Eleições estaduais em Minas Gerais em 2010

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2006 Brasil 2014
Eleições estaduais em  Minas Gerais em 2010
3 de outubro de 2010
(Decisão em primeiro turno)
Foto oficial de Antonio Anastasia.jpg Ministro Hélio Costa.jpg
Candidato Antonio Anastasia Hélio Costa
Partido PSDB PMDB
Natural de Belo Horizonte Barbacena
Vice Alberto Pinto Coelho Patrus Ananias
Votos 6.233.923 3.402.639
Porcentagem 62,72% 34,18%


Brasão de Minas Gerais.svg
Governador de Minas Gerais

As eleições estaduais em Minas Gerais em 2010 ocorreram em 3 de outubro como parte das eleições gerais em 26 estados brasileiros e no Distrito Federal. Foram eleitos o governador Antonio Anastasia, o vice-governador Alberto Pinto Coelho, os senadores Aécio Neves e Itamar Franco, 53 deputados federais e 77 estaduais. Como o candidato a governador mais votado superou a metade mais um dos votos válidos, o pleito foi decidido em primeiro turno e conforme a Constituição, o governador teria um mandato de quatro anos já sob a égide da reeleição.[1][2][3]

Anastasia é o substituto natural de Aécio Neves. No chamado "choque de gestão" implantado pelo então governador Aécio Neves, no primeiro mandato, de 2003 a 2006, Antonio Anastasia foi nomeado coordenador do projeto que enxugou a máquina pública e, segundo o governo de Minas Gerais, reduziu o número de secretarias de 21 para 15, entre outras medidas.

O PSDB não apresentou outro candidato à sucessão do governo em Minas nesta eleição. Anastasia foi o nome falado desde o início. Apesar de desconhecido em boa parte do estado, o "professor" Anastasia, como é chamado por muitos, conseguiu se popularizar em Minas após o início da campanha eleitoral no rádio e na televisão. O apoio do ex-governador Aécio Neves também se mostrou importante para a eleição de Anastasia.

Antonio Augusto Anastasia, de 49 anos, assumiu o governo de Minas Gerais após a saída de Aécio Neves, em 31 de março de 2010. É professor de Direito Administrativo e servidor de carreira da Fundação João Pinheiro desde 1985. Ele foi secretário de estado de diversas pastas, presidente da Fundação João Pinheiro. Na esfera federal, foi secretário-executivo dos Ministérios do Trabalho e da Justiça. No primeiro governo de Aécio Neves, de 2003 a 2006, foi secretário de estado de Planejamento e Gestão e de Defesa Social. Em 2006, foi eleito vice-governador.

Pelas primeiras pesquisas, o governador era o segundo colocado na disputa, atrás de Hélio Costa. Com o começo da propaganda eleitoral na televisão e no rádio, Anastasia apresentou um crescimento constante e conseguiu se reeleger ainda no primeiro turno.[4]

Resultado da eleição para governador[editar | editar código-fonte]

Candidatos a governador do estado
Candidatos a vice-governador Número Coligação Votação Percentual
Antonio Anastasia
PSDB
Alberto Pinto Coelho
PP
45
Somos Minas Gerais
(PSDB, PP, PPS, DEM, PTB, PR, PDT, PSB, PSC, PSL, PSDC, PMN)
6.275.520
62,72%
Hélio Costa
PMDB
Patrus Ananias
PT
15
Todos juntos por Minas
(PMDB, PT, PCdoB, PRB)
3.419.622
34,18%
José Fernando
PV
Leonardo Matos
PV
43
PV (sem coligação)
234.125
2,34%
Luiz Carlos Ferreira
PSOL
Valdir Lopes Giácomo
PSOL
50
PSOL (sem coligação)
32.734
0,33%
Vanessa Portugal
PSTU
Orlando Soares Paiva
PSOL
16
PSTU (sem coligação)
29.836
0,30%
Fábio Bezerra
PCB
Sílvio Pedro Rodrigues
PCB
21
PCB (sem coligação)
6.763
0,07%
Edilson José do Nascimento
PTdoB
Marluce Rodrigues de Paiva
PTdoB
70
Minas no rumo certo
(PTdoB, PHS, PTN, PRTB, PTC, PRP)
4.639
0,05%
Adilson Rosa dos Santos
PCO
Gilmara Lúcia dos Santos
PCO
29
PCO (sem coligação)
2.788
0,03%
  Eleito(a)

