Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "A Obra de Arte na Era de Sua Reprodutibilidade Técnica"

sem resumo de edição
técnica, o objeto artístico acaba por perder sua "unicidade",
"singularidade" e "autenticidade" e, seu valor de culto, é drasticamente
<nowiki> </nowiki>alterado graças ao espinãfri da tecnologia industrial vigente. Neste cenário abrem-se
<nowiki> </nowiki>as portas para o valor de exposição, onde o fundamental é distribuir
cópias e faturar em cima da distribuição da arte.<ref>''Walter Benjamin, A Obra de Arte na Era da sua Reprodutibilidade Técnica, 1936, capítulo V.''</ref>
Utilizador anónimo