Diferenças entre edições de "Pluralismo religioso"

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
193 bytes adicionados ,  23h27min de 27 de abril de 2012
sem resumo de edição
m (Revertidas edições por 189.58.135.110 para a última versão por Aleph Bot, de 2012-03-07T12:11:09 (UTC))
O '''pluralismo religioso''' é uma condição observada em [[sociedade]]s nas quais não ocorre a hegemonia de uma única religião, ou a hegemonia religiosa tende a desaparecer<ref>[http://www.ihu.unisinos.br/index.php?option=com_noticias&Itemid=18&task=detalhe&id=34166 Pluralismo religioso: entre a diversidade e a liberdade Página do Instituto Humanitas. Universidade do Vale do Rio dos Sinos, acessado em 11 de julho de 2010]</ref>. Pode ser considerado uma consequência da [[democracia|democratização]] das sociedades, que considera todos os sujeitos religiosos como legítimos. Sociedades democráticas reconhecem o direito à diferença dos indivíduos e grupos sociais. Nestas sociedades os grupos religiosos são chamados ao reconhecimento e à convivência entre as diferentes denominações. Para estes grupos, o [[diálogo inter-religioso]] surge como uma necessidade e um desafio. Um obstáculo à convivência inter-religiosa é o [[fundamentalismo]] religioso. que gera a intolerância, o preconceito, desencadeando guerras entre grupos radicais de diversos países, principalmente, no Oriente Médio, onde esta intolerância religiosa é mais ascendente.
 
{{esboço|Ecumenismo e diálogo inter-religioso}}
Utilizador anónimo

Menu de navegação