Resultado da eleição para senador[editar | editar código-fonte]

Candidatos a senador da República
Candidatos a suplente de senador Número Coligação Votação Percentual
Aécio Neves
PSDB
Elmiro Nascimento
DEM
Tilden Santiago
PSB
456
Somos Minas Gerais
(PSDB, PP, PPS, DEM, PTB, PR, PDT, PSB, PSC, PSL, PSDC, PMN)
7.565.377
39,47%
Itamar Franco
PPS
Zezé Perrella
PDT
Elaine Matozinhos
PTB
234
Somos Minas Gerais
(PSDB, PP, PPS, DEM, PTB, PR, PDT, PSB, PSC, PSL, PSDC, PMN)
5.125.455
26,74%
Fernando Pimentel
PT
Virgílio Guimarães
PT
Amarildo Ferreira Silva
PT
133
Todos juntos por Minas
(PMDB, PT, PCdoB, PRB)
4.595.351
23,98%
Zito Vieira
PCdoB
Gilson de Souza
PT
Maria Aparecida Andrade Moura
PMDB
650
Todos juntos por Minas
(PMDB, PT, PCdoB, PRB)
1.486.787
7,76%
Miguel Martini
PHS
Marcilene Jacinto Queiroz
PHS
Cristiano Costa Coelho
PHS
313
Minas no rumo certo
(PTdoB, PHS, PTN, PRTB, PTC, PRP)
274.215
1,43%
Marilda Ribeiro
PSOL
Maria Aparecida Machado
PSOL
Júlio César de Campos
PSOL
500
PSOL (sem coligação)
53.663
0,28%
Rafael Sales Pimenta
PCB
José Francisco Neres
PCB
Alvimar Alves da Rocha
PCB
212
PCB (sem coligação)
21.432
0,11%
Waldeir Fernandes da Silva
PSOL
Luiz Carlos Freitas Pereira
PSOL
Carlos Roberto Campos
PSOL
501
PSOL (sem coligação)
16.958
0,09%
Efraim Gomes de Moura
PSTU
Luiz Roberto Rezende Martins
PSOL
Valter Celso Bueno Soares
PSOL
160
PSTU (sem coligação)
13.339
0,07%
José João da Silva
PSTU
Pedro Afonso Valadares
PSOL
Israel Pinheiro[nota 1]
PSOL
161
PSTU (sem coligação)
6.794
0,04%
  Eleito(a)

Deputados federais eleitos[editar | editar código-fonte]

São relacionados os candidatos eleitos com informações complementares da Câmara dos Deputados.[5] Ressalte-se que os votos em branco eram considerados válidos para fins de cálculo do quociente eleitoral nas disputas proporcionais até 1997, quando essa anomalia foi banida de nossa legislação.[3]

