Emmelie de Forest

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Emmelie de Forest
Forest em 2017
Nascimento Emmelie Charlotte-Victoria de Forest
28 de fevereiro de 1993 (27 anos)
Randers, Aarhus
Dinamarca
Nacionalidade dinamarquesa
Ocupação
Carreira musical
Gênero(s)
Instrumento(s)
Gravadora(s) Universal Music (2013—15)
Cosmos Music (2015—)

Emmelie Charlotte-Victoria de Forest (Randers, 28 de fevereiro de 1993) é uma cantora e compositora dinamarquesa. De Forest representou a Dinamarca com a música “Only Teardrops” no Festival Eurovisão da Canção de 2013 em Malmö, Suécia, vencendo o concurso. Seu primeiro álbum, Only Teardrops, foi lançado pela gravadora Universal Music em 6 de maio de 2013. Seu segundo álbum de estúdio, History, foi lançado pela gravadora independente sueca Cosmos Music em 9 de fevereiro de 2018.

Biografia e vida pessoal[editar | editar código-fonte]

De Forest nasceu em Randers, Dinamarca, de mãe dinamarquesa, Marianna Birgitte Gudnitz e pai sueco, Ingvar de Forest (1938–2010). Após o divórcio de seus pais quando ela era jovem, ela cresceu com a mãe em Mariager, na Dinamarca,[1][2] e em Estocolmo, Suécia.[3] Ela já havia afirmado que era uma bisneta do rei britânico Edward VII. A Danmarks Radio usou a história de sua reivindicação à ascendência real na promoção do Dansk Melodi Grand Prix (Grande Prêmio da Melodia Dinamarquesa.), embora a alegação tenha sido desacreditada por pesquisadores.[4][5]

Carreira musical[editar | editar código-fonte]

Início de carreira[editar | editar código-fonte]

De Forest começou a cantar aos nove anos de idade e cantou com sua mãe no coral gospel Steve Cameron por vários anos.[6] Desde os 14 anos, ela começou a se apresentar em festivais de música e pequenos espaços com o músico folclórico escocês Fraser Neill. Eles apresentavam músicas próprias e versões folk e blues de hits de artistas como Nirvana e Johnny Cash.[7] Segundo Neill, eles fizeram um álbum intitulado Emmelié de Forest and Fraser Neill que vendeu apenas 100 cópias.[8] Quando De Forest tinha 18 anos, ela terminou sua colaboração com Neill e se mudou para Copenhague para estudar no Instituto Vocal Completo.[8]

2013: Festival Eurovisão da Canção e Only Teardrops[editar | editar código-fonte]

De Forest se apresentando em Malmö
De Forest na coletiva de imprensa do vencedor do Eurovisão 2013

De Forest foi um dos dez artistas que se apresentaram no Dansk Melodi Grand Prix de 2013 por uma chance de representar a Dinamarca no Eurovision Song Contest 2013 em Malmö, Suécia.[9] Em 26 de janeiro de 2013, ela apresentou-se com a música “Only Teardrops” (escrita por Lise Cabble, Julia Fabrin Jakobsen e Thomas Stengaard) e venceu a seleção nacional ganhando 50% dos televotos na final.[9]

Seu álbum de estréia, Only Teardrops, foi lançado em 6 de maio, uma semana antes de sua apresentação no concurso Eurovisão.[9] O álbum tem doze faixas, incluindo as versões original e sinfônica de “Only Teardrops”.[10] Em 14 de maio, de Forest chegou à final da Eurovisão, sendo um dos dez finalistas que se classificou na primeira semifinal.[11] De acordo com as casas de apostas britânicas, De Forest era a favorita para ganhar o concurso.[12] De Forest venceu a final da Eurovisão de 2013 em 18 de maio, com um total de 281 pontos, 47 pontos a mais que o segundo colocado Farid Mammadov, do Azerbaijão.[13][14] Ela apresentou-se com a canção vencedora no Festival Eurovisão da Canção Júnior 2013 em Kiev, Ucrânia, em 30 de novembro.[15] Em dezembro, foi anunciado que De Forest havia recebido o Prêmio Europeu do Ano (dinamarquês: Årets Europæer Award) pelo Movimento Europeu Dinamarquês.[16]

Em 19 de agosto de 2013, de Forest lançou sua segunda música de trabalhoHunter & Prey”. A canção foi escrita por Emmelie, junto com Lise Cabble e Jacob Glæsner. Cabble também fez parte da equipe que escreveu “Only Teardrops”.[17]

2014—presente: Mudança de gravadora e History[editar | editar código-fonte]

De Forest apresentando-se no Unser Song für Dänemark.

