Erez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada.
Disambig grey.svg Nota: Para a antiga cidade arménia, veja Erzincan.
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde janeiro de 2009)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.

Erez (em hebraico: אֶרֶז, literalmente cedro), é um kibutz localizado no sudoeste de Israel. Situa-se no canto noroeste do deserto de Negev, à aproximadamente 18 quilômetros ao sul da cidade de Ascalão, adjacente à fronteira norte da Faixa de Gaza. É um dos 11 kibutz sob jurisdição do Conselho Regional de Sha'ar HaNegev (em hebraico: מועצה אזורית שער הנגב). O kibutz possui uma população de 402 habitantes.[1]

Próximo ao kibutz situa-se a Passagem de Erez, maior, mais conhecida e importante ponto de travessia, para a entrada ou saída de bens e pessoas da Faixa de Gaza.

História[editar | editar código-fonte]

O nome Erez tem origem no primeiro núcleo de pessoas à colonizar o kibutz, membros do movimento jovem Noar Oved,[1] provenientes da cidade de Petah Tikva. Originalmente se estabeleceram na área do vizinho kibutz de Or HaNer, próximo à Sderot, em 1949. No ano de 1950, eles foram realojados em sua atual localização, sobre as ruínas da vila árabe abandonada de Dimra.

Economia[editar | editar código-fonte]

O kibutz possui três indústrias principais; agricultura (cultivos de frutas e outros vegetais e pecuária), manufatura (indústria de produtos termoplásticos) e pesquisa e desenvolvimento.[1]

Referências

  1. a b c «Jewish Agency for Israel www.jewishagency.org»  Texto "acessodata em 21-01-2009" ignorado (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]