Deputados federais eleitos Partido Votação Percentual Cidade onde nasceu Unidade federativa
Rodrigo de Castro PSDB 271.306 2,64% Viçosa  Minas Gerais
Lael Varela DEM 243.884 2,37% Muriaé  Minas Gerais
Weliton Prado PT 234.397 2,28% Uberlândia  Minas Gerais
Eros Biondini PTB 208.058 2,02% Belo Horizonte  Minas Gerais
Alexandre Silveira PPS 199.418 1,94% Belo Horizonte  Minas Gerais
Gilmar Machado PT 192.657 1,87% Cascalho Rico  Minas Gerais
Jaime Martins Filho PR 180.117 1,75% Nova Serrana  Minas Gerais
Toninho Pinheiro PP 179.649 1,75% Ibirité  Minas Gerais
Reginaldo Lopes PT 176.241 1,71% Bom Sucesso  Minas Gerais
Odair Cunha PT 165.644 1,61% Piedade  São Paulo
Marcus Pestana PSDB 161.892 1,57% Juiz de Fora  Minas Gerais
Dimas Fabiano PP 146.061 1,42% Macaé  Rio de Janeiro
Domingos Sávio PSDB 143.113 1,39% São Tiago  Minas Gerais
Leonardo Quintão PMDB 141.737 1,38% Taguatinga  Distrito Federal
Newton Cardoso PMDB 137.680 1,34% Brumado Bahia Bahia
Gabriel Guimarães PT 137.120 1,33% Governador Valadares  Minas Gerais
Carlaile Pedrosa PSDB 128.304 1,25% Itatiaiuçu  Minas Gerais
Marcio Reinaldo Moreira PP 124.551 1,21% Sete Lagoas  Minas Gerais
Eduardo Azeredo PSDB 123.649 1,20% Belo Horizonte  Minas Gerais
Eduardo Barbosa PSDB 120.769 1,17% Pará de Minas  Minas Gerais
Bernardo Vasconcelos PR 119.029 1,16% Belo Horizonte  Minas Gerais
Antônio Andrade PMDB 117.722 1,14% Patos de Minas  Minas Gerais
Olavo Bilac Pinto Neto PR 117.230 1,14% Rio de Janeiro  Rio de Janeiro
Miguel Corrêa PT 113.388 1,10% Belo Horizonte  Minas Gerais
João Carlos Siqueira PT 111.651 1,09% Urucânia  Minas Gerais
José Silva Soares PDT 110.570 1,08% Iturama  Minas Gerais
Aelton Freitas PR 106.192 1,03% Iturama  Minas Gerais
Jô Moraes PCdoB 105.977 1,03% Cabedelo  Paraíba
Paulo Abi-Ackel PSDB 105.422 1,03% Belo Horizonte  Minas Gerais
Renzo Braz PP 102.573 1,00% Muriaé  Minas Gerais
João Magalhães PMDB 101.639 0,99% Matipó  Minas Gerais
Narcio Rodrigues PSDB 101.090 0,98% Frutal  Minas Gerais
Mário de Oliveira PSC 100.811 0,98% Júlio Mesquita  São Paulo
Carlos Melles DEM 100.325 0,98% São Sebastião do Paraíso  Minas Gerais
Lincoln Portela PR 109.045 1,06% Belo Horizonte  Minas Gerais
Luiz Fernando Faria PP 105.413 1,03% Santos Dumont  Minas Gerais
Fábio Ramalho PV 96.309 0,94% Brasília  Distrito Federal
Marcos Montes DEM 94.077 0,91% Nova Serrana  Minas Gerais
Mauro Lopes PMDB 93.035 0,90% Entre Folhas  Minas Gerais
George Hilton PRB 92.282 0,90% Alagoinhas Bahia Bahia
Paulo Piau PMDB 90.907 0,88% Patos de Minas  Minas Gerais
Saraiva Felipe PMDB 90.097 0,88% Belo Horizonte  Minas Gerais
Diego Andrade PR 90.073 0,88% Belo Horizonte  Minas Gerais
Antônio Roberto PV 88.344 0,86% Montes Claros  Minas Gerais
Geraldo Tadeu PPS 87.826 0,85% Jacuí  Minas Gerais
Walter Tosta PMN 86.192 0,84% Rio de Janeiro  Rio de Janeiro
Leonardo Monteiro PT 85.891 0,84% Governador Valadares  Minas Gerais
Aracely de Paula PR 81.129 0,79% Ibiá  Minas Gerais
Ademir Camilo PDT 72.967 0,71% Montes Claros  Minas Gerais
Júlio Delgado PSB 70.945 0,69% Juiz de Fora  Minas Gerais
Luís Tibé PTdoB 58.677 0,57% Belo Horizonte  Minas Gerais
José Humberto Soares PHS 51.824 0,50% Patos de Minas  Minas Gerais
Rodrigo Grilo PSL 40.093 0,39% Belo Horizonte  Minas Gerais

Deputados estaduais eleitos[editar | editar código-fonte]

Foram escolhidos 77 deputados estaduais para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais.[1][3]

