Eleições legislativas regionais na Madeira em 2007

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
‹ 2004 • Flag of Portugal.svg • 2011
Eleições legislativas regionais na Madeira em 2007
47 deputados na Assembleia Legislativa da Madeira
6 de maio de 2007
Demografia eleitoral
Votantes : 140 697
  
60.75% Green Arrow Up.svg 0.5%
Orange flag waving.svg
PPD/PSD
Votos: 90 377  
Lugares obtidos: 33 Red Arrow Down.svg 25%
Pink flag waving.svg
PS
Votos: 21 692  
Lugares obtidos: 7 Red Arrow Down.svg 63.2%
Red flag waving.svg
CDU
Votos: 7 650  
Lugares obtidos: 2 Red Arrow Down.svg 0%

As eleições legislativas regionais na Madeira em 2007, também designadas eleições para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, realizaram-se a 6 de maio de 2007, e delas resultaram a vitória da maioria do Partido Social Democrata, liderado por Alberto João Jardim.[1]

A campanha eleitoral para as legislativas regionais na Madeira decorreu de 22 de abril a 4 de maio de 2007.[2]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Estas eleições antecipadas resultaram da demissão no dia 19 de fevereiro de 2007 de Alberto João Jardim, em protesto contra a aprovação da Lei das Finanças Regionais pelo governo de José Sócrates.[3][1] Alberto João Jardim lidera os destinos da Madeira há trinta anos e foi a primeira vez que não levou um mandato até ao fim.[1]

Com a aplicação da nova lei eleitoral da Madeira houve uma redução no número de deputados de 68 para 47, eleitos por um único círculo.[1]

Partidos[editar | editar código-fonte]

Os partidos e coligações que concorreram às eleições para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira em 2007 foram os seguintes, listados por ordem alfabética:[4][5]

  • BE – Bloco de Esquerda
  • CDS-PP – CDS - Partido Popular
  • MPT – Partido da Terra
  • PCP-PEV – CDU - Coligação Democrática Unitáriaa)
  • PND – Nova Democracia
  • PPD/PSD – Partido Social Democrata
  • PS – Partido Socialista
a) Coligação permanente entre o Partido Comunista Português (PCP) e o Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV).[6]

Resultados[editar | editar código-fonte]

Resultados regionais apurados pela Comissão Nacional de Eleições.[5]

Resumo das Eleições Legislativas Regionais da Madeira de 2007
Partido Candidato Votos Votos (%) Votos (±) Assentos Assentos
(%)
Assentos
(±)
  PPD/PSD Alberto João Cardoso Gonçalves Jardim 90 377
 
64,24%
+10,53% 33 70,21% -11
  PS Jacinto Serrão de Freitas 21 692
 
15,42%
-11,99% 7 14,89% -12
  CDU(a) Edgar Freitas Gomes Silva 7 650
 
5,44%
-0,07% 2 4,26% 0
  CDS/PP José Manuel de Sousa Rodrigues 7 519
 
5,34%
-1,7% 2 4,26% 0
  BE Paulo Martinho Martins 4 186
 
2,98%
-0,68% 1 2,13% 0
  MPT João Isidoro Gonçalves 3 175
 
2,26%
+2,26% 1 2,13% +1
  PND Baltasar de Carvalho Machado Gonçalves de Aguiar 2 931
 
2,08%
+2,08% 1 2,13% +1
Totais 137 530   47  
Votos em Branco 1 148 0,82% -0,21%  
Votos Nulos 2 019 1,43% -0,22%  
Participação 140 697 60,75% +0,28%  
↑(a) PCP e PEV concorreram em coligação
Fonte: Comissão Nacional de Eleições

Resultados por concelho[editar | editar código-fonte]

% % % % % % %
Concelhos PSD PS CDU CDS BE MPT PND Votantes
Calheta 75,1 6,2 1,9 11,7 0,8 1,0 1,3 6 894
Câmara de Lobos 72,6 8,0 3,9 4,6 2,2 5,5 1,2 16 671
Funchal 59,5 15,2 8,4 5,6 4,2 2,0 2,9 60 022
Machico 62,8 24,8 3,0 2,9 2,2 1,5 1,1 11 526
Ponta do Sol 67,3 19,6 1,5 5,7 1,8 1,2 1,3 5 098
Porto Moniz 67,0 24,1 0,9 3,3 0,8 1,1 0,8 2 093
Porto Santo 68,1 21,6 1,6 2,8 1,2 0,9 0,8 2 791
Ribeira Brava 73,4 11,5 2,3 5,5 1,8 1,4 1,3 7 293
Santa Cruz 61,8 17,1 5,3 5,2 3,2 2,3 2,5 19 525
Santana 67,7 18,1 1,7 5,0 1,6 2,4 1,1 5 233
São Vicente 67,8 21,3 1,2 4,1 1,3 0,9 1,2 3 575
Total 64,2 15,4 5,4 5,3 3,0 2,3 2,1 140 967

Análise dos resultados[editar | editar código-fonte]

Este resultado dá uma maior autonomia ao governo de Alberto João Jardim, uma vez que passa a deter mais de dois terços dos deputados, pelo que já não necessitará de negociar com os partidos da oposição para aprovar leis para as quais essa marca é exigida.

A abstenção foi de 39,25%, ou seja, dos 231 606 eleitores recenseados votaram 140 697.[7]

Notas e referências

  1. a b c d «Resultados finais: PSD-Madeira vence com 64,2 por cento». Público. 6 de maio de 2007 
  2. «Campanha Eleitoral» (PDF). CNE. Consultado em 26 de setembro de 2010. 
  3. «Corte na Madeira faz presidente do Governo Regional pedir demissão». Mundo Lusíada. 28 de fevereiro de 2007 
  4. «Madeira: projecção dá vitória ao PSD com mais de 67 por cento dos votos». Público. 6 de maio de 2007 
  5. a b «Resultados da Região Autónoma da Madeira». CNE. Consultado em 26 de setembro de 2010. 
  6. «Acórdão N.º 255/09». TC - Tribunal Constitucional. Consultado em 11 de outubro de 2009. 
  7. «Resultados da Região Autónoma da Madeira». CNE. Consultado em 1 de abril de 2015. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]