Eleições estaduais na Paraíba em 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eleições estaduais na Paraíba em 2018
  2014 ← Paraíba → 2022
7 de outubro de 2018
(primeiro turno)
Secretário de Infraestrutura da Paraíba, João Azevedo Lins Filho.jpg Male portrait placeholder cropped.jpg Foto oficial de José Maranhão.jpg
Candidato(a) João Azevêdo Lucélio Cartaxo José Maranhão
Partido PSB PV MDB
Vice Lígia Feliciano
(PDT)
Micheline Rodrigues
(PSDB)
Bruno Roberto
(PR)
Votos 1.119.758 450.525 335.604
Porcentagem 58,18% 23,41% 17,44%

Eleito(a)
João Azevêdo
PSB

As eleições estaduais na Paraíba em 2018 ocorreram em 7 de outubro como parte das eleições gerais em 26 estados e no Distrito Federal. Foram eleitos o governador João Azevêdo[1], a vice-governadora Lígia Feliciano, os senadores Veneziano Vital e Daniella Ribeiro, além de 12 deputados federais e 36 estaduais. Caso nenhum candidato a governador assegurasse metade mais um dos votos válidos, um segundo turno seria disputado em 26 de outubro, porém a vitória do candidato do PSB inviabilizou sua realização.

Segundo a Constituição, o governador Ricardo Coutinho (PSB), eleito em 2010 e reconduzido ao Palácio da Redenção em 2014 não poderia concorrer a um terceiro mandato.[2][3][4][5]

Candidatos[editar | editar código-fonte]

Governador e vice-governador[editar | editar código-fonte]

5 candidatos disputaram o governo da Paraíba em 2018. Nomes como os de Luciano Cartaxo, Romero Rodrigues e do senador Cássio Cunha Lima foram cogitados, mas eles optaram em, respectivamente, continuar nas prefeituras de João Pessoa[6] e Campina Grande e tentar a reeleição ao Senado.

Candidatos Candidatos à vice Número
eleitoral
Coligação Cargos anteriores Tempo de horário eleitoral
José Maranhão
(MDB)
Bruno Roberto
(PR)
15
"Porque o Povo Quer"
(MDB, PR e PATRI)
Senador pela Paraíba (2003—2009 e desde 2015); Governador da Paraíba (1995—2002 e 2009—2010); Vice-governador da Paraíba (1995); Deputado federal pela Paraíba (1983–1994); Deputado estadual pela Paraíba (1955—1969)
1 minuto e 57 segundos
Rama Dantas
(PSTU)
Emanuel Candeia
(PSTU)
16
PSTU (sem coligação)
Nunca exerceu cargos públicos; candidata a vereadora em João Pessoa em 2012 e 2016; candidata ao Senado em 2014
10 segundos
João Azevedo
(PSB)
Lígia Feliciano
(PDT)
40
"A Força do Trabalho"
(PSB, PDT, PT, DEM, PTB, PRP, PODE, PRB, PCdoB, AVANTE, PPS, REDE, PMN e PROS)
Secretário de Infraestrutura e Recursos Hídricos da Paraíba (até 2018); chefe de Gabinete da Sedurb (2005); secretário de Planejamento da Prefeitura de Bayeux (2004); secretário de Serviços Urbanos da Prefeitura de João Pessoa (1988)
3 minutos e 31 segundos
Lucélio Cartaxo
(PV)
Micheline Rodrigues
(PSDB)
43
"Força da Esperança"
(PV, PSDB, PP, PSD, PSC, SD, DC, PRTB, PHS, PTC, PSL e PPL)
Superintendente da Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU) em João Pessoa; ex-presidente da Companhia Docas; candidato ao Senado em 2014
3 minutos e 4 segundos
Tárcio Teixeira
(PSOL)
Adjany Simplício
(PSOL)
50
"Construir Poder Popular"
(PSOL, PCB e UP*)
Assistente social e Presidente do PSOL-PB; candidato a vereador em João Pessoa em 2016; candidato a governador em 2014
16 segundos

* O PCB e a Unidade Popular pelo Socialismo (partido ainda não registrado) apoiam informalmente a candidatura de Tárcio Teixeira.

