitória de Isabel Damasceno (PSD) vitória do PS
Lisboa vitória de António Costa (PS) previsto
Lousada vitória de Jorge Magalhães (PS) previsto
Matosinhos vitória de Guilherme Pinto (PS) previsto
Oeiras vitória de Isaltino Morais (independente) previsto
Oliveira do Bairro vitória do PSD previsto
Paços de Ferreira vitória do PSD previsto
Paredes vitória do PSD previsto
Penafiel vitória do PSD/CDS-PP previsto
Porto vitória do PSD prevista
Santa Cruz vitória do PSD previsto
Setúbal vitória do PCP-PEV previsto
Trofa vitória do PSD vitória do PS
Valongo vitória do PSD/CDS-PP previsto
Viana do Castelo vitória do PS previsto
Vila Nova de Gaia vitória do PSD/CDS-PP previsto

O candidato Pedro Santana Lopes reclamou, na noite das eleições, o tratamento desvantajoso que considera ter tido da parte das empresas de sondagens, em particular do CESOP/Universidade Católica. "Não está em causa menos respeito pela vitória de quem ganha, mas é uma vergonha para a democracia portuguesa que na mesma semana de eleições, no próprio dia das eleições, a três horas da contagem dos votos, se dêem doze por cento" de vantagem à candidatura socialista, que acabou por ganhar com uma vantagem de cerca de 4,5 por cento. Acrescentou, "Nunca se enganam a nosso favor".[9]

Afluência[editar | editar código-fonte]

Até as 12H00 tinham votado 21.23% do total de eleitores, valor idêntico ao das eleições autárquicas de 2005 (21,35%), ano em que o valor da abstenção se acabou por cifrar em 39,08%. As 16H00 a taxa de afluência tinha subido para 45,3%, estando no entanto 3 pontos abaixo da taxa das eleições autárquicas de 2005 (48%).[1] [2] Dado o aumento do número de eleitores de 2005 para 2009 em cerca de 500 000, significa que terão votado até as 16H00 somente menos 9 000 eleitores que à mesma hora das eleiçoes de 2005.

No final, a abstenção cifrou-se em 41%, 2 pontos acima das anteriores de 2005 (39%).

Resultados Nacionais[editar | editar código-fonte]

Câmaras e Vereadores Municipais[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 2 084 382 37,67 Aumento1,83
132 / 308
Aumento23
921 / 2 078
Aumento69
Partido Social Democrata 1 270 137 22,95 Baixa5,32
117 / 308
Baixa21
666 / 2 078
Baixa77
PSD-CDS/PSD-CDS-PPM/PSD-CDS-MPT/PSD-CDS-PPM-MPT 872 429 15,76 Aumento4,14
22 / 308
Aumento2
207 / 2 078
Aumento41
Coligação Democrática Unitária 539 694 9,75 Baixa1,21
28 / 308
Baixa4
174 / 2 078
Baixa29
Grupo de Cidadãos 225 379 4,07 Aumento1,60
7 / 308
=
67 / 2 078
Aumento22
CDS – Partido Popular 171 049 3,09 Aumento0,02
1 / 308
=
31 / 2 078
Aumento1
Bloco de Esquerda 167 101 3,02 Aumento0,07
1 / 308
=
9 / 2 078
Aumento2
Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses 14 275 0,26 Baixa0,03
0 / 308
=
0 / 2 078
=
Partido da Terra 11 069 0,20 Aumento0,17
0 / 308
=
2 / 2 078
Aumento2
Partido da Nova Democracia 6 946 0,13 Aumento0,09
0 / 308
=
1 / 2 078
Aumento1
Movimento Esperança Portugal 1 975 0,04 Novo
0 / 308
Novo
0 / 2 078
Novo
Movimento Mérito e Sociedade 1 569 0,03 Novo
0 / 308
Novo
0 / 2 078
Novo
Partido Popular Monárquico 1 461 0,03 =
0 / 308
=
0 / 2 078
=
Partido Nacional Renovador 1 202 0,02 Baixa0,01
0 / 308
=
0 / 2 078
=
Partido Trabalhista Português 732 0,01 Novo
0 / 308
Novo
0 / 2 078
Novo
CDS-PPM/CDS-MPT 321 0,00 Novo
0 / 308
Novo
0 / 2 078
Novo
Votos Inválidos 164 103 2,97 Baixa1,31
Total 5 533 824 100 308 2 078 Aumento32
Eleitorado/Participação 9 377 343 59,01 Baixa1,96
Fonte [10]

