Eraldo Gueiros Leite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eraldo Gueiros Leite
Nascimento 18 de janeiro de 1912
Canhotinho
Morte 5 de março de 1983 (71 anos)
Recife
Cidadania Brasil
Ocupação advogado, político
Governador Eraldo Gueiros, Luiz Cristóvão dos Santos, José Paes de Andrade e Enio Guerra

Eraldo Gueiros Leite (Canhotinho, 18 de janeiro de 1912Recife, 5 de março de 1983) foi magistrado e político brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho do fazendeiro José Ferreira Leite e de Amélia Gueiros Leite, fez o curso primário na sua cidade natal, e o secundário no Ginásio Pernambucano. Em 1935 formou-se em Direito, tornando-se, em seguida, consultor jurídico do executor do estado de sítio em Pernambuco, o general Aurélio de Souza Ferreira.

Dedicou-se à advocacia e ao exercício do cargo na procuradoria da Justiça Militar. Foi advogado da Pernambuco Tramways, empresa prestadora de serviços de luz e força no Recife, palco de inúmeras greves operárias.

Foi integrante do Superior Tribunal Militar após concurso, no governo do general Eurico Gaspar Dutra em 1957. Após a instauração do regime de exceção no Brasil, transferiu-se para o Rio de Janeiro em setembro de 1964, para assumir a Procuradoria Geral da Justiça Militar, durante o governo de Humberto de Alencar Castelo Branco. Em março de 1969, foi empossado como ministro do Superior Tribunal Militar, no governo Costa e Silva.

Através de eleições indiretas, tomou posse em março de 1971 na condição de governador biônico do Estado de Pernambuco.


Precedido por
Nilo Coelho
Governador de Pernambuco
19711975
Sucedido por
Moura Cavalcanti