Senadores[editar | editar código-fonte]

Candidatos Suplentes Número
eleitoral
Coligação Cargos anteriores Tempo de horário eleitoral
Daniella Ribeiro
(PP)
1º: Diego Tavares
(PV)
2º: Nailde Panta
(PP)
111
"Força da Esperança"
(PV, PSDB, PP, PSD, PSC, SD, DC,
PRTB, PHS, PTC, PSL e PPL)
Deputada estadual pela Paraíba (desde 2011); candidata à prefeita de Campina Grande em 2012; vereadora de Campina Grande (2008—2010); candidata à vice-prefeita de Campina Grande em 2004
Luiz Couto
(PT)
1º: Edvaldo Rosas
(PSB)
2º: Alexandre Santiago
(PRP)
134
"A Força do Trabalho"
(PSB, PDT, PT, DEM, PTB, PRP, PODE,
PRB, PCdoB, AVANTE, PPS, REDE, PMN e PROS)
Deputado federal pela Paraíba (desde 2003); Deputado estadual pela Paraíba (1995—2002); candidato a prefeito de João Pessoa em 1996 e 2000
Roberto Paulino
(MDB)
1º: Higor Fialho
(MDB)
2º: Ariano Fernandes*
(PATRI)
151
"Porque o Povo Quer"
(MDB, PR e PATRI)
Candidato a vice-governador da Paraíba em 2014; candidato a deputado federal em 2010; Governador da Paraíba (2002); Vice-governador da Paraíba (1999—2002); Deputado federal pela Paraíba (1995—1998); Prefeito de Guarabira (1977—1982 e 1989—1992)
Veneziano Vital
(PSB)
1º: Ney Suassuna*[7]
(PRB)
2º: Suely Santiago
(PTB)
400
"A Força do Trabalho"
(PSB, PDT, PT, DEM, PTB, PRP, PODE,
PRB, PCdoB, AVANTE, PPS, REDE, PMN e PROS)
Deputado federal pela Paraíba (desde 2015); Prefeito de Campina Grande (2005—2012); Candidato a deputado federal em 2002 e 1998; Vereador de Campina Grande (1997—2004); candidato a vereador de Campina Grande em 1992
Cássio Cunha Lima
(PSDB)
1º: Eva Gouveia
(PSD)
2º: Isa Arroxelas
(PSDB)
456
"Força da Esperança"
(PV, PSDB, PP, PSD, PSC, SD, DC,
PRTB, PHS, PTC, PSL e PPL)
Senador pela Paraíba (desde 2011); candidato a governador em 2014; Governador da Paraíba (2003—2009); Prefeito de Campina Grande (1989—1992 e 1997—2002); Deputado federal (1987—1989 e 1995—1996); Superintendente da Sudene (1993—1994)
Professor Nelson Júnior
(PSOL)
1º: Fabiano Galdino
(PSOL)
2º: Alécio Costa
(PSOL)
500
"Construir Poder Popular"
(PSOL, PCB e UP)
Professor da Universidade Estadual da Paraíba e presidente da Associação dos Docentes (ADUEPB); candidato a vereador de João Pessoa em 2016; candidato ao Senado em 2014; candidato a governador em 2010
Nivaldo Mangueira
(PSOL)
1º: Leonardo Padilha
(PSOL)
2º: Marcílio Correia
(PSOL)
505
"Construir Poder Popular"
(PSOL, PCB e UP)
Candidato a deputado estadual em 1998, 2002, 2006 e 2010 (pelo Rio Grande do Norte); candidato a vereador de Passa-e-Fica (2008); candidato a vereador de Campina Grande em 2000, 2004 e 2012

* Ariano Fernandes substitui o segundo suplente da coligação, Celso Alves (MDB). Ele não disputava uma eleição desde 2010, quando foi candidato à deputado estadual para disputar o quinto mandato.
* Ney Suassuna substitui o primeiro suplente da coligação, João Teodoro (DEM), que renunciou à disputa. Ele não concorria a um cargo eletivo desde 2006, quanto foi candidato à reeleição para o Senado e ficou em segundo lugar.