Resultados por Distrito e Região (Câmara e Vereadores)[editar | editar código-fonte]

Distrito de Aveiro[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Social Democrata 142 951 36,47 Baixa1,27
11 / 19
=
62 / 139
Baixa2
Partido Socialista 142 188 36,27 Aumento2,04
6 / 19
=
52 / 139
Aumento3
PSD-CDS 37 738 9,63 Baixa0,45
2 / 19
=
14 / 139
Baixa1
CDS – Partido Popular 28 107 7,17 Aumento0,45
0 / 19
=
7 / 139
Baixa2
Coligação Democrática Unitária 12 097 3,09 Baixa0,69
0 / 19
=
0 / 139
Bloco de Esquerda 9 610 2,45 Aumento0,92
0 / 19
=
0 / 139
=
Grupo de Cidadãos 7 113 1,81 Aumento0,33
0 / 19
=
0 / 139
Partido da Nova Democracia 105 0,03 Baixa0,08
0 / 19
=
0 / 139
=
Votos Inválidos 12 077 3,08 Baixa1,25
Total 391 986 100 19 139
Eleitorado/Participação 644 405 60,83 Baixa2,62

Distrito de Beja[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 39 463 43,81 Aumento3,94
7 / 14
Aumento2
40 / 78
Aumento6
Coligação Democrática Unitária 35 864 39,82 Aumento0,18
6 / 14
Baixa1
33 / 78
Baixa1
Partido Social Democrata 6 765 7,51 Baixa3,80
1 / 14
=
4 / 78
Baixa3
PSD-CDS/PSD-CDS-PPM 2 380 2,64 Baixa0,06
0 / 14
=
1 / 78
=
Bloco de Esquerda 1 623 1,80 Aumento0,88
0 / 14
=
0 / 78
=
CDS – Partido Popular 641 0,71 Aumento0,34
0 / 14
=
0 / 78
=
Grupo de Cidadãos 573 0,64 Aumento0,02
0 / 14
Baixa1
0 / 78
Baixa2
Partido da Terra 83 0,09 -
0 / 14
-
0 / 78
-
Votos Inválidos 2 682 2,98 Baixa1,04
Total 90 074 100 14 78
Eleitorado/Participação 138 624 64,98 Aumento1,16

Distrito de Braga[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 222 702 43,02 Baixa0,01
8 / 14
Aumento2
55 / 114
Aumento1
Partido Social Democrata 105 721 20,42 Baixa3,84
4 / 14
Baixa2
28 / 114
Baixa5
PSD-CDS/PSD-CDS-PPM 104 937 20,27 Aumento2,20
1 / 14
Baixa1
21 / 114
Aumento1
Coligação Democrática Unitária 23 983 4,63 Baixa1,39
0 / 14
=
1 / 114
Baixa1
CDS – Partido Popular 17 060 3,30 Aumento0,80
0 / 114
=
2 / 114
Aumento1
Grupo de Cidadãos 14 528 2,81 -
1 / 14
-
7 / 114
-
Bloco de Esquerda 13 383 2,59 Aumento0,47
0 / 14
=
0 / 114
=
Partido da Nova Democracia 1 203 0,23 Baixa0,04
0 / 14
=
0 / 114
=
PCTP/MRPP 878 0,17 Baixa0,24
0 / 14
=
0 / 114
=
Partido da Terra 704 0,14 -
0 / 14
-
0 / 114
-
Partido Popular Monárquico 292 0,06 Aumento0,01
0 / 14
=
0 / 114
=
Votos Inválidos 12 242 2,36 Baixa0,77
Total 517 633 100 14 114 Aumento4
Eleitorado/Participação 763 106 67,83 Baixa2,99

