English Electric Canberra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Canberra
Bombardeiro
English Electric Canberra
Descrição
Tipo / Missão Bombardeio e reconhecimento
País de origem  Reino Unido
Fabricante English Electric
Quantidade produzida 949
Primeiro voo em 13 de maio de 1949 (70 anos)
Introduzido em 25 de maio de 1951
Aposentado em 23 de junho de 2006
Variantes Martin B-57 Canberra
Tripulação 3
Especificações
Dimensões
Comprimento 19,96 m (65,5 ft)
Envergadura 19,51 m (64,0 ft)
Altura 4,77 m (15,6 ft)
Área das asas 89,19  (960 ft²)
Alongamento 4.3
Peso(s)
Peso vazio 9 820 kg (21 600 lb)
Peso carregado 20 865 kg (46 000 lb)
Peso máx. de decolagem 24 948 kg (55 000 lb)
Propulsão
Motor(es) 2 x Rolls-Royce Avon R.A.7 Mk.109
Performance
Velocidade máxima 933 km/h (503 kn)
Velocidade máx. em Mach 0,88 Ma
Alcance bélico 1 300 km (808 mi)
Teto máximo 15 000 m (49 200 ft)
Razão de subida 17 m/s

O English Electric Canberra foi um bombardeiro britânico a jacto de primeira geração produzido em grandes quantidades durante os anos 50. O Canberra conseguia voar mais alto que qualquer outro bombardeiro durante os anos 50 e atingiu um record de altitude de 21 430 metros em 1957.[1] Devido à sua capacidade para "escapar" aos caças a jacto de primeira geração voando numa altitude na qual os caças eram incapazes de voar, e dando provas da sua performance superior a bombardeiros com motores a pistão, o Canberra tornou-se numa aeronave famosa e cobiçada, o que fez com que fosse exportada para muitos países à volta do globo.

Além de ser um aeronave táctica com capacidade de lançar um ataque nuclear,[2] o Canberra provou ser extremamente adaptável servindo também como aeronave de reconhecimento fotográfico e electrónico. Marcando presença em inúmeros cenários de guerra como a Crise do Canal do Suez, a Guerra do Vietname, a Guerra Indo-paquistanesa, e em diversos conflitos no continente africano.

No seu país de origem, o Reino Unido, o Canberra foi dispensado pela Força Aérea Real em Junho de 2006, tendo prestado serviço durante 55 anos.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências