Espaço quadridimensional

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ilustração das curvaturas do espaço quadridimensional (espaço-tempo).

Depois do surgimento da Teoria da relatividade, de Einstein, o espaço tridimensional precisou ser revisto, pois a relatividade afirma que o espaço e o tempo compõem a bidimensão espaço-tempo,[1] ou seguindo a fórmula anterior, ao espaço tridimensional foi acrescentado o tempo, transformando-o em quadridimensional[nota 1] (altura, profundidade, largura e tempo).[2]

Em homenagem a Euclides, criou-se o termo espaço-tempo euclidiano. No espaço-tempo euclidiano não há diferença entre direção no tempo e direção no espaço. O sistema geométrico criado por Euclides era bidimensional, contudo, o sistema bidimensional espaço-tempo citado, tem na realidade quatro dimensões.[3]

Isto basta. Newton, perdoe-me; você encontrou o único meio, que na época, era o único possível para um homem do mais elevado pensamento e poder criativo. Os conceitos, que você criou, estão até hoje guiando nossos pensamentos em Física, embora nós agora saibamos que eles terão que ser substituídos por outros, removidos, mais além, da esfera da experiência imediata, se nós pretendemos uma compreensão mais profunda das relações”. -Albert Einstein [4]

Propõe-se, cada vez mais, que os espaços da superfície terrestre sejam concebidos não como entidades tridimensionais, mas sim, quadridimensionais, como complexos de fenômenos espaço-temporais.[5]

Física relativista[editar | editar código-fonte]

Depois da Teoria especial da relatividade (1905) e da Teoria geral da relatividade (1915), que abordava os efeitos referentes à gravidade, ocorreram as seguintes mudanças no pensamento científico:[6]

  • o espaço e o tempo foram considerados dependentes (espaço-tempo contínuo);
  • os corpos rígidos contraem-se na direção em que se movem;
  • as variações de medida do espaço e do tempo ocorrem de tal forma que a velocidade da luz permanece constante para todos os observadores;
  • o movimento retarda o relógio;
  • o campo de gravitação produz variações nas medidas do espaço-tempo, o intervalo entre dois fatos é o mesmo para todos os observadores;
  • o campo de gravitação altera a natureza do espaço e encurvam os raios de luz;
  • o espaço-tempo contínuo produz uma geometria não-euclidiana;
  • para distâncias astronômicas, a menor distância entre dois pontos é uma curva.

Geometria:[editar | editar código-fonte]

Coordenada Z (Z-coordinate), cria nosso desenho espacial

Três dimensões compõem nosso espaço basicamente: Altura, largura e profundidade. As três não criam porção de espaço. A quarta dimensão tem esse papel: Z-coordinate (coordenada Z) cria espaço.

Notas[editar | editar código-fonte]

[nota 1] ^ A palavra espaço vem do latim (spatìum,ìí) e significa extensão, distância e intervalo. Dimensão do latim (mensìo,ónis) significa medida.[7]

Referências

  1. Abraham Pais, “Sutil é o Senhor...” A ciência e a vida de Albert Einstein: Sutil é o Senhor..., São Paulo, Nova Fronteira, 1995, 637 p.
  2. Denis Mandarino. «Percepção quadridimensional». Portal Alô Artista. Consultado em 30 de outubro de 2012 
  3. Stephen Hawking (1984). Uma breve história sobre o tempo. [S.l.]: Rocco. p. 136 
  4. Robert Resnick (1971). Introdução à Relatividade Especial. [S.l.]: Polígono. p.25 
  5. Marcelo Martins de Moura-Fé, Historicidade e Contemporaneidade do Conceito de Paisagem, UERJ, página visitada em 16 de junho de 2015.
  6. David Dietz. História da ciência. [S.l.]: Livraria José Olympio, 1947. p. 302-303.
  7. Dicionário Eletrônico Houaiss de Língua Portuguesa 3.0 (2009). Espaço e Dimensão. [S.l.]: Objetiva Ltda 
Animação de um toro de Clifford realizando uma rotação simples.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre geometria é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.