Distrito de Bragança[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 37 786 38,16 Aumento3,89
6 / 12
Aumento2
35 / 72
Aumento7
Partido Social Democrata 31 096 31,40 Baixa19,18
4 / 12
Baixa4
19 / 72
Baixa20
PSD-CDS 14 278 14,42 -
2 / 12
-
13 / 72
-
Grupo de Cidadãos 5 164 5,22 -
0 / 12
-
3 / 72
-
CDS – Partido Popular 5 060 5,11 Baixa3,88
0 / 72
=
2 / 72
Baixa1
Coligação Democrática Unitária 1 761 1,78 Aumento0,05
0 / 12
=
0 / 72
=
Bloco de Esquerda 529 0,53 Aumento0,16
0 / 12
=
0 / 72
=
Partido Popular Monárquico 23 0,02 -
0 / 12
-
0 / 72
-
Votos Inválidos 3 320 3,35 Baixa0,52
Total 99 017 100 12 72 Aumento2
Eleitorado/Participação 156 435 63,30 Baixa3,55

Distrito de Castelo Branco[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 54 111 44,65 Aumento1,49
6 / 11
Baixa1
36 / 69
Aumento5
Partido Social Democrata 49 706 41,02 Baixa0,52
5 / 11
Aumento1
31 / 69
Aumento2
Coligação Democrática Unitária 5 023 4,15 Baixa0,08
0 / 11
=
0 / 69
=
CDS – Partido Popular 4 157 3,43 Aumento1,00
0 / 11
=
0 / 69
Baixa1
Bloco de Esquerda 1 878 1,55 Aumento0,30
0 / 11
=
0 / 69
=
PSD-CDS-MPT 1 709 1,41 Aumento0,09
0 / 11
=
2 / 69
=
Partido da Terra 201 0,17 -
0 / 11
-
0 / 69
-
Partido Trabalhista Português 43 0,04 Novo
0 / 11
Novo
0 / 69
Novo
Votos Inválidos 4 352 3,59 Baixa0,87
Total 121 180 100 11 69 Aumento4
Eleitorado/Participação 193 960 62,48 Baixa3,71

Distrito de Coimbra[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 92 713 38,98 Aumento2,75
9 / 17
Aumento3
56 / 117
Aumento4
Partido Social Democrata 55 224 23,22 Baixa5,88
5 / 17
Baixa3
37 / 117
Baixa11
PSD-CDS/PSD-CDS-PPM 44 110 18,54 Baixa0,21
3 / 17
=
18 / 117
Aumento3
Grupo de Cidadãos 16 009 6,73 Aumento6,53
0 / 17
=
5 / 117
Aumento5
Coligação Democrática Unitária 13 443 5,65 Baixa1,92
0 / 17
=
1 / 117
Baixa1
Bloco de Esquerda 6 870 2,89 Aumento0,77
0 / 17
=
0 / 117
=
CDS – Partido Popular 1 019 0,43 Baixa0,56
0 / 17
=
0 / 117
=
Movimento Mérito e Sociedade 203 0,09 Novo
0 / 17
Novo
0 / 117
Novo
Votos Inválidos 8 272 3,47 Baixa1,21
Total 237 863 100 17 117
Eleitorado/Participação 394 237 60,34 Baixa2,49

Distrito de Évora[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 36 385 39,84 Aumento1,10
7 / 14
=
36 / 78
Aumento3
Coligação Democrática Unitária 31 142 34,10 Baixa3,17
4 / 14
Baixa2
26 / 78
Baixa7
Partido Social Democrata 10 059 11,01 Baixa0,54
0 / 14
=
5 / 78
Baixa1
Grupo de Cidadãos 7 604 8,33 Aumento5,82
3 / 14
Aumento2
9 / 78
Aumento6
PSD-CDS 1 541 1,69 Baixa1,30
0 / 14
=
2 / 78
Baixa1
Bloco de Esquerda 993 1,09 Baixa0,03
0 / 14
=
0 / 78
=
CDS – Partido Popular 910 1,00 Aumento0,08
0 / 14
=
0 / 78
=
Votos Inválidos 2 702 2,95 Baixa1,08
Total 91 336 100 14 78
Eleitorado/Participação 147 863 61,77 Baixa0,69