Deputados estaduais eleitos Partido Votação Percentual Cidade onde nasceu Unidade federativa
Dinis Pinheiro PSDB 159.422 1,54% Ibirité  Minas Gerais
Marques Abreu PTB 153.225 1,48% Guarulhos  São Paulo
Mauri Torres PSDB 106.519 1,03% Guararema  São Paulo
Arlen Santiago PTB 105.859 1,02% Montes Claros  Minas Gerais
Tiago Ulisses PV 103.677 1,00% Belo Horizonte  Minas Gerais
Braulio Braz PTB 102.530 0,99% Muriaé  Minas Gerais
Gil Pereira PP 95.450 0,92% Montes Claros  Minas Gerais
Sargento Rodrigues PDT 94.312 0,91% Medeiros Neto Bahia Bahia
Agostinho Patrus PV 93.656 0,90% Belo Horizonte  Minas Gerais
José Henrique PMDB 93.622 0,90% Abre Campo  Minas Gerais
Paulo Guedes PT 92.710 0,89% São João das Missões  Minas Gerais
Elismar Prado PT 92.027 0,89% Uberlândia  Minas Gerais
Dalmo Ribeiro PSDB 90.538 0,87% Ouro Fino  Minas Gerais
Durval Andrade PT 89.811 0,87% Baixo Guandu  Espírito Santo
Luiz Humberto Carneiro PSDB 88.963 0,86% Uberlândia  Minas Gerais
Hely Tarquínio PV 85.973 0,83% Uberaba  Minas Gerais
Gustavo Corrêa DEM 85.504 0,83% São Paulo  São Paulo
João Leite PSDB 84.316 0,81% Belo Horizonte  Minas Gerais
Gustavo Perrella PDT 82.864 0,80% Belo Horizonte  Minas Gerais
Antônio Genaro PSC 81.159 0,78% Guaimbê  São Paulo
José Alves Viana DEM 80.419 0,78% Água Branca  Alagoas
Carlos Mosconi PSDB 79.705 0,77% Andradas  Minas Gerais
Lafayette de Andrada PSDB 78.302 0,76% Belo Horizonte  Minas Gerais
Dilzon Melo PTB 77.846 0,75% Capitólio  Minas Gerais
Luiz Henrique PSDB 77.740 0,75% Diamantina  Minas Gerais
Antônio Carlos Arantes PSC 74.542 0,72% Jacuí  Minas Gerais
José de Freitas Maia PSDB 72.336 0,70% Iturama  Minas Gerais
Gustavo Valadares DEM 71.568 0,69% Belo Horizonte  Minas Gerais
Wilson Batista[nota 2] PSL 70.106 0,68% São João del-Rei  Minas Gerais
Alencar da Silveira Júnior PDT 68.709 0,66% Sete Lagoas  Minas Gerais
Bruno Siqueira PMDB 68.437 0,66% Juiz de Fora  Minas Gerais
José Bonifácio Mourão PSDB 68.323 0,66% Sabinópolis  Minas Gerais
Délio Malheiros PV 68.254 0,66% Itamarandiba  Minas Gerais
Rosângela Reis PV 67.559 0,65% Mesquita  Minas Gerais
Vanderlei Miranda PMDB 64.929 0,63% Sabinópolis  Minas Gerais
Inácio Franco PV 63.662 0,61% Itaberaí  Goiás
Wander Borges PSB 62.810 0,61% Sabará  Minas Gerais
Célio Moreira PSDB 62.582 0,60% Belo Horizonte  Minas Gerais
Antônio Júlio PMDB 59.739 0,58% Pará de Minas  Minas Gerais
Rômulo Viegas PSDB 57.691 0,56% São João del-Rei  Minas Gerais
João Vitor da Itatiaia PRP 56.956 0,55% Belo Horizonte  Minas Gerais
Leonardo Moreira PSDB 56.945 0,55% Juiz de Fora  Minas Gerais
Tadeu Martins Leite PMDB 56.898 0,55% Montes Claros  Minas Gerais
Pompilio Canavez PT 56.263 0,54% São João del-Rei  Minas Gerais
Neilando Pimenta PHS 55.398 0,53% Teófilo Otoni  Minas Gerais
Jayro Lessa DEM 54.594 0,53% Governador Valadares  Minas Gerais
Adalclever Lopes PMDB 53.629 0,52% Belo Horizonte  Minas Gerais
Gilberto Abramo PRB 52.994 0,51% Porto Ferreira  São Paulo
Paulo Lamac PT 50.966 0,49% Belo Horizonte  Minas Gerais
Luzia Ferreira PPS 50.620 0,49% Perdigão  Minas Gerais
Carlinhos Moura PCdoB 50.221 0,48% Virgolândia  Minas Gerais
Ivair Nogueira PMDB 50.114 0,48% Betim  Minas Gerais
Duarte Bechir PMN 49.619 0,48% Cristais  Minas Gerais
Tenente Lúcio PDT 49.248 0,48% Uberlândia  Minas Gerais
Carlos Pimenta PDT 49.133 0,47% Belo Horizonte  Minas Gerais
Neider Moreira PPS 46.818 0,45% Itaúna  Minas Gerais
Rogério Correia PT 45.939 0,44% Belo Horizonte  Minas Gerais
Sávio Souza Cruz PMDB 45.415 0,44% Belo Horizonte  Minas Gerais
José Célio de Alvarenga PCdoB 45.373 0,44% Timóteo  Minas Gerais
André Quintão PT 45.324 0,44% Belo Horizonte  Minas Gerais
Hélio Gomes PSL 44.704 0,43% Muriaé  Minas Gerais
Liza Prado PSB 43.810 0,42% Uberlândia  Minas Gerais
Sebastião Costa PPS 43.376 0,42% Divino  Minas Gerais
Duilio de Castro PMN 41.727 0,40% Papagaios  Minas Gerais
Ulysses Gomes PT 41.265 0,40% Itajubá  Minas Gerais
Adelmo Carneiro Leão PT 40.562 0,39% Itapagipe  Minas Gerais
Almir Paraca PT 40.521 0,39% Paracatu  Minas Gerais
Antônio Lerin PSB 40.426 0,39% Uberaba  Minas Gerais
Fred Costa PHS 38.419 0,37% Belo Horizonte  Minas Gerais
Anselmo Domingos PTC 38.109 0,37% Campos Altos  Minas Gerais
Fábio Cherem PSL 37.885 0,37% Lavras  Minas Gerais
Maria Tereza Lara PT 37.442 0,36% Esmeraldas  Minas Gerais
Deiró Marra PR 36.527 0,35% Patrocínio  Minas Gerais
Cássio Soares PRTB 36.067 0,35% Passos  Minas Gerais
Carlos Henrique PRB 35.983 0,35% Rio de Janeiro  Rio de Janeiro
João Bosco PTdoB 31.455 0,30% Araxá  Minas Gerais
Fabiano Tolentino PRTB 31.182 0,30% Belo Horizonte  Minas Gerais