Pesquisas de intenção de voto[editar | editar código-fonte]

Primeiro turno[editar | editar código-fonte]

Governo do Estado[editar | editar código-fonte]

Divulgação Instituto Margem
de erro
Candidato Brancos ou Nulos Nenhum ou Não sabe
Azevêdo (PSB) Maranhão (MDB) Cartaxo (PV) Teixeira (PSOL) Rama (PSTU)
24 de agosto de 2018 Ibope[8] ±3% 17% 31% 18% 3% 0% 23% 8%
19 de setembro de 2018 Ibope[9] ±3% 32% 28% 19% 2% 0% 15% 4%
05 de outubro de 2018 Ibope[10] ±3% 42% 27% 16% 1% 1% 9% 3%

Senado Federal[editar | editar código-fonte]

Levando em conta que para o senado o eleitor irá votar duas vezes, as pesquisas possuem um universo de 200%

Período da pesquisa Instituto Margem
de erro
Candidato Brancos ou Nulos Não sabe
Cássio (PSDB) Veneziano (PSB) Couto (PT) Daniella (PP) Paulino (MDB) Nélson (PSOL) Nivaldo (PSOL)
16/09 a 18/09/2018 Ibope[11] ±3% 40% 34% 26% 20% 12% 2% 2% 48% 16%

Debates[editar | editar código-fonte]

Data Organizadores Mediador João Azevêdo (PSB) Lucélio Cartaxo (PV) José Maranhão (MDB) Tárcio Teixeira (PSOL) Rama Dantas (PSTU)
13 de agosto TV Arapuan (RedeTV!)[12] Heron Cid Presente Presente Presente Presente Não convidada
16 de agosto TV Manaíra (Band)[13] Rejane Negreiros Presente Presente Presente Presente Presente
20 de agosto TV Master[14] Alex Filho Presente Presente Presente Presente Presente
30 de agosto TV Sol[15][16] Eudo Nicolau Presente Presente Presente Presente Não convidada
19 de setembro TV Borborema (SBT)[17] Kalilka Vólia Presente Presente Presente Presente Presente
28 de setembro TV Correio (RecordTV)[18] Hermes de Luna Presente Presente Presente Presente Presente
28 de setembro TV Cabo Branco (Rede Globo)/TV Paraíba (Rede Globo)[19][20] Ernesto Paglia Presente Presente Presente Presente Não convidada

Resultados[editar | editar código-fonte]

Governador[editar | editar código-fonte]

Candidatos a governador do estado
Candidatos a vice-governador Número Coligação Votação Percentual
João Azevêdo
PSB
Lígia Feliciano
PDT
40
A Força do Trabalho
(PSB, PDT, PT, DEM, PTB, PRP, PODE, PRB, PCdoB, AVANTE, PPS, REDE, PMN e PROS)
1.119.758
58,18%
Lucélio Cartaxo
PV
Micheline Rodrigues
PSDB
43
Força da Esperança
(PV, PSDB, PP, PSD, PSC, SD, DC, PRTB, PHS, PTC, PSL e PPL)
450.525
23,41%
José Maranhão
MDB
Bruno Roberto
PR
15
Porque o Povo Quer
(MDB, PR e PATRI)
335.604
17,44%
Tárcio Teixeira
PSOL
Adjany Simplício
PSOL
50
Construir Poder Popular
(PSOL, PCB e UP)
15.522
0,81%
Rama Dantas
PSTU
Emanuel Candeia
PSTU
16
PSTU (sem coligação)
3.146
0,16%
  Eleito(a)

Senador[editar | editar código-fonte]

Candidatos a senador da República
Candidatos suplente Número Coligação Votação Percentual
Veneziano Vital
PSB
Ney Suassuna
PRB
Suely Santiago
PTB
400
A Força do Trabalho
(PSB, PDT, PT, DEM, PTB, PRP, PODE, PRB, PCdoB, AVANTE, PPS, REDE, PMN e PROS)
844.786
24,63%
Daniella Ribeiro
PP
Diego Tavares
PV
Nailde Panta
PP
111
Força da Esperança
(PV, PSDB, PP, PSD, PSC, SD, DC, PRTB, PHS, PTC, PSL e PPL)
831.701
24,25%
Luiz Couto
PT
Edvaldo Rosas
PSB
Alexandre Santiago
PRP
134
A Força do Trabalho
(PSB, PDT, PT, DEM, PTB, PRP, PODE, PRB, PCdoB, AVANTE, PPS, REDE, PMN e PROS)
792.420
23,10%
Cássio Cunha Lima
PSDB
Eva Gouveia
PSD
Isa Arroxelas
PSDB
456
Força da Esperança
(PV, PSDB, PP, PSD, PSC, SD, DC, PRTB, PHS, PTC, PSL e PPL)
601.343
17,53%
Roberto Paulino
MDB
Higor Fialho
MDB
Ariano Fernandes
PATRI
151
Porque o Povo Quer
(MDB, PR e PATRI)
262.998
7,67%
Professor Nelson Júnior
PSOL
Fabiano Galdino
PSOL
Alécio Costa
PSOL
500
Construir Poder Popular
(PSOL, PCB e UP)
82.153
2,40%
Nivaldo Mangueira
PSOL
Leonardo Padilha
PSOL
Marcílio Correia
PSOL
500
Construir Poder Popular
(PSOL, PCB e UP)
14.461
0,42%
  Eleito(a)

