Erich Ribbeck

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Erich Ribbeck
Informações pessoais
Nome completo Erich Ribbeck
Data de nasc. 13 de junho de 1937 (78 anos)
Local de nasc. Wuppertal,  Alemanha
Altura 1,84 m
Informações profissionais
Equipa atual Aposentado
Posição Treinador (Ex-defensor)
Clubes de juventude
1949–1954 Alemanha Wuppertal
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1954–1962
1962–1965
Alemanha/Alemanha Ocidental Wuppertaler
Alemanha Ocidental Viktoria Köln

Times/Equipas que treinou
1965–1967
1967–1968
1968–1973
1973–1978
1978–1984
1984–1985
1985–1988
1992–1993
1995–1996
1998–2000
Alemanha Ocidental Borussia M'gladbach (auxiliar-técnico)
Alemanha Ocidental Rot-Weiss Essen
Alemanha Ocidental Eintracht Frankfurt
Alemanha Ocidental Kaiserslautern
Bandeira da Alemanha Ocidental Alemanha Ocidental (auxiliar-técnico)
Alemanha Ocidental Borussia Dortmund
Alemanha Ocidental Bayer Leverkusen
Alemanha Bayern de Munique
Alemanha Bayer Leverkusen
Bandeira da Alemanha Alemanha

42
203
192

25
125
75
48
24

Erich Ribbeck (Wuppertal, 13 de junho de 1937) é um ex-futebolista e ex-treinador de futebol alemão.

Como jogador, foi revelado pelo Wuppertal, time de sua cidade, em 1949. Atuou profissionalmente por 11 anos, por Wuppertaler e Viktoria Köln, até encerrar sua carreira em 1965, com apenas 28 anos. No mesmo ano, virou auxiliar-técnico do Borussia Mönchengladbach.

Tornou-se técnico em 1967, comandando o Rot-Weiss Essen. Comandaria ainda o Eintracht Frankfurt e o Kaiserslautern até 1978, quando foi contratado para ser auxiliar-técnico da Alemanha Ocidental, sucedendo Jupp Derwall, promovido ao comando da seleção.

Voltaria a comandar equipes em 1984, passando por Borussia Dortmund, Bayer Leverkusen, Bayern de Munique e novamente o Bayer Leverkusen até 1998, quando foi contratado para substituir Berti Vogts no comando da Seleção Alemã.

Sob a gestão de Ribbeck, o Nationalelf viveu uma péssima fase, com destaque para a eliminação na primeira fase da Eurocopa de 2000, onde apostou na experiência: convocou 9 jogadores "trintões", sendo que os mais velhos eram o capitão Lothar Matthäus (39 anos), Thomas Häßler e Ulf Kirsten (34 anos), até então, os únicos remanescentes da equipe que venceu a Copa de 1990 que ainda jogavam.

Após a competição, Ribbeck foi demitido, dando lugar a Rudi Völler.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Bayer Leverkusen

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de AlemanhaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas alemães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.