Em 7 de fevereiro de 2014, de Forest postou um vídeo que falava sobre seu terceiro single “Rainmaker”, explicou o significado da música e a visualizou. Era a música oficial #JoinUs para o Festival Eurovisão da Canção 2014 e ela apresentou a música ao vivo durante a final no B&W Hallerne, em Copenhague. Falando sobre a música de Forest disse: “Trata-se de uma tribo se unindo para convidar os fazendeiros a fazer suas terras florescerem novamente. Mas, em um nível mais geral, os fazendeiros podem ser qualquer coisa ou qualquer pessoa - trata-se de se unir e ajudar uns aos outros”. Ela também falou sobre ter sucesso depois de ganhar o Eurovision no ano passado: “Eu tenho tocado minha música na Europa, lançado meu álbum de estréia e escrito muitas músicas novas - para ser honesto, estou vivendo o meu sonho!”[18] Em uma entrevista à Wiwibloggs em setembro de 2014, de Forest disse que estava gravando seu segundo álbum de estúdio, que originalmente seria lançado em fevereiro de 2015.[19] Na mesma entrevista ela anúnciou o lançamento de seu primeiro EP Acoustic Session que conta com versões acústicas de músicas originais suas e um cover acústico de “Smells Like Teen Spirit” da banda Nirvana.[19] Em 14 de julho, de Forest anunciou que “Rainmaker” recebeu o certificado de single de ouro.[20]

Em 3 de agosto de 2014, de Forest anunciou através do Facebook que tocaria ao vivo na Amsterdam Pride 2014 a música “Drunk Tonight”, primeiro single de seu futuro álbum de estúdio, ainda sem título. No Instagram, ela revelou a capa e alguns trechos de “Drunk Tonight”, bem como a prévia do videoclipe. O single foi lançado mais tarde em 18 de agosto, enquanto o videoclipe da música foi lançado em 25 de agosto.[21] De Forest, que aparece de biquíni no vídeo, disse em entrevistas que queria que fosse "elegante e sexy" ao mesmo tempo.[19] De acordo com a cantora, a canção fala sobre sua experiência com um “ex-namorado que me ligava e dizia que sentia minha falta e me queria de volta. Mas, na realidade, ele estava bêbado e brincando com minhas emoções.”[22] Søren Bygbjerg da Danmarks Radio avalia que a cantora “deixou de ser a inocente garota da natureza cresceu na música 'Drunk Tonight'”, afirmou ele.[22] Em dezembro de 2015, ela deixou sua gravadora Universal Music Group e depois assinou com a gravadora sueca Cosmos Music.[23] Mais tarde, De Forest participou da seleção nacional britânica do Festival Eurovisão da Canção de 2017 como compositora da música “Never Give Up on You”, cantada por Lucie Jones. A música ganhou a competição nacional e depois ficou em 15.º no Festival Eurovisão, em Kiev.[24][25][26] De Forest lançou o single “Sanctuary” em novembro de 2017, seu primeiro lançamento desde que se separou da Universal.[23] Seu segundo álbum de estúdio, History, foi lançado em 9 de fevereiro de 2018.[27]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns
Extended plays
Singles

