Episcépse

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Episkepsis)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Episcépse (em grego: ἐπίσκεψις; transl.: episkepsis , lit. "cuidado, inspeção"; pl. ἐπισκέψεις, episképseis) foi um distrito fiscal do Império Bizantino Médio (séculos X-XIII).[1] Em seu sentido estritamente técnico, refere-se ao domínio ou outra propriedade, em alguns casos incluindo vilas ou cidades inteiras, alocadas para o apoio de indivíduos da família imperial, casas nobres ou igrejas e mosteiros. Como o historiador Paul Magdalino mostra, estes episcépses foram majoritariamente situados nos litorais em torno do mar Egeu, que compreendiam o território melhor arável do império, ou em áreas interioranas férteis como a Trácia e Tessália.[2] O termo igualmente denotou a administração diária de alguma propriedade, notadamente a propriedade imperial, e pelo século XII referiu-se às divisões fiscais dos temas.[1]

Referências

  1. a b Kazhdan 1991, p. 717.
  2. Magdalino 2002, p. 164–168, 234–235.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Magdalino, Paul (2002). The Empire of Manuel I Komnenos, 1143–1180. Filadélfia: Cambridge University Press. ISBN 0-521-52653-1