Espécie extinta na natureza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Uma espécie extinta na natureza (EW) é um estado de conservação atribuído a espécies ou táxons baixos, os únicos membros vivos conhecidos dos quais estão sendo mantidos em cativeiro ou como uma população naturalizada fora de sua faixa histórica.[1] O número de espécies extintas e ameaçadas de extinção no planeta Terra continua a crescer por causa das atividades humanas, de acordo com a nova versão da Lista Vermelha da União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN). Mais de 700 espécies de plantas e animais foram adicionadas à lista nas três categorias de ameaça, elevando o total para 20.934.

Exemplos[editar | editar código-fonte]

Os exemplos de espécies e subespécies que estão extintas na natureza incluem:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «2001 IUCN Red List Categories and Criteria: Version 3.1» (PDF) (em inglês). IUCN. p. 14. Consultado em 14 de janeiro de 2020. Arquivado do original (PDF) em 21 de junho de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Ecologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.