Pesquisas de opinião[editar | editar código-fonte]

Data Instituto Candidato Nenhum /
Não sabe
Anastasia (PSDB) Edilson Nascimento (PTdoB) Fabinho (PCB) Hélio Costa (PMDB) José Fernando (PV) Luiz Carlos (PSOL) Pepê (PCO) Vanessa Portugal (PSTU)
22 de março de 2009 Datafolha[6] 5%
41%
17%
14-18 de dezembro de 2009 Datafolha[7] 13%
37%
5%
26%
15 de janeiro de 2010 Vox Populi[8] 16%
37%
5%
40%
10 de maio de 2010 Vox Populi[9] 17%
45%
1%
2%
33%
17 de julho de 2010 Vox Populi[10] 18%
1%
0%
42%
1%
1%
2%
33%
20-23 de julho de 2010 Datafolha[11] 18%
1%
1%
44%
1%
2%
1%
2%
30%
26-29 de julho de 2010 Ibope[12] 21%
1%
1%
39%
1%
1%
1%
2%
33%
06-9 de agosto de 2010 CNT Sensus[13] 26,3%
1,3%
46,4%
1,4%
22%
07-10 de agosto de 2010 Vox Populi[14] 26%
1%
1%
36%
1%
1%
0%
1%
22%
09-12 de agosto de 2010 Datafolha[15] 17%
1%
2%
43%
1%
1%
1%
2%
32%
15-17 de agosto de 2010 CNT Sensus[16] 25,5%
1,1%
0%
44,1%
0%
0%
0%
0%
31,4%
18-20 de agosto de 2010 Ibope[17][18] 27%
0%
0%
38%
1%
1%
0%
1%
25%
23-24 de agosto de 2010 Datafolha[19][20][21] 29%
1%
1%
43%
1%
1%
0%
1%
23%
24-26 de agosto de 2010 Ibope[22][23] 35%
0%
0%
33%
1%
0%
0%
1%
30%
31/08-1 de setembro de 2010 Datafolha[24] 35%
1%
1%
40%
1%
1%
1%
1%
19%
10 de setembro de 2010 Datafolha[25] 36%
1%
1%
39%
1%
1%
0%
1%
19%
10-12 de setembro de 2010 Ibope[26] 41%
1%
0%
32%
0%
0%
0%
1%
24%
13-14 de setembro de 2010 Datafolha[27] 40%
1%
1%
37%
1%
1%
1%
1%
18%
13-14 de setembro de 2010 Ibope[28] 46%
0%
0%
33%
1%
0%
0%
1%
19%

