En los tacones de Eva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
En los tacones de Eva
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Comédia romântica
Criador(es) Elkin Opina
Fernán Rivera
Juan Carlos Troncoso
País de origem  Colômbia
Idioma original espanhol
Produção
Diretor(es) Juan Camilo Pinzón
Elenco Jorge Enrique Abello
Mónica Lopera
Patrick Delmas
Tema de abertura "Señor", por Helenita Vargas
Exibição
Emissora original Colômbia RCN Televisión
Transmissão original 14 de novembro de 2006 - 22 de maio de 2008
Episódios 158
Cronologia
Programas relacionados Por ella soy Eva

En los tacones de Eva é uma telenovela colombiana, a qual foi produzida e transmitida pela RCN Televisión de 14 de novembro de 2006 a 22 de maio de 2008, totalizando 158 episódios.[1]

Protagonizada por Jorge Enrique Abello e Mónica Lopera e antagonizada por Patrick Delmas e Alejandra Azcárate.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Juan Camilo Caballero (Jorge Enrique Abello), mais conhecido como “Juan Sin Miedo” , um macho consumado, conquistador renomado e empresário inescrupuloso, descobre que Isabella Nieto (Mónica Lopera) é um obstáculo para chegar a um cargo no Conselho de Administração da "Imperial Carribean Travels", uma das empresas de turismo mais importantes do país, já que ela, com sua pequena agência de viagens de bairro, é seu concorrente direto em uma licitação para a adjudicação de um hotel no Caribe colombiano.

Ele decide tirar sarro de Isabella, se aproximar dela, ser seu amigo, seduzi-la e fazê-la se apaixonar até que ela se torne sua amante, para roubar as informações de negócios que lhe permitem realizar seus sonhos de poder. Mas quando ele conhece Isabella e a torna vítima de um grande engano, ele descobre que todos os seus preconceitos sobre as mulheres não são tão verdadeiros. Descubra nela uma mulher excepcional, uma pessoa valiosa, carinhosa e inteligente.

Para Cristóbal Santamaría (Patrick Delmas), um dos executivos da empresa, a informação que Juan Camilo roubou de Isabella é a chave que lhe abre o caminho para abandonar a esposa, se tornar o acionista majoritário da "Imperial" e ser feliz com sua amante sedutora Laura (Alejandra Azcárate). Ele se apropria da ideia, faz Juan Camilo aparecer como o ladrão, não só da estratégia comercial, mas de uma soma milionária, e como se isso não bastasse, movido por um ciúme obsessivo, pretende eliminá-lo, já que Juan Camilo tinha relações com Laura, a mulher que ele realmente ama.

Juan Camilo, decide ser honesto com Isabella, contar-lhe suas verdadeiras intenções e das quais desistiu por amor, mas Cristóbal vai em frente e consegue que ela conheça sua versão, então Isabella, profundamente decepcionada e magoada, despreza o homem de quem Ele tinha se apaixonado, ele não apenas a traiu, mas também a seu filho, ele não pode suportar que seus sonhos tenham sido frustrados por causa dele. Seu grande amor se transforma em ódio profundo.

Juan Camilo, percebendo que acabou com a vida profissional e familiar de Isabella, decide reparar o dano causado e busca, no entanto, resgatar seu amor e jura descobrir quem armou a armadilha para ele.

Enquanto isso, Cristóbal decide que não há melhor pessoa para lidar com o projeto que roubou e adaptou do que sua criadora: Isabella. Ele a contrata e ela, que aceita o cargo por necessidade, pede um ajudante. Na hora de contratá-la, ela é clara com os chefes: é fundamental que ela seja mulher, porque ela não quer trabalhar ao lado de um homem, é muita dor que eles lhe causaram.

Juan Camilo, ao saber desse pedido, entende que só assim é possível ingressar na Companhia, esclarecer sua situação, proteger Isabella e, se possível, reconquistar o coração dela. O famoso conquistador, o grande HOMEM dos negócios, aquele que sempre desprezou e rejeitou as mulheres, não tem outra maneira senão fingir ser uma dama para cumprir seu juramento.

"Juan Sin Fiedo", especialista em tirar com destreza blusas, saias e meias com véu, agora tem que aprender a calçá-las. Cheio de coragem, colocará o medo de lado e contraditoriamente fará um ato heróico digno de um homem, Juan Camilo transgredirá o gênero por amor.

Assim, ele decide dar vida a "Eva María León Jaramillo Viúva de Zuluaga", uma solteirona de 55 anos com formas indecifráveis, uma mulher sem nada chamativo, um ser anônimo de aparência comum. Juan Camilo entra no universo feminino acreditando que o domina, sem imaginar o que acontece em terras desconhecidas como um banheiro feminino, uma sauna ou um armário de rede.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Premiação Categoria Indicado Resultado
2008 TVyNovelas Melhor telenovela Yuldor Gutiérrez Indicado
Atriz protagonista favorita Mónica Lopera Indicado
Ator protagonista favorito Jorge Enrique Abello Indicado
Atriz antagonista favorita Alejandra Azcárate Indicado
Ator antagonista favorito Patrick Delmas Indicado
Melhor personagem feminino Estefanía Godoy Indicado
2007 India Catalina Melhor ator protagonista Jorge Enrique Abello Venceu

Adaptações[editar | editar código-fonte]

  • México Por ella soy Eva (2012)
  • Equador Yo Ella y Elsa (2012)
  • Rússia Думай как женщина (2013)

Referências

  1. «Por fin, hoy es el gran final de 'En los tacones de Eva'» (em espanhol). Estereofônica. 22 de maio de 2008. Consultado em 16 de dezembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]