Eleições municipais na Suécia em 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
‹ 2014 • Flag of Sweden.svg • 2022
Eleições municipais suecas de 2018
Deputados municipais/vereadores para as 290 assembleias municipais/câmaras municipais
9 de setembro de 2018
Demografia eleitoral
Votantes : 6 535 271 [1]
Suécia
As comunas e os condados da Suécia

As eleições municipais suecas de 2018 realizaram-se no domingo dia 9 de setembro de 2018. [2]

Nestas eleições foram eleitos os deputados municipais/vereadores para as 290 assembleias municipais/câmaras municipais - kommunfullmäktige - da Suécia no período de 2018-2022. [3]

Resultados[editar | editar código-fonte]

Os resultados finais estão publicados na página: Resultados das Eleições municipais - Autoridade das Eleições

Resultados totais em todos os municípios[editar | editar código-fonte]

Partido Votos % Número de Deputados
Partido Social-Democrata (S) 27,58% 3 752
Partido Moderado (M) 20,06% 2 396
Partido dos Democratas Suecos (SD) 12,74% 1 806
Partido do Centro (C) 9,67% 1 603
Partido da Esquerda (V) 7,69% 808
Partido Liberal (L) 6,81% 689
Partido Democrata-Cristão (KD) 5,20% 676
Partido Verde (MP) 4,62% 395
Iniciativa Feminista (Fi) 0,95% 22

Resultados no Município de Estocolmo 2018[editar | editar código-fonte]

Partido Votos %
Partido Social-Democrata (S) 22.3%
Partido Moderado (M) 21.0%
Partido da Esquerda (V) 13.0%
Partido Liberal (FP) 10.1%
Partido Verde (MP) 8.3%
Partido dos Democratas Suecos (SD) 8.0%
Partido do Centro (C) 7.9%
Partido Democrata-Cristão (KD) 5.1%
Iniciativa Feminista (Fi) 3.3%

O novo governo da Comuna de Estocolmo é uma coligação verde-azul, apoiada pelo Partido Moderado, pelo Partido Liberal, pelo Partido do Centro, pelo Partido Democrata-Cristão e pelo Partido Verde. [4]

Resultados no Município de Gotemburgo 2018[editar | editar código-fonte]

Partido Votos %
Partido Social-Democrata (S) 20.5%
Partido Democrata (M) 17.0%
Partido Moderado (M) 14.5%
Partido da Esquerda (V) 12.6%
Partido dos Democratas Suecos (SD) 8.3%
Partido Liberal (FP) 7.2%
Partido Verde (MP) 6.9%
Partido do Centro (C) 4.0%
Partido Democrata-Cristão (KD) 3.3%
Iniciativa Feminista (Fi) 3.3%
Partido das Estradas de Gotemburgo (VV) 1.9%

O novo governo da Comuna de Gotemburgo é uma coligação de centro-direita, apoiada pelo Partido Moderado, pelo Partido Liberal, pelo Partido do Centro e pelo Partido Democrata-Cristão. [5]

Resultados no Município de Malmö 2018[editar | editar código-fonte]

Partido Votos %
Partido Social-Democrata (S) 31.1%
Partido Moderado (M) 20.7%
Partido dos Democratas Suecos (SD) 16.3%
Partido da Esquerda (V) 11.1%
Partido Liberal (FP) 6.0%
Partido Verde (MP) 5.4%
Partido do Centro (C) 4.2%
Partido Democrata-Cristão (KD) 2.3%
Iniciativa Feminista (Fi) 1.9%

O novo governo da Comuna de Malmö é constituído pelo Partido Social-Democrata. [6]

O sistema eleitoral sueco[editar | editar código-fonte]

Eleições nacionais – regionais – municipais[editar | editar código-fonte]

Simultaneamente são realizadas 3 eleições na Suécia: [3] [7] [8] [9]

As eleições municipais na Suécia[editar | editar código-fonte]

Nas eleições municipais suecas, são eleitos deputados municipais/vereadores para as 290 assembleias municipais/câmaras municipais do país. [3] [10]

Estas eleições têm lugar de quatro em quatro anos, e são realizadas simultaneamente com as eleições legislativas para o parlamento (riksdagen) e com as eleições regionais para os condados (landsting).

Podem votar nas eleições municipais : [11]

  • Cidadãos suecos
  • Cidadãos da União Europeia residentes no município
  • Cidadãos estrangeiros residentes no município há mais de 3 anos

Desde 1998, é possível assinalar o candidato preferido através de uma cruz na cédula de voto. [12]

Referências

  1. https://data.val.se/val/val2018/slutresultat/protokoll/protokoll_00R.pdf
  2. «Kalender för valåret 2018» (em sueco). Valmyndigheten (Autoridade Nacional das Eleições). Consultado em 11 de outubro de 2018 
  3. a b c «Allmänna val» (em sueco). Valmyndigheten (Autoridade Nacional das Eleições). Consultado em 11 de outubro de 2018 
  4. https://www.stockholmdirekt.se/nyheter/klart-alliansen-och-mp-har-tagit-makten-i-stockholms-stad/reprjl!7PiwrMu@vTuEH0@xoHFtfQ/
  5. Etezaz Yousuf (23 de novembro de 2018). «Alliansen tar över makten i Göteborg». Göteborgs-Posten. ISSN 1103-9345 
  6. Kenneth Sundin, Gunilla Fritze e Helena Bohm Nilsson (15 de outubro de 2018). «Klart med Socialdemokratiskt styre i Malmö». SVT Nyheter (Notícias da Televisão da Suécia) (em sueco) 
  7. «Riksdagsval» (em sueco). Nationalencyklopedin (Enciclopédia Nacional Sueca). Consultado em 23 de agosto de 2018 
  8. Agne Gustafsson. «Landstingsval» (em sueco). Nationalencyklopedin (Enciclopédia Nacional Sueca). Consultado em 23 de agosto de 2018 
  9. Agne Gustafsson. «Kommunalval» (em sueco). Nationalencyklopedin (Enciclopédia Nacional Sueca). Consultado em 23 de agosto de 2018 
  10. «Kommunalval» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 16 de setembro de 2014 
  11. «Rösträtt» (em sueco). Valmyndigheten - Autoridade Nacional das Eleições. Consultado em 16 de setembro de 2014 
  12. «Kommunalval» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 16 de setembro de 2014 

Ver também[editar | editar código-fonte]


Precedido por
2014
Eleições municipais na Suécia
2018
Sucedido por
2022