Distrito de Faro[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 84 018 41,43 Aumento0,89
7 / 16
=
49 / 104
Baixa1
Partido Social Democrata 65 500 32,30 Baixa6,78
8 / 16
Baixa1
43 / 104
Baixa2
PSD-CDS/PSD-CDS-PPM-MPT 21 471 10,58 Aumento7,53
1 / 16
Aumento1
9 / 104
Aumento7
Coligação Democrática Unitária 12 224 6,03 Baixa1,91
0 / 16
=
1 / 104
Baixa2
Bloco de Esquerda 8 026 3,96 Aumento1,36
0 / 16
=
1 / 104
Aumento1
CDS – Partido Popular 3 169 1,56 Aumento0,15
0 / 16
=
0 / 104
=
Grupo de Cidadãos 1 889 0,93 Aumento0,39
0 / 16
=
1 / 104
Aumento1
PCTP/MRPP 308 0,15 Aumento0,04
0 / 16
=
0 / 104
=
Partido da Terra 114 0,06 -
0 / 16
-
0 / 104
-
Votos Inválidos 6 067 2,99 Baixa1,60
Total 202 786 100 16 104 Aumento4
Eleitorado/Participação 357 771 56,68 Baixa0,89

Distrito da Guarda[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 53 062 46,49 Aumento1,75
5 / 14
Aumento1
39 / 82
Aumento3
Partido Social Democrata 37 173 32,57 Baixa12,34
8 / 14
Baixa2
34 / 82
Baixa12
PSD-CDS 10 667 9,35 -
1 / 14
-
7 / 82
-
Coligação Democrática Unitária 2 733 2,39 Baixa0,41
0 / 14
=
0 / 82
=
CDS – Partido Popular 2 257 1,98 Baixa0,45
0 / 14
=
0 / 82
=
Partido da Terra 1 781 1,56 -
0 / 14
-
1 / 82
-
Grupo de Cidadãos 1 376 1,21 -
0 / 14
-
1 / 82
-
Bloco de Esquerda 723 0,63 Aumento0,16
0 / 14
=
0 / 82
=
PCTP/MRPP 176 0,15 Aumento0,02
0 / 14
=
0 / 82
=
CDS-PPM 130 0,11 Novo
0 / 14
Novo
0 / 82
Novo
Votos Inválidos 4 054 3,55 Baixa0,97
Total 114 132 100 14 82
Eleitorado/Participação 175 654 64,98 Baixa4,20

Distrito de Leiria[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Social Democrata 108 867 45,01 Baixa2,67
11 / 16
Baixa1
60 / 110
Aumento1
Partido Socialista 80 957 33,47 Aumento3,53
4 / 16
Aumento2
38 / 110
Aumento4
Coligação Democrática Unitária 21 041 8,70 Baixa0,32
1 / 16
Baixa1
8 / 110
=
CDS – Partido Popular 12 539 5,18 Aumento0,30
0 / 16
=
4 / 110
Aumento3
Bloco de Esquerda 6 033 2,49 Aumento0,21
0 / 16
=
0 / 110
=
Grupo de Cidadãos 3 215 1,33 Aumento0,45
0 / 16
=
0 / 110
Baixa2
Votos Inválidos 9 203 3,81 Baixa1,52
Total 241 855 100 16 110 Aumento6
Eleitorado/Participação 421 499 57,38 Baixa3,08