Deputados federais eleitos[editar | editar código-fonte]

São relacionados os candidatos eleitos com informações complementares da Câmara dos Deputados. Ressalte-se que os votos em branco eram considerados válidos para fins de cálculo do quociente eleitoral nas disputas proporcionais até 1997 quando essa anomalia foi banida de nossa legislação.[21][5]

Deputados federais eleitos Partido Votação Percentual Cidade onde nasceu Unidade federativa
Gervásio Maia PSB 146.860 7,38% São Paulo  São Paulo
Aguinaldo Ribeiro PP 120.220 6,04% Campina Grande  Paraíba
Wellington Roberto PR 107.465 5,40% São José de Piranhas  Paraíba
Damião Feliciano PDT 100.876 5,07% Campina Grande  Paraíba
Hugo Motta PRB 92.468 4,65% João Pessoa  Paraíba
Frei Anastácio PT 91.408 4,59% Esperança  Paraíba
Wilson Santiago PTB 86.208 4,33% Uiraúna  Paraíba
Pedro Cunha Lima PSDB 76.754 3,86% Campina Grande  Paraíba
Efraim Filho DEM 76.089 3,82% João Pessoa  Paraíba
Julian Lemos PSL 71.899 3,61% Campina Grande  Paraíba
Edna Henrique PSDB 69.935 3,52% Xique-Xique Bahia Bahia
Ruy Carneiro PSDB 61.259 3,08% Rio de Janeiro  Rio de Janeiro

Deputados estaduais eleitos[editar | editar código-fonte]

Estavam em jogo 36 cadeiras na Assembleia Legislativa da Paraíba.[2][3]

Deputados estaduais eleitos Partido Votação Percentual Cidade onde nasceu Unidade federativa
Cida Ramos PSB 56.048 2,73% Sapé  Paraíba
Wallber Virgolino PATRI 48.053 2,34% Pombal  Paraíba
Adriano Galdino PSB 45.656 2,23% Campina Grande  Paraíba
Ricardo Barbosa PSB 41.201 2,01% Campina Grande  Paraíba
Estela Bezerra PSB 40.761 1,99% João Pessoa  Paraíba
Doda de Tião PTB 38.685 1,89% Campina Grande  Paraíba
Manoel Ludgério PSD 37.390 1,92% Catolé do Rocha  Paraíba
João Gonçalves PODE 35.655 1,74% João Pessoa  Paraíba
João Henrique PSDB 34.813 1,70% Monteiro  Paraíba
Edmilson Soares PODE 34.007 1,66% João Pessoa  Paraíba
Nabor Wanderley PRB 32.627 1,59% Campina Grande  Paraíba
Branco Mendes PODE 32.621 1,59% Aguiar  Paraíba
Wilson Santiago Filho PTB 31.781 1,55% João Pessoa  Paraíba
Hervázio Bezerra PSB 31.288 1,71% João Pessoa  Paraíba
Jeová Campos PSB 31.017 1,51% São José de Piranhas  Paraíba
Inácio Falcão PCdoB 30.754 1,50% Campina Grande  Paraíba
Camila Toscano PSDB 30.711 1,50% João Pessoa  Paraíba
Anderson Monteiro PSC 30.646 1,49% Esperança  Paraíba
Buba Germano PSB 30.192 1,47% Frei Martinho  Paraíba
Tião Gomes AVANTE 29.363 1,43% Pombal  Paraíba
Pollyana Dutra PSB 28.868 1,41% Natal  Rio Grande do Norte
Caio Roberto PR 28.344 1,38% Campina Grande  Paraíba
Drª. Paula PP 27.685 1,35% São José de Piranhas  Paraíba
Dr. Taciano Diniz AVANTE 27.278 1,33% Curral Velho  Paraíba
Felipe Leitão PATRI 27.117 1,32% João Pessoa  Paraíba
Genival Matias AVANTE 26.777 1,31% João Pessoa  Paraíba
Galego de Sousa PP 25.262 1,23% São Bento  Paraíba
Júnior Araújo AVANTE 24.093 1,17% Cajazeiras  Paraíba
Tovar Lima PSDB 24.052 1,17% João Pessoa  Paraíba
Raniery Paulino PMDB 23.810 1,16% João Pessoa  Paraíba
Cabo Gilberto Silva PSL 23.273 1,13% Santa Rita  Paraíba
João Bosco Carneiro Júnior PPS 21.557 1,05% João Pessoa  Paraíba
Dr. Érico PPS 20.327 0,99% Caruaru  Pernambuco
Moacir Rodrigues PSL 18.463 0,90% Campina Grande  Paraíba
Eduardo Carneiro PRTB 17.869 0,87% João Pessoa  Paraíba
Chió REDE 17.437 0,85% Esperança  Paraíba

