Saltar para o conteúdo

Círculo máximo: diferenças entre revisões

51 bytes adicionados ,  22h56min de 26 de março de 2009
==O Círculo Máximo na geografia e astronomia==
 
Na [[geografia]] antiga, tanto os mapas celestes como os terrestres eram desenhados, em pequenas dimensões, com rosas dos ventos no lugar dos meridianos sendo que cada [[azimute]] da rosa do vento era parte de um círculo máximo que se entrecruzavam, diagonalmente, nos referidos mapas . Foi a partir da projeção Mercador e [[René Descartes]] que os mapas passaram a ser representados num plano em vez de num globo celeste ou semi-esfera.
 
Esse modo de representação dado mundo esférico numa terra plana foiveio quea introduziuintroduzir diversas deformações nosnas círculosrosas máximosdos ventos, segundo a latitude, impossibilitando prolongar osseus raios dassobre rosasa seção dos ventoscírculos máximos.
 
[[Imagem:Navisphere2.jpg|left|200px|thumb|Uma [[navisfera]] celeste]]
17

edições