Notas

  1. Trata-se de um homônimo de Israel Pinheiro e Israel Pinheiro Filho.
  2. Homônimo do compositor Wilson Batista.

Referências

  1. a b «Banco de dados do Tribunal Superior Eleitoral». Consultado em 16 de dezembro de 2017. 
  2. «BRASIL. Presidência da República. Constituição de 1988». Consultado em 16 de dezembro de 2017. 
  3. a b c «BRASIL. Presidência da República. Lei n.º 9.504 de 30/09/1997». Consultado em 16 de dezembro de 2017. 
  4. «Antonio Anastasia é reeleito governador de Minas Gerais». Eleições 2010. 3 de outubro de 2010 
  5. «Página oficial da Câmara dos Deputados». Consultado em 16 de dezembro de 2017. 
  6. "Hélio Costa (PMDB) aparece como o favorito ao governo de Minas Gerais".
  7. "Hélio Costa (PMDB) larga na frente na corrida pela sucessão de Aécio".
  8. Pesquisa Vox Populi Janeiro/2010.
  9. Pesquisa Vox Populi Maio/2010.
  10. Pesquisa Vox Populi Julho/2010.
  11. "Hélio Costa (PMDB) lidera disputa em Minas Gerais".
  12. "Pesquisa aponta Helio Costa na liderança das intenções de voto para o governo do Estado de Minas Gerais".
  13. "Pesquisa Sensus em Minas: Costa tem 46,4% e Anastasia 26,3%".
  14. "Vox Populi: Hélio Costa tem 36%, contra 26% de Anastasia".
  15. "MG: Hélio Costa tem 43% contra 17% de Anastasia, diz Datafolha".
  16. "MG: Hélio Costa lidera disputa em Minas com 44,1% dos votos".
  17. "Anastasia cresce, mas Helio Costa mantém a liderança".
  18. "Ibope mostra Anastasia mais próximo de Hélio Costa em Minas".
  19. "Anastasia cresce 12 pontos, e Hélio Costa se mantém estável em Minas".
  20. "Em MG, Hélio Costa tem 43%, e Anastasia, 29%, aponta Datafolha".
  21. "Datafolha: Anastasia cresce 12 pontos em Minas; Costa tem 43%".
  22. "Em MG, Ibope mostra empate técnico entre Anastasia e Hélio Costa".
  23. "Anastasia sobe oito pontos e alcança Hélio Costa, diz Ibope".
  24. "Em MG, Hélio Costa tem 40%, e Anastasia, 35%, aponta Datafolha".
  25. "Em MG, Costa tem 39%, e Anastasia, 36%, segundo Datafolha".
  26. "Em Minas Gerais, Anastasia tem 41%, e Hélio Costa, 32%, diz Ibope".
  27. "Em MG, Anastasia tem 40%, e Costa, 37%, diz Datafolha".
  28. "Em Minas, Anastasia tem 46%, e Costa, 33%, aponta Ibope".