Referências

  1. «João Azevêdo (PSB) é eleito governador da Paraíba». G1 Paraíba. 7 de outubro de 2018. Consultado em 7 de outubro de 2018 
  2. a b «Banco de dados do Tribunal Superior Eleitoral». Consultado em 23 de julho de 2017 
  3. a b «Banco de dados do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba». Consultado em 23 de julho de 2017 
  4. «BRASIL. Presidência da República. Constituição de 1988». Consultado em 25 de julho de 2017 
  5. a b «BRASIL. Presidência da República. Lei n.º 9.504 de 30/09/1997». Consultado em 31 de julho de 2017 
  6. «Luciano Cartaxo diz que não deixa prefeitura de João Pessoa para disputar eleição para governador». G1 Paraíba. 1 de março de 2018. Consultado em 1 de março de 2018 
  7. «Primeiro suplente de Veneziano renuncia e Ney Suassuna é inserido na chapa». ResumoPB. 18 de setembro de 2018. Consultado em 18 de setembro de 2018 
  8. «Ibope/PB: José Maranhão lidera com 31%; Lucélio tem 18% e João Azevêdo, 17%». ISTOÉ. 24 de agosto de 2018. Consultado em 24 de setembro de 2018 
  9. «Pesquisa Ibope na Paraíba: João Azevêdo, 32%; Zé Maranhão, 28%; Lucélio, 19%». G1 – Paraíba. 19 de setembro de 2018. Consultado em 24 de setembro de 2018 
  10. «Pesquisa Ibope na Paraíba: João Azevêdo, 42%, Zé Maranhão, 27% e Lucélio Cartaxo, 16%». Jornal O Globo. 5 de outubro de 2018. Consultado em 6 de outubro de 2018 
  11. «Pesquisa Ibope para o Senado na Paraíba: Cássio 40%; Veneziano, 34%; Luiz Couto, 26%». G1 
  12. http://www.maispb.com.br/272408/tv-arapuan-promove-primeiro-debate-entre-os-candidatos-ao-governo-da-pb.html
  13. https://www.op9.com.br/pb/noticias/eleicoes-2018-candidatos-ao-governo-da-pb-debatem-na-tv-manaira-band/
  14. «Em debate retransmitido pelo PB Agora candidatos ao governo da Paraíba se dividem entre farpas e propostas». PB Agora. 21 de agosto de 2018. Consultado em 28 de agosto de 2018 
  15. Ivyna Souto (30 de agosto de 2018). «HOJE: TV Sol realiza debate com candidatos ao Governo e Polêmica Paraíba traz os detalhes minuto a minuto». Polêmica Paraíba. Consultado em 10 de setembro de 2018 
  16. «Assista aqui o debate da TV Sol com os candidatos ao governo do estado». Folha Patoense. 30 de agosto de 2018. Consultado em 10 de setembro de 2018 
  17. «TV Borborema promove debate com os candidatos ao Governo da PB». OP9. 17 de setembro de 2018. Consultado em 21 de setembro de 2018 
  18. «TV Correio traz último debate com todos os candidatos ao Governo». Portal Correio. 27 de setembro de 2018. Consultado em 29 de setembro de 2018 
  19. «Candidatos ao Governo da Paraíba participam de debate nas TVs Cabo Branco e Paraíba». G1. 3 de outubro de 2018. Consultado em 4 de outubro de 2018 
  20. «Ernesto Paglia já está na TV Cabo Branco para mediar último debate entre os candidatos ao Governo». WSCOM. 2 de outubro de 2018. Consultado em 4 de outubro de 2018 
  21. «Página oficial da Câmara dos Deputados». Consultado em 22 de julho de 2017