Enslavement of Beauty

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Enslavement of Beauty
Informação geral
País  Noruega
Gênero(s) Black metal sinfônico
Período em atividade 1995 — atualmente
Integrantes Ole Alexander Myrholt
Tony Eugene Tunheim
Ex-integrantes Asgeir Mickelson
Hans-Åge Holmen
Julie Johnsen
Fred Endresen
Página oficial MySpace

Enslavement of Beauty é uma banda de black metal sinfônico da Noruega formada em 1995 por Ole Alexander Myrholt (vocal) e Tony Eugene Tunheim (guitarra).

A banda combina instrumentos sintetizados com guitarras e vocal gutural, típico das bandas de black metal. As instrumentalizações são bem orquestrais, ricas, intensas. As letras geralmente misturam temas envolvendo sexo, amor e suas músicas consistem em rimas poéticas rápidas, declamadas com raiva/tristeza. A poesia é inspirada em Edgar Allan Poe, William Shakespeare e Marquês de Sade.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Com a demo Devilry and Temptation, gravada em 1998, a banda atraiu a atenção da gravadora norueguesa Head Not Found. Através da mesma foi lançado em 1999 o álbum Traces o' Red. A sonoridade do grupo é influenciada por bandas como Cradle of Filth, Dimmu Borgir e Children of Bodom[1].

Em 2001 é lançado o segundo álbum: Megalomania, onde participaram os músicos Asgeir Mickelson (bateria), Hans-Aage Holmen (baixo) e Julie Johnson (vocal)[2].

O terceiro disco, Mere Contemplations, saiu em 2007 pela gravadora INRI Unlimited[3]. Em 2009 foi lançado o último trabalho; The Perdition, um EP com seis músicas.

Membros[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Devilry and Temptation (1998) - demo
  • Traces O' Red (1999)
  • Megalomania (2001)
  • Mere Contemplations (2007)

Referências

  1. Whiplash.net. «Novidades da Hellion Records». Consultado em 1 de outubro de 2017 
  2. Whiplash.net. «Resenha - Megalomania - Enslavement of Beauty». Consultado em 1 de outubro de 2017 
  3. Whiplash.net. «Enslavement Of Beauty: atual e repleto de peso». Consultado em 1 de outubro de 2017