Eleições gerais na Índia em 2014

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
← 2009 • Predefinição:Dados de país/Índia • 2019
Eleições gerais de 2014
543 parlamentares para o período 2014-2019
7 de abril a 12 de maio de 2014
Tipo de eleição:  Parlamentar
Orange flag waving.svg
Aliança Democrática Nacional - Narendra Modi
Votos: 171 459 286  
Lugares obtidos: Aumento 336  
  
31.0%
Blue flag waving.svg
Aliança Progressista Unida - Rahul Ghandi
Votos: 106 760 001  
Lugares obtidos: Baixa 60  
  
19.3%
Green flag waving.svg
AIADMK - Jayalalithaa
Votos: 18 115 825  
Lugares obtidos: Aumento 37  
  
3.3%
Mapa de resultados
Eleições gerais na Índia em 2014
Resultado das eleições por partidos nacionais e regionais.

Primeiro-ministro da Índia
Emblem of India.svg

As Eleições gerais na Índia em 2014 foram realizadas entre 7 de abril e 12 de maio de 2014, sendo a mais longa eleição da história do país.[1] Os indianos elegeram os membros da Lok Sabha, a câmara baixa do Parlamento da Índia. De acordo com a Comissão Eleitoral da Índia, 814 milhões de cidadãos estiveram devidamente aptos a votar, cerca de 100 milhões a mais em comparação às últimas eleições em 2009, tornando-a a maior eleição do planeta.[2] Cerca de 23 milhões de eleitores (2.7%) tinham idade de 18 e 19 anos.[3] Um total de 8.251 candidatos concorreram para assumir um dos 543 lugares da Lok Sabha.[4]

O resultado das eleições foi declarado em 16 de maio, 15 dias antes do término da legislatura anterior. A contagem dos votos foi realizada em 989 centros oficiais. A "Aliança Democrática Nacional", liderada pelo Partido Bharatiya Janata, obteve 336 lugares na câmara e o próprio partido em si recebeu 31% dos votos válidos. Foi a primeira ocasião na história eleitoral da Índia em que um partido pôde assumir o governo somente com base própria. Por sua vez, o Congresso Nacional Indiano obteve 44 assentos e apresentou seus piores resultados em eleições.[5]

Referências

  1. «General Elections 2014: Schedule of Elections» (PDF). Election Comission of India. 5 de março de 2014. Consultado em 13 de novembro de 2014 
  2. «Índia: na maior eleição da história, 814 milhões podem votar». Terra. 7 de abril de 2014. Consultado em 13 de novembro de 2014 
  3. «39% of first-time voters back BJP, only 19% vote for Congress». dna India. 18 de maio de 2014. Consultado em 13 de novembro de 2014 
  4. «Election 2014 Results Live: Modi's first victory speech in Vadodara: Good times are here». 15 de maio de 2014. Consultado em 13 de novembro de 2014 
  5. Nelson, Dean (19 de maio de 2014). «India's Congress rejects Gandhi's resignation despite worst ever defeat». The Telegraph. Consultado em 13 de novembro de 2014