Microrregião do Entorno do Distrito Federal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Entorno do Distrito Federal)
Ir para: navegação, pesquisa
Microrregião do Entorno do Distrito Federal
Divisão regional do Brasil
Localização da Microrregião do Entorno do Distrito Federal
Características geográficas
Unidade federativa Goiás
Mesorregião Leste Goiano
Regiões limítrofes Catalão, Pires do Rio, Anápolis, Ceres, Porangatu, Chapada dos Veadeiros, Vão do Paranã, Unaí (MG), Brasília (DF) e Paracatu (MG)
Área 38 131,576 km²
População 1,144,025 hab, Est. IBGE/2013
Densidade 28,0 hab./km²
Indicadores
PIB R$ 8,524,070,000 07 bilhões IBGE/2010
PIB per capita R$ 7 832,10 IBGE/2008
IDH 0,742 PNUD/2000

A microrregião do Entorno do Distrito Federal é uma das microrregiões do estado brasileiro de Goiás pertencente à mesorregião Leste Goiano. Sendo o município mais populoso Luziânia.

Demografia[editar | editar código-fonte]

A população da Microrregião, segundo o Censo de 2010 do IBGE, é de 1.015.010 habitantes[1]. Compreende vinte municípios em uma área total de trinta e oito mil km².

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O Entorno está vivendo uma explosão demográfica, com destaque à indústria de construção civil, com prédios de vários andares e muitos condomínios horizontais.

A região atrai pessoas que imigraram para o Distrito Federal mas não permaneceram devido ao custo de vida, e imigrantes que desejam morar próximo, geralmente causado pelo mesmo motivo. Os custos de moradia e loteamento são em média consideravelmente menores que no Distrito Federal.

Além de custos menores, outro fator importante de atração é ter uma localização estratégica, no centro geográfico do país entre a capital federal e a Região Metropolitana de Goiânia, sendo toda essa região hoje o mais importante eixo de indústria e distribuição do Centro-Oeste.

Comércio[editar | editar código-fonte]

O comércio da região a alguns anos vem sendo impulsionado com a abertura de várias lojas em todos os ramos, hipermercados e novos Shoppings.

Principais comércios da região:

Industrialização[editar | editar código-fonte]

A região tem se tornado um atrativo para grandes indústrias dos mais diversos ramos entre eles o Alimentício, por exemplo a Bonduelle, Goiás Verde, Brasfrigo, Incotril, Fuginni, entre outras.

Abandono[editar | editar código-fonte]

O crescimento da região, principalmente populacional, se deve a sua proximidade com a capital federal, Brasília. Muitas pessoas são atraídas à região por oferecer consideráveis custos menores de vida e habitação, em comparação com o Distrito Federal. Porém, a presença do governamento estadual de Goiás, como elemento de geração de desenvolvimento, é muito carente. Também a má gestão das prefeituras, falta de planejamento urbano, saneamento básico e a violência têm sido problemas críticos.

Municípios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome IBGE_Pop_2010