Elizabeth Hartman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pela atriz brasileira, veja Elizabeth Hartmann.
Elizabeth Hartman
Elizabeth Hartman (1965)
Nome completo Mary Elizabeth Hartman
Nascimento 23 de dezembro de 1943
Youngstown, Ohio
Nacionalidade Estados Unidos Norte-americana
Morte 10 de junho de 1987 (43 anos)
Pittsburgh, Pennsylvania
Ocupação Atriz
Cônjuge Gill Dennis (divorciada)
Oscares da Academia
Indicada Melhor atriz - A Patch of Blue (1965)
Globos de Ouro
Vencedora Atriz revelação - A Patch of Blue (1965)
Indicada Melhor atriz em filme dramático - A Patch of Blue (1965)
Indicada Melhor atriz em comédia ou musical - You're a Big Boy Now (1966)
IMDb: (inglês)

Mary Elizabeth Hartman, mais conhecida apenas como Elizabeth Hartman (Youngstown, Ohio, 23 de Dezembro de 1943Pittsburgh, Pennsylvania, 10 de Junho de 1987), foi uma atriz estadunidense, mais conhecida por sua atuação no filme A Patch of Blue, de 1965, interpretando uma garota cega chamada Selina D'Arcy, ao lado de Sidney Poitier, papel que a levou a vencer o prêmio Globo de Ouro de melhor atriz revelação do ano e ser indicada para o Globo de Ouro de melhor atriz em filme dramático e para o Óscar de Melhor Atriz. No ano seguinte apareceu em You're a Big Boy Now como Barbara Darling, sendo indicada ao Globo de Ouro de melhor atriz em comédia ou musical.

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Mary Elizabeth Hartman nasceu em Youngstown, Ohio, onde ela se tornou conhecida pelps clientes do Youngstown Playhouse, um dos mais antigos e respeitados teatros comunitários de Ohio, como "Biff" Hartman.[1] Depois de ganhar uma experiência valiosa no teatro comunitário, ela mudou-se para Nova York. Em 1964, Hartman foi contratada para um papel na ingênua comédia da Broadway Everybody Out, the Castle is Sinking.

Carreira no teatro e no cinema[editar | editar código-fonte]

Em 1964, Hartman fez testes de vídeo para a MGM e para a Warner Brothers.[1] No início do outono daquele ano lhe foi oferecido um dos papéis principais em A Patch of Blue, contracenando com Sidney Poitier e Shelley Winters. Com este papel Hartman foi aclamada pela crítica especializada, um fato orgulhosamente observado pela mídia em sua cidade natal.[2] Também lhe rendeu uma indicação ao Óscar de melhor atriz. Na época de sua indicação, Elizabeth Hartman, então com 22 anos, era a mais jovem a ser indicada ao prêmio de melhor atriz. No mesmo ano, foi premiada pela Associação Nacional dos Proprietários de Teatros.[3]

Ela então estrelou outros três filmes bem sucedidos: The Group, You're a Big Boy Now e The Beguiled. O papel como esposa do ex-xerife Buford Pusser em Walking Tall (1973) foi seguido, uma década mais tarde, pelo trabalho de voz na aclamada animação de 1982 The Secret of NIMH, onde interpretou a heroína Mrs. Brisby. Ela foi muito elogiada por sua performance nesta produção mas, no entanto, este provou ser o seu último papel em Hollywood. A última vez em que ela pode ser vista na tela foi na comédia de terror Full Moon High, onde ela dá vida à vilã Miss Montgomery.

Em 1975, estrelou a premiada peça de Tom Rickman Balaam, uma peça sobre intrigas políticas em Washington, D.C. Seu parceiro de palco era o veterano ator Peter Brandon, com Howard Whalen e Ed Harris nos papeis secundários. A peça foi dirigida pelo marido de Hartman, Gill Dennis.

Últimos anos e morte[editar | editar código-fonte]

Durante grande parte da sua vida, Hartman sofreu de depressão.[4] Em seus últimos anos sua saúde mental continuou a declinar e ela se mudou para Pittsburgh, na Pennsylvania, para estar mais perto de sua família. Em 1984 se divorciou do marido, o roteirista Gill Dennis, depois de uma separação de cinco anos. No final de sua vida ela desistiu de atuar por completo e trabalhava em um museu em Pittsburgh, enquanto fazia tratamento para a sua condição clínica em um ambulatório. No entanto, em 10 de Junho de 1987, ela cometeu suicídio saltando da janela de seu apartamento, no quinto andar de um prédio.[4] Naquela manhã, ela teria chamado seu psiquiatra dizendo que se sentia desanimada.[5] Ela tinha 43 anos.

Elizabeth Hartman foi enterrada no Forest Lawn Memorial Park Cemetery, em sua cidade natal.[6]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
1965 A Patch of Blue Selina D'Arcey Vencedora Globo de Ouro de melhor atriz revelação do ano
IndicadaÓscar de Melhor Atriz
IndicadaGlobo de Ouro de melhor atriz em filme dramático
1965 A Cinderella Named Elizabeth Ela própria Filme promocional da MGM para A Patch of Blue
1966 The Group Priss
1966 You're a Big Boy Now Barbara Darling IndicadaGlobo de Ouro de melhor atriz em comédia ou musical
1968 The Fixer Zinaida
1970 Pursuit of Treasure
1971 The Beguiled Edwina Dabney
1971 Night Gallery Judith Timm Episódio: "The Dark Boy"
1973 Walking Tall Pauline Pusser
1973 Love, American Style Wilma More Segmento: "Love and the Locksmith"
(Não creditada)
1975 Wide World Mystery Camilla Episódio: "A Little Bit Like Murder"
1975 Doctors' Hospital Bobbie Marks Episódio: "Come at Last to Love"
1980 Willow B: Women in Prison Helen Título alternativo: A Matter of Survival
1981 Full Moon High Miss Montgomery
1982 The Secret of NIMH Mrs. Brisby Voz

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b «Biff Hartman of Playhouse Roles Has Broadway Lead». The Steel Valley News. 22 de novembro de 1964. p. 24 
  2. Childress, Fred (16 de dezembro de 1965). «Elizabeth Hartman Wins Praise As "Patch of Blue" Opens». The Youngstown Vindicator. p. 44 
  3. «Elizabeth Hartman Given Award of Theater». The New York Times. 30 de setembro de 1966 
  4. a b «Elizabeth Hartman, 'Patch of Blue' Star, Is Suspected Suicide». New York Times. 12 de junho de 1987 
  5. The Vindicator Youngstown, Ohio. 11 de junho de 1987  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  6. «No film stars attend Miss Hartman rites». The Youngstown Vindicator. 14 de junho de 1987. p. D-19