Enclave étnico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Enclave étnico, referido a nível municipal como bairro étnico, é um local dentro de uma cidade em que a maior parte da população tem ascendência estrangeira.[1][2]

Bairros étnicos são comuns na costa leste dos Estados Unidos, e nas cidades de Toronto e Montreal, no Canadá, por serem lugares povoados historicamente por imigrantes.[3][4]

No Brasil, o bairro étnico mais famoso é o Liberdade, na cidade de São Paulo.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Asian Americans: Contemporary Trends and Issues Second Edition, Edited by Pyong Gap Min. [S.l.]: Pine Forge Press – An Imprint of Sage Publications, Inc. 2006. Consultado em 15 de novembro de 2012 
  2. KAREN SUDOL AND DAVE SHEINGOLD (12 de outubro de 2011). «Korean language ballots coming to Bergen County». © 2012 North Jersey Media Group. Consultado em 15 de novembro de 2012 
  3. Abrahamson, Mark . "Urban Enclaves: Identity and Place in America." Review by: David M. Hummon. Contemporary Sociology. American Sociological Association. Vol. 25 No. 6 (Nov. 1996): pp. 781-782.
  4. Massey, Douglas S. "Annals of the American Academy of Political and Social Science." Annals of the American Academy of Political and Social Science. Vol. 510.World Population: Approaching the Year 2000 (Jul., 1990): pp. 60.
  5. Portes, Alejandro, and Leif Jensen. "Disproving the Enclave Hypothesis: Reply." American Sociological Review. 57. no. 3 (1992): 418-420.