Erythroxylum vacciniifolium

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Erythroxylum catuaba)

Erythroxylum vacciniifolium
Erythroxylum vaccinifolium Mart. - Flickr - Alex Popovkin, Bahia, Brazil (7).jpg
Classificação científica edit
Reino: Plantae
Clado: Tracheophytes
Clado: Angiospermas
Clado: Eudicots
Clado: Rosids
Ordem: Malpighiales
Família: Erythroxylaceae
Gênero: Erythroxylum
Espécies:
E. vaccinifolium
Nome binomial
Erythroxylum vaccinifolium
Mart., 1840
Sinónimos
  • Erythroxylum catuaba A.J.Silva ex Raym.-Hamet, 1936

Erythroxylum vacciniifolium é uma espécie de planta da flora do Brasil, pertencente ao género Erythroxylum. É uma das espécies a qual se atribui o nome catuaba.

Descrição[editar | editar código-fonte]

É uma árvore pequena e vigorosa, que produz flores amarelas e cor-de-laranja e pequenos frutos ovais, amarelados e não comestíveis. A catuaba tem uma longa história de uso medicinal natural como afrodisíaco. Os índios Tupis do Brasil foram os primeiros a descobrir as qualidades afrodisíacas da planta e, nos últimos séculos, inventaram muitas canções sobre as suas qualidades e capacidades.

Uma infusão da raiz é usada na medicina tradicional brasileira como afrodisíaco e estimulante do sistema nervoso central. Uma decoção da raiz é comumente usada para a impotência, agitação, nervosismo, nevralgia e cansaço, problemas de memória e fraqueza sexual.[1][2]

Referências

Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Erythroxylum vacciniifolium
Ícone de esboço Este artigo sobre plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.