Distrito de Lisboa[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 391 940 40,22 Aumento8,21
9 / 16
Aumento1
69 / 150
Aumento12
PSD-CDS/PSD-CDS-PPM/PSD-CDS-PPM-MPT 293 705 30,14 Aumento16,64
2 / 16
=
40 / 150
Aumento16
Coligação Democrática Unitária 121 397 12,46 Baixa2,72
1 / 16
=
19 / 150
Baixa6
Bloco de Esquerda 44 830 4,60 Baixa1,18
0 / 16
=
0 / 150
Baixa1
Partido Social Democrata 40 563 4,16 Baixa17,85
3 / 16
Baixa1
17 / 150
Baixa17
Grupo de Cidadãos 35 759 3,67 Aumento0,91
1 / 16
=
5 / 150
Aumento1
PCTP/MRPP 5 972 0,61 Baixa0,22
0 / 16
=
0 / 150
=
CDS – Partido Popular 5 854 0,60 Baixa1,73
0 / 16
=
0 / 150
Baixa1
Movimento Esperança Portugal 1 975 0,20 Novo
0 / 16
Novo
0 / 150
Novo
Partido Nacional Renovador 1 202 0,12 Baixa0,05
0 / 16
=
0 / 150
=
Movimento Mérito e Sociedade 695 0,07 Novo
0 / 16
Novo
0 / 150
Novo
Partido Trabalhista Português 689 0,07 Novo
0 / 16
Novo
0 / 150
Novo
Partido Popular Monárquico 489 0,05 Baixa0,01
0 / 16
=
0 / 150
=
Votos Inválidos 29 522 3,03 Baixa2,13
Total 974 592 100 16 150 Aumento4
Eleitorado/Participação 1 870 241 52,11 Baixa0,94

Distrito de Portalegre[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 32 730 45,05 Aumento5,46
5 / 15
Baixa1
39 / 81
Aumento4
Partido Social Democrata 16 864 23,21 Baixa2,78
7 / 15
Aumento2
23 / 81
Aumento2
Coligação Democrática Unitária 11 909 16,39 Baixa2,18
3 / 15
=
13 / 81
Baixa3
Grupo de Cidadãos 3 808 5,24 Aumento0,71
0 / 15
=
4 / 81
=
PSD-CDS 3 607 4,96 Baixa1,08
0 / 15
Baixa1
2 / 81
Baixa3
Bloco de Esquerda 775 1,07 Aumento0,83
0 / 15
=
0 / 81
=
CDS – Partido Popular 721 0,99 Baixa0,12
0 / 15
=
0 / 81
=
Partido da Terra 210 0,29 -
0 / 15
-
0 / 81
-
CDS-PPM 26 0,04 Novo
0 / 15
Novo
0 / 81
Novo
Votos Inválidos 2 006 2,76 Baixa0,82
Total 72 656 100 15 81
Eleitorado/Participação 108 814 66,77 Baixa1,22

Distrito do Porto[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 339 291 34,36 Aumento0,21
7 / 18
Aumento1
66 / 162
Aumento5
PSD-CDS 270 135 27,35 Aumento0,40
5 / 18
Aumento1
39 / 162
Aumento2
Partido Social Democrata 161 468 16,35 Aumento0,83
5 / 18
Baixa1
40 / 162
=
Grupo de Cidadãos 99 590 10,08 Aumento2,08
1 / 18
Baixa1
15 / 162
Aumento1
Coligação Democrática Unitária 47 726 4,83 Baixa1,02
0 / 18
=
1 / 162
Baixa2
Bloco de Esquerda 25 699 2,60 Baixa0,39
0 / 18
=
0 / 162
=
CDS – Partido Popular 15 087 1,53 Baixa0,63
0 / 18
=
1 / 162
Baixa2
Partido da Terra 1 482 0,15 =
0 / 18
=
0 / 162
=
PCTP/MRPP 1 083 0,11 Aumento0,03
0 / 18
=
0 / 162
=
Partido Popular Monárquico 157 0,02 Aumento0,01
0 / 18
=
0 / 162
=
Votos Inválidos 25 847 2,62 Baixa1,23
Total 987 565 100 18 162 Aumento4
Eleitorado/Participação 1 552 386 63,62 Baixa1,06

Distrito de Santarém[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 91 135 37,59 Baixa0,50
9 / 21
=
64 / 133
Aumento4
Partido Social Democrata 71 274 29,40 Baixa1,11
6 / 21
Baixa1
33 / 133
Baixa5
Coligação Democrática Unitária 29 647 12,23 Baixa2,50
4 / 21
Aumento1
18 / 133
Baixa4
Grupo de Cidadãos 14 903 6,15 Aumento2,70
0 / 21
Baixa1
6 / 133
=
Bloco de Esquerda 11 557 4,77 Aumento0,64
1 / 21
=
5 / 133
=
PSD-CDS 9 749 4,02 Aumento2,97
1 / 21
Aumento1
7 / 133
Aumento5
CDS – Partido Popular 5 998 2,47 Baixa0,66
0 / 21
=
0 / 133
=
CDS-MPT 165 0,07 Novo
0 / 21
Novo
0 / 133
Novo
Votos Inválidos 7 992 3,29 Baixa1,63
Total 242 420 100 21 133
Eleitorado/Participação 404 484 59,93 Baixa1,63