Referências

  1. Dorte Washuus (18 de maio de 2013). «Danske Emmelie kan vinde aftenens Melodi Grand Prix» [A dinamarquesa Emmelie pode vencer o Festival Eurovisão da Canção desta noite] (em dinamarquês). Kristeligt Dagblad. Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 4 de setembro de 2018 
  2. Keenan Seeberg (21 de janeiro de 2013). «Sådan hænger Emmelies royale aner sammen» [É assim que a generosa ascendência de Emmelie está conectada] (em dinamarquês). Berlingske Tidende. Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 27 de maio de 2020 
  3. «Danmark i Eurovision 2013: Emmelie De Forest – "Only Teardrops"» [Dinamarca na Eurovisão 2013: Emmelie De Forest - "Only Teardrops"] (em dinamarquês). 13 de abril de 2013. Consultado em 27 de maio de 2020. Arquivado do original em 6 de maio de 2013 
  4. Charlotte Jensen (16 de abril de 2013). «Is Emmelie de Forest royal or not? Researchers disagree» [Emmelie de Forest é da realeza ou não? Pesquisadores discordam] (em dinamarquês). Eurovisionary. Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 19 de maio de 2019 
  5. Søren Blyberg (16 de abril de 2013). «DR: Blåt blod skal ikke markedsføre Emmelie» [DR: Azul sangue não é para o mercado Emmelie] (em dinamarquês). Danmarks Radio. Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 23 de janeiro de 2020 
  6. «Emmelie De Forest: Only teardrops» (em dinamarquês). Ugens album. 6 de maio de 2013. Consultado em 27 de maio de 2020. Arquivado do original (htm) em 8 de maio de 2013 
  7. Trine Munk-Petersen (19 de maio de 2013). «»Det, jeg elsker mest, er at synge og spille«» ["O que eu mais amo é cantar e tocar"] (em dinamarquês). Berlingske Tidende. Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 27 de maio de 2020 
  8. a b Emma Hartley (25 de maio de 2013). «Meet Fraser Neill, the Scots folk musician behind Eurovision's Emmelie de Forest» [Conheça Fraser Neill, o músico escocês por trás de Emmelie de Forest, do Eurovision] (em inglês). The Spectator. Consultado em 27 de maio de 2020. Arquivado do original em 15 de junho de 2013 
  9. a b c «Emmelie de Forest - Only Teardrops (Denmark 2013)» [Eurovision.tv] (em inglês). Eurovision Song Contest. Consultado em 27 de maio de 2020. Arquivado do original em 16 de maio de 2013 
  10. Søren Bygbjerg (14 de abril de 2013). «Emmelie udsender album: Min drøm går i opfyldelse» [Emmelie lança álbum: Meu sonho se torna realidade] (em dinamarquês). Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 3 de maio de 2019 
  11. Carl Cato (14 de maio de 2013). «Danska favoriten till final i ESC» [Favorito dinamarquês para final na ESC] (em sueco). Göteborgs-Posten. Consultado em 27 de maio de 2020. Arquivado do original em 19 de junho de 2013 
  12. «Eurovision 2013: Denmark's Emmelie de Forest is bookies' favourite to win» [Eurovisão 2013: Emmelie de Forest da Dinamarca é o favorito dos apostadores] (html) (em inglês). The Independent. 17 de maio de 2013. Consultado em 27 de maio de 2020. Cópia arquivada em 31 de dezembro de 2019 
  13. «Eurovision Song Contest won by Denmark» [Dinamarca vence o Festival Eurovisão da Canção] (em inglês). BBC. 19 de maio de 2013. Consultado em 27 de maio de 2020. Arquivado do original em 16 de agosto de 2018 
  14. David McDougall; Jan Olsen (18 de maio de 2013). «Denmark's Emmelie de Forest wins Eurovision song contest ahead of Azerbaijan, Ukraine» [Emmelie de Forest, da Dinamarca, vence concurso de música do Eurovision à frente do Azerbaijão, Ucrânia] (em inglês). Malmö, Suécia: The Washington Post. Consultado em 29 de maio de 2020. Arquivado do original (html) em 19 de maio de 2013 
