Erich Neumann

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Erich Neumann
Nascimento 23 de janeiro de 1905
Berlim
Morte 5 de novembro de 1960 (55 anos)
Tel Aviv
Cidadania Alemanha, Israel
Alma mater Universidade Humboldt de Berlim
Ocupação poeta, psicólogo, filósofo, mitógrafo
Causa da morte câncer do rim

Erich Neumann (Berlim, 23 de janeiro de 1905Tel Aviv, 5 de novembro de 1960) foi um psicólogo e escritor alemão, tido como um dos mais talentosos alunos de Carl Jung.

Recebeu o Ph.D. em Filosofia da Universidade de Berlim em 1927. Mais tarde, mudou-se para Tel Aviv. Por muitos anos, regularmente retornou a Zurique, na Suíça, para realizar estudos no C. G. Jung Institute. Lecionou também na França, na Inglaterra e na Holanda; foi membro da Associação Internacional de Psicologia Analítica e presidente da Associação Israelense de Psicologia Analítica. Clinicou em psicologia analítica na cidade de Tel Aviv de 1934 até sua morte em 1960.

Livros[editar | editar código-fonte]

Os trabalhos mais conhecidos são Die große Mutter ("A grande mãe")[1] e História da Origem da Consciência. Outra obra, Depth Psychology and a New Ethic, refletem sobre a capacidade destrutiva humana e sobre os meios que a mente refere-se à sombra.

Neumann desenvolveu estudos sobre os arquétipos femininos em A Arte e o Inconsciente Cirativo, O Medo do Feminino, e Amor e Psiquê.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Neumann, Erich. Depth Psychology and a New Ethic. Shambhala; Reprint edition (1990). ISBN 0-87773-571-9.
  • Ortíz-Osés, Andrés. La Diosa madre. Trotta; (1996). ISBN 84-8164-099-9
  • Neumann, Erich. The Child. English Translation by Ralph Manheim, C.G. Jung Foundation for Analytical Psychology, Inc.; Hodder and Stoughton (1973). ISBN 0-340-16516-2.

Referências

  1. (1991). The Great Mother. Bollingen; Repr/7th edition. Princeton University Press, Princeton, NJ. ISBN 0-691-01780-8.

Referências[editar | editar código-fonte]