Distrito de Setúbal[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Coligação Democrática Unitária 146 935 42,16 Aumento0,20
9 / 13
Baixa1
52 / 105
=
Partido Socialista 97 622 28,01 Baixa0,14
3 / 13
=
37 / 105
Baixa1
Partido Social Democrata 38 956 11,18 Baixa3,87
0 / 13
=
7 / 105
Baixa5
Bloco de Esquerda 23 028 6,61 Aumento0,39
0 / 13
=
3 / 105
Aumento2
CDS – Partido Popular 15 149 4,35 Aumento3,42
0 / 13
=
0 / 105
=
PCTP/MRPP 5 826 1,67 Aumento0,72
0 / 13
=
0 / 105
=
PSD-CDS 4 712 1,35 Baixa0,30
0 / 13
=
2 / 105
=
Grupo de Cidadãos 4 271 1,23 Aumento1,17
1 / 13
Aumento1
4 / 105
Aumento4
Movimento Mérito e Sociedade 671 0,19 Novo
0 / 13
Novo
0 / 105
Novo
Partido da Terra 354 0,10 -
0 / 13
-
0 / 105
-
Votos Inválidos 10 987 3,15 Baixa1,74
Total 348 511 100 13 105
Eleitorado/Participação 702 615 49,60 Baixa0,60

Distrito de Viana do Castelo[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 64 919 41,70 Baixa0,86
6 / 10
Baixa1
35 / 68
Baixa2
Partido Social Democrata 38 379 24,65 Baixa10,29
3 / 10
Aumento1
23 / 68
Baixa3
CDS – Partido Popular 20 247 13,01 Aumento0,60
1 / 10
=
6 / 68
Aumento1
PSD-CDS 18 039 11,59 -
0 / 10
-
4 / 68
-
Coligação Democrática Unitária 6 025 3,87 Aumento0,36
0 / 10
=
0 / 68
=
Bloco de Esquerda 2 695 1,73 Aumento0,57
0 / 10
=
0 / 68
=
Grupo de Cidadãos 663 0,43 Baixa1,15
0 / 10
=
0 / 68
=
Votos Inválidos 4 718 3,03 Baixa0,78
Total 155 685 100 10 68
Eleitorado/Participação 256 247 60,76 Baixa5,40

Distrito de Vila Real[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Social Democrata 62 140 43,23 Aumento6,53
6 / 14
Baixa1
34 / 84
Aumento1
Partido Socialista 54 625 38,00 Baixa4,48
7 / 14
Aumento3
39 / 84
Aumento3
PSD-CDS 11 357 7,90 Baixa3,61
1 / 14
Baixa1
9 / 84
Baixa4
CDS – Partido Popular 6 327 4,40 Aumento2,72
0 / 14
=
2 / 84
Aumento2
Coligação Democrática Unitária 3 685 2,56 Baixa0,02
0 / 14
=
0 / 84
=
Bloco de Esquerda 1 174 0,82 Aumento0,66
0 / 14
=
0 / 84
=
PCTP/MRPP 32 0,02 Baixa0,01
0 / 14
=
0 / 84
=
Votos Inválidos 4 399 3,06 Baixa0,62
Total 143 739 100 14 84
Eleitorado/Participação 236 812 60,70 Baixa4,58

