Eleições parlamentares na Noruega em 2009

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
← 2005 • Flag of Norway.svg • 2013 →
Eleições parlamentares na Noruega em 2009
169 lugares para o Storting
14 de setembro de 2009
Demografia eleitoral
Hab. inscritos:  3 530 785
Votantes : 2 696 468
  
76.4% Red Arrow Down.svg 1.3%
Arbeiderpartiet logo.svg
Partido Trabalhista
Votos: 949 049  
Assentos obtidos: 64 Green Arrow Up.svg 4.9%
  
35.4%
Blue flag waving.svg
Partido do Progresso
Votos: 614 717  
Assentos obtidos: 41 Green Arrow Up.svg 7.9%
  
22.9%
Logo del Partido Conservador de Noruega.png
Partido Conservador
Votos: 462 458  
Assentos obtidos: 30 Green Arrow Up.svg 30.4%
  
17.2%
Sosialistisk Venstreparti gammel logo 2013-2020.svg
Partido da Esquerda Socialista
Votos: 166 361  
Assentos obtidos: 11 Red Arrow Down.svg 26.7%
  
6.2%
Senterpartiets logo.png
Partido do Centro
Votos: 165 006  
Assentos obtidos: 11 Red Arrow Down.svg 0%
  
6.2%
Kristelig Folkeparti Logo.svg
Partido Democrata Cristão
Votos: 148 748  
Assentos obtidos: 10 Red Arrow Down.svg 9.1%
  
5.5%
Venstres logo.svg
Partido Liberal
Votos: 104 144  
Assentos obtidos: 2 Red Arrow Down.svg 80%
  
3.9%
No flag.svg
Partidos Extraparlamentares
Votos: 72 420  
Assentos obtidos: 0  
  
2.6%

As eleições parlamentares norueguesas de 2009 foram realizadas em 14 de setembro. A votação antecipada começou em 10 de agosto.[1] No pleito, os eleitores elegeram todos os 169 membros do Storting, que são eleitos a cada quatro anos.

Apesar da oposição ter recebido mais votos populares, a governante Coalizão Vermelha-Verde obteve mais assentos no Parlamento, o que significa que Jens Stoltenberg continuou sendo o primeiro-ministro do país. Os partidos de direita ganharam votos em relação ao pleito de 2005. O centrista Partido Liberal não conseguiu atingir a cláusula de barreira de 4% e viu sua bancada ser reduzida para dois parlamentares.

Partidos participantes[editar | editar código-fonte]

Um total de 24 partidos se inscreveram, lançando 3.668 candidatos.[2][3]

Análise[editar | editar código-fonte]

O vencedor no pleito foi o Partido Trabalhista, com 31,8%, quase um ponto a menos que no pleito anterior. Seus aliados, o Partido da Esquerda Socialista e o Partido Centrista alcançaram 9,8% e 6,8%, respectivamente. O populista Partido do Progresso ficou em segundo lugar, com 21,6%, meio ponto a menos que em 2005, seguido pelo Partido Conservador, com 15,1%; o Partido Democrata-Cristão, com 6%; e o Partido Liberal, com 4,5%.[4]

Resultados Oficiais[editar | editar código-fonte]

Partidos Votos % +/- Deputados +/-
Partido Trabalhista Norueguês 949 049
35,4 / 100,0
Aumento2,7
64 / 169
Aumento3
Partido do Progresso 614 717
22,9 / 100,0
Aumento0,8
41 / 169
Aumento3
Partido Conservador 462 458
17,2 / 100,0
Aumento3,1
30 / 169
Aumento7
Partido da Esquerda Socialista 166 361
6,2 / 100,0
Baixa2,6
11 / 169
Baixa4
Partido do Centro 165 006
6,2 / 100,0
Baixa0,3
11 / 169
Estável
Partido Democrata Cristão 148 748
5,5 / 100,0
Baixa1,3
10 / 169
Baixa1
Partido Liberal 104 144
3,9 / 100,0
Baixa2,0
2 / 169
Baixa8
Partido Vermelho 36 219
1,3 / 100,0
Aumento0,1
0 / 169
Estável
Outros 36 201
1,3 / 100,0
0 / 169
Votos inválidos 13 732
0,5 / 100,0
Aumento0,1
Total 2 696 468
100,0 / 100,0
169 / 169
Eleitorado/Participação 3 530 785
76,4 / 100,0
Baixa1,0
Fonte [5]

Resultados por Blocos Políticos[editar | editar código-fonte]

Partidos Votos % +/- Deputados +/-
Coligação Vermelho-Verde 1 280 416
47,7 / 100,0
Baixa0,3
86 / 169
Baixa1
Oposição de Centro-direita 1 330 067
49,6 / 100,0
Aumento0,7
83 / 169
Aumento3

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências