Saltar para o conteúdo

Torpor: diferenças entre revisões

17 bytes adicionados ,  12h29min de 19 de maio de 2014
sem resumo de edição
m (Página marcada como sem fontes, usando FastButtons)
{{Sem-fontes|data=fevereiro de 2014}}
ÉDesigna-se por '''torpor''' um estado mental natural, causado por alguma doença ou induzido, que pode durar de poucas horas até meses. Torpor e [[hibernação]] são coisas diferentes.
Algumas espécies de animais utilizam para poupar [[energia]], mas é diferente do sono normal. Pode ser feito de várias maneiras: baixando, diminuindo a temperatura corporal ([[hipotermia]]), diminuindo o ritmo cardíaco, a respiração e diminuição das funcionalidades de outras funções do corpo.
É vital para algumas espécies realizarem o torpor para aguentar baixas temperaturas e guardar energias por longos períodos sem alimento, o que acontece normalmente no inverno. Também são modificadas funções biológicas, algumas espécies mudam o metabolismo para produzir [[amônia]] em vez de [[uréiaureia]] que é mais tóxica. Algumas espécies entram em torpor no verão, que é o caso de animais aquáticos que vivem em regiões que ocorrem secas prolongadas, para sobreviver sem alimento e com baixa oxigenação.
 
 
Exemplo de animais que entram em torpor:
*[[Morcego]].
*[[Beija-flor]].
*[[Marmota]].
*[[Tâmia]].
*[[DipnóicosDipnoicos]].
 
[[Categoria:Fisiologia]]