Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "Estradivário"

1 byte adicionado ,  00h34min de 25 de junho de 2015
[[Ficheiro:PalacioReal Stradivarius1.jpg|thumb|Violino Stradivari da colecção do [[Palácio Real de Madrid]] - 1687]]
 
As madeiras primárias utilizadas na construção de violinos, violoncelos e violas são o [[abeto]], para o tampo superior, e o [[bordo]] para o tampo inferior, as partes laterais e o braço. A estrutura é reforçada interiormente com [[salgueiro]] e para as [[cravelha]]s e o ponto é utilizado [[ébano]]<ref>{{citar web |url=http://www.gussetviolins.com/wood.htm |título= Wood |acessodata=9 Novembro 2013 |autor=Gusset, David |coautores= |data= |ano= |mes= |formato= |obra= |publicado= |páginas= |língua= |língua2=en |língua3= |lang= |citação= }}</ref>. Era com estes materiais que Antonio Stradivari construia os seus instrumentos<ref>{{citar web |url=http://www.cello.org/heaven/hill/eight.htm |ligação inativa= |título=Antonio Stradivari His Life and Work |acessodata=9 Novembro 2013 |acessomesdia= |acessoano= |autor=W. Henry Hill, Arthur F. Hill & Alfred E. Hill |ultimo= |primeiro= |autorlink= |coautores= |data=1902 |ano= |mes= |formato=Edição Online |obra= |publicado=2001 |páginas= |língua= |língua2=en |língua3= |lang= |arquivourl= |arquivodata= |citação= |notas= }}</ref>. Especula-se sobre o tratamento que o luthier dava à madeira que utilizava, contudo, provas científicas mostram que elementos químicos como [[fluoreto]], [[bórax]], [[crómio]] e sais de ferro estão presentes na composição da mesma<ref>{{citar web |url=http://www.sciencedaily.com/releases/2009/01/090122141228.htm |ligação inativa= |título=Secrets Of Stradivarius' Unique Violin Sound Revealed, Professor Says |acessodata=9 Novembro 2013 |acessomesdia= |acessoano= |autor=Texas A&M University |ultimo= |primeiro= |autorlink= |coautores= |data= |ano= |mes= |formato= |obra=Science Daily |publicado=25 Janeiro 2009 |páginas= |língua= |língua2=en |língua3= |lang= |arquivourl= |arquivodata= |citação= |notas= }}</ref>. O [[verniz]] aplicado nos instrumentos resultava de uma mistura entre [[borracha]] solúvel em óleo, com boa qualidade de secagem, e substâncias [[corantes]]<ref>{{citar web |url=http://www.cello.org/heaven/hill/seven.htm |título=Antonio Stradivari His Life and Work |acessodata=9 Novembro 2013 |autor=W. Henry Hill, Arthur F. Hill & Alfred E. Hill |coautores= |data=1902 |ano= |mes= |formato=Edição Online |obra= |publicado=2001 |páginas= |língua= |língua2=en |língua3= |lang= |citação= }}</ref>. Para a construção dos violinos o mestre italiano usava uma forma a partir da qual construía o violino exteriormente<ref>{{Citar livro|autor=Pollens, Stewart |título=The Violin Forms of Antonio Stradivari |subtítulo= |idioma=en |edição= |local= |editora=Biddulphs |ano=1992 |páginas= |volumes= |isbn=0-9520109-0-9}}</ref>. 1685 foi um ano revolucionário na manufacturação dos violinos, pois Estradivário aumentou as medidas padrão para um valor semelhante àquelas utilizadas pelo seu ensinante [[Nicola Amati]], influenciando assim a produção de som<ref>{{citar web |url=http://www.cello.org/heaven/hill/two.htm |título=Antonio Stradivari His Life and Work |acessodata=9 Novembro 2013 |autor=W. Henry Hill, Arthur F. Hill & Alfred E. Hill |coautores= |data=1902 |ano= |mes= |formato=Edição Online |obra= |publicado=2001 |páginas= |língua= |língua2=en |língua3= |lang= |citação= }}</ref>. A meticulosidade do design utilizado na cravelhas, ponto, rebordo e cavalete também distingue o construtor.
 
{{referências|col=2}}