Distrito de Viseu[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Social Democrata 101 332 42,51 Aumento2,55
12 / 24
Baixa4
69 / 152
Aumento5
Partido Socialista 86 309 36,21 Baixa0,77
9 / 24
Aumento5
64 / 152
Aumento8
PSD-CDS 22 294 9,35 Baixa3,17
3 / 24
Baixa1
17 / 152
Baixa6
CDS – Partido Popular 10 016 4,20 Aumento0,55
0 / 24
=
2 / 152
Baixa1
Coligação Democrática Unitária 4 575 1,92 Aumento0,06
0 / 24
=
0 / 152
=
Bloco de Esquerda 2 474 1,04 Aumento0,40
0 / 24
=
0 / 152
=
Grupo de Cidadãos 2 465 1,03 Aumento0,54
0 / 24
=
0 / 152
=
Partido da Terra 1 284 0,54 -
0 / 24
-
0 / 152
-
Partido Popular Monárquico 500 0,21 -
0 / 24
-
0 / 152
-
Votos Inválidos 7 134 3,00 Baixa0,91
Total 238 383 100 24 152 Aumento4
Eleitorado/Participação 382 153 62,38 Baixa3,92

Região Autónoma dos Açores[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Socialista 57 914 46,93 Aumento3,10
12 / 19
Aumento4
58 / 109
Aumento6
Partido Social Democrata 53 911 43,69 Baixa3,80
7 / 19
Baixa4
50 / 109
Baixa1
CDS – Partido Popular 5 143 4,17 Aumento2,43
0 / 19
=
1 / 109
Aumento1
Coligação Democrática Unitária 2 115 1,71 Baixa1,20
0 / 19
=
0 / 109
Baixa2
Bloco de Esquerda 1 605 1,30 Aumento0,31
0 / 19
=
0 / 109
=
Votos Inválidos 2 713 2,20 Baixa0,32
Total 123 401 100 19 109
Eleitorado/Participação 217 403 56,76 Baixa1,44

Região Autónoma da Madeira[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % +/- Presidentes de CM +/- Vereadores +/-
Partido Social Democrata 72 188 51,93 Baixa2,29
11 / 11
=
47 / 71
=
Partido Socialista 24 512 17,63 Baixa10,08
0 / 11
=
14 / 71
Baixa6
CDS – Partido Popular 11 588 8,34 Aumento1,86
0 / 11
=
4 / 71
Aumento1
Grupo de Cidadãos 6 449 4,64 -
0 / 11
-
3 / 71
-
Coligação Democrática Unitária 6 369 4,58 Baixa0,45
0 / 11
=
1 / 71
=
Partido da Nova Democracia 5 638 4,06 -
0 / 11
-
1 / 71
-
Partido da Terra 4 856 3,49 -
0 / 11
-
1 / 71
-
Bloco de Esquerda 3 596 2,59 Baixa0,58
0 / 11
=
0 / 71
=
Votos Inválidos 3 814 2,74 Baixa0,64
Total 139 010 100 11 71
Eleitorado/Participação 252 634 55,02 Baixa5,65

Referências

  1. a b Eleiçoes autárquicas de 2005 STAPE/ITIJ. Visitado em 11 de outubro de 2009.
  2. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas DGAI.2FITIJ
  3. Acórdão Nº 255/09 TC - Tribunal Constitucional de Portugal (20 de Maio de 2009). Visitado em 11 de outubro de 2009.
  4. a b Há 279 câmaras onde tudo pode continuar como até agora Público (1 de outubro de 2009). Visitado em 12 de outubro de 2009.
  5. Lei n.º 2/2009 de 12 de janeiro Diário da República (12 de janeiro de 2009). Visitado em 19 de outubro de 2009.
  6. Autárquicas RTP - Rádio e Televisão de Portugal (2 de outubro de 2009). Visitado em 12 de outubro de 2009.
  7. Autárquicas: Mais de cem freguesias elegem Juntas em plenário Portal de Gondomar (20 de julho de 2009). Visitado em 19 de outubro de 2009.
  8. São Bento de Ana Loura, a freguesia com menos eleitores em Portugal, apenas 33 Diário de Notícias (7 de outubro de 2009). Visitado em 19 de outubro de 2009.
  9. Santana Lopes: Sondagens são "vergonha" para democracia Diário de Notícias (12 de outubro de 2009). Visitado em 12 de outubro de 2009.
  10. Autárquicas 2009 - Resultados por Distrito www.eleicoes.mai.gov.pt. Visitado em 2015-12-04.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]