  15. Jarmo Siim. «Emmelie de Forest to perform at Junior 2013» [Emmelie de Forest se apresentará no Junior 2013] (em inglês). Eurovision.tv. Consultado em 29 de maio de 2020. Arquivado do original em 3 de dezembro de 2013 
  16. Pete Lewis (17 de maio de 2013). «Eurovision Denmark: Emmelie de Forest wins European of the Year award» (em inglês). ESCToday.com. Consultado em 29 de maio de 2020. Arquivado do original em 20 de dezembro de 2013 
  17. «Emmelie de Forest releases new single» (em inglês). eurovision.tv. 19 de agosto de 2013. Consultado em 29 de maio de 2020. Cópia arquivada em 29 de maio de 2020 
  18. Jarmo Siim. «Official #JoinUs song launched, penned by Emmelie» (em inglês). eurovision.tv. Consultado em 29 de maio de 2020. Arquivado do original em 18 de março de 2014 
  19. a b c William Lee Adams (1 de setembro de 2014). «Emmelie de Forest tells wiwibloggs about her "Acoustic Session" EP and second album» [Emmelie de Forest conta a wiwibloggs sobre seu EP "Acoustic Session" e seu segundo álbum] (em inglês). Wiwibloggs. Consultado em 29 de maio de 2020. Cópia arquivada em 15 de fevereiro de 2020 
  20. «Finally! Received certified Gold for #Rainmaker!» (em inglês). SnapWidget. 14 de julho de 2014. Consultado em 29 de maio de 2020. Arquivado do original em 26 de julho de 2014 
  21. Emmelie de Forest (17 de agosto de 2014). «Emmelie de Forest no Twitter: "Drunk Tonight is released tomorrow!!! Here's the second teaser from the music video» (em inglês). Twitter. Consultado em 29 de maio de 2020. Cópia arquivada em 21 de setembro de 2014 
  22. a b Søren Bygbjerg (18 de agosto de 2014). «Nu synger Emmelie de Forest om druk og ekskærester» [Agora Emmelie de Forest canta sobre bêbados e ex-namorados] (em dinamarquês). DR. Consultado em 29 de maio de 2020. Cópia arquivada em 13 de agosto de 2015 
  23. a b «ESC-vinnaren Emmelie de Forest finner fristad på ny singel» [Emmelie de Forest, vencedora do ESC, encontra santuário em novo single] (em sueco). My News Desk. 17 de novembro de 2017. Consultado em 29 de maio de 2020. Arquivado do original em 26 de dezembro de 2017 
  24. David Robichaud (27 de janeiro de 2017). «Lucie Jones will represent the United Kingdom at Eurovision 2017» [Lucie Jones representará o Reino Unido no Festival Eurovisão 2017] (em inglês). EuroVisionary. Consultado em 3 de junho de 2020. Cópia arquivada em 8 de janeiro de 2020 
  25. Cheryl Peebles (27 de janeiro de 2017). «X Factor finalist Lucie Jones chosen for Eurovision 2017» [Finalista do X Factor, Lucie JOnes, é escolhida para o Eurovisão 2017] (em inglês). The Courier. Consultado em 3 de junho de 2020. Cópia arquivada em 22 de maio de 2020 
  26. Kyriakos Tsinivits (27 de novembro de 2019). «Eurovision winners that returned over the decade» [Vencedores do Eurovisão que retornaram ao longo da década] (em inglês). Aussievision. Consultado em 3 de junho de 2020. Cópia arquivada em 3 de junho de 2020 
  27. Stratos Agadellis (11 de fevereiro de 2018). «Eurovision Denmark: Emmelie de Forest returns with new album History» [Eurovisão Dinamarca: Emmelie de Forest retorna com novo álbum History] (em inglês). ESCToday.com. Consultado em 3 de junho de 2020. Cópia arquivada em 11 de fevereiro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre Emmelie de Forest:
Commons Categoria no Commons
Wikidata Base de dados no Wikidata

Precedido por
Soluna Samay com "Should've Known Better"
Dinamarca no Eurovision Song Contest
2013
Sucedido por
Basim com "Cliché Love Song"
Precedido por
Suécia Loreen com "Euphoria"
Vencedor do Eurovision Song Contest
2013
Sucedido por
Áustria Conchita Wurst com "Rise Like a Phoenix"