Saltar para o conteúdo

Bolonha do Mar: diferenças entre revisões

1 059 bytes adicionados ,  04h22min de 9 de abril de 2015
sem resumo de edição
m (Vale para ambos)
}}
'''Boulogne-sur-Mer''' ('''Bolonha-sobre-o-Mar''' ou '''Bolonha-do-Mar'''<ref>{{Citar livro | titulo=Topónimos e Gentílicos | ultimo=Fernandes | primeiro=Ivo Xavier | editora=Editora Educação Nacional, Lda. |volume=I | local=Porto | ano=1941 }}</ref> [[língua portuguesa|em português]]; ''Bonen'' ou ''Beunen'' [[língua neerlandesa|em neerlandês]] e [[língua flamenga|flamengo]]) é uma cidade e [[comuna francesa]] na [[Regiões administrativas francesas|região administrativa]] de [[Nord-Pas-de-Calais]], no [[Departamentos franceses|departamento]] de [[Pas-de-Calais]], à borda do [[Canal da Mancha]]. Estende-se por uma área de 8,4 [[Quilómetro quadrado|km²]].
 
Bolonha foi o principal porto [[Império Romano|romano]] de comércio e de comunicação com a [[Britânia (província romana)|Britânia]]. Após um período de presença germânica na sequência do colapso do Império, a cidade estava no centro de um [[Condado de Bolonha|condado de mesmo nome]] no [[Reino da França]] durante a [[Idade Média]], e foi ocupada pelo [[Reino da Inglaterra]] diversas vezes devido a um conflito entre as duas nações.
 
O campanário do {{séc|XII}} é reconhecida pela [[Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura|UNESCO]] como um [[Património Mundial|Patrimônio Mundial da Humanidade]],<ref name="nordmag.fr">{{citar web |url=http://www.nordmag.fr/patrimoine/beffrois/les_beffrois.htm |título=Les Beffrois au patrimoine de l'Humanité |acessodata=9 de abril de 2015 |autor= |coautores= |data= |formato= |obra= |publicado=Nordmag.fr |páginas= |língua= |língua2=fr |língua3= |lang= |citação= }}</ref> enquanto outra atração popular é o centro de conservação marinha, Nausicaä.
 
== História ==
128 655

edições