Embratel Giro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Embratel Giro ou simplesmente Giro é um produto de conexão à Internet da Embratel. O Giro usa a tecnologia 1xRTT sobre a rede CDMA da Embratel, e é comercializado na velocidade de 153kbps. Apesar de tecnicamente o 1xRTT ser uma tecnologia 3G, as baixas taxas de transferência que ele proporciona fazem com que alguns considerem que ele seja da geração 2,5G.

O serviço está disponível em várias capitais do Brasil, e algumas cidades do interior. Segue a lista de disponibilidade do Giro:

  • Alagoas
    • Maceió
  • Amazonas
    • Manaus
  • Bahia
    • Salvador
    • Vitória da Conquista
  • Ceará
    • Fortaleza
  • Espírito Santo
    • Cariacica
    • Vila Velha
    • Vitória
  • Maranhão
    • Imperatriz
    • São Luis
  • Minas Gerais
    • Belo Horizonte
    • Betim
    • Contagem
    • Ribeirão das Neves
    • Uberaba
    • Uberlândia
  • Pará
    • Ananindeua
    • Belém
  • Pernambuco
    • Jaboatão dos Guararapes
    • Olinda
    • Paulista
    • Recife
  • Rio Grande do Norte
    • Natal

O Giro atual é diferente do produto comercializado anteriormente pela Vesper, em determinadas regiões da cidade de São Paulo, que concorria diretamente com outros ISP no serviço de acesso banda larga de uso doméstico e comercial chegando a velocidades de 400kbps, e foi assimilado na carteira de produtos da Embratel quando esta adquiriu a Vesper. Uma característica marcante do serviço em relação aos seus principais concorrentes era que o cliente não necessitava possuir linha telefonica, infraestrutura de televisão a cabo, ou pagar por provedor de acesso a internet a parte como ocorre com os serviços de ADSL (Speedy, Velox, dentre outros). Atualmente, o Giro é necessariamente atrelado a uma linha do produto Livre também da Embratel, e é focado para a classe C, sendo comercializado com um preço abaixo da média dos outros ISPs com velocidades similares, como a Claro 3G, TIM Web ou o 3GG da Oi.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]