Saltar para o conteúdo

Quinto Servílio Cepião, o Jovem: diferenças entre revisões

 
== História ==
Cepião, o Jovem, se tornou um fervoroso adversário de Druso e de suas leis, que visavam conceder a [[cidadania romana]] a todos os [[sócio (Roma Antiga)|aliados italianos]]. Segundo [[Plínio, o Velho]], a disputa entre os dois começou por causa de um anel de ouro e Cepião estaria implicado no assassinato de Druso. DuranteEm 90 a.C., durante a [[Guerra Social (91-88 a.C.)|Guerra Social]], depois da morte do cônsul [[Públio Rutílio Lupo]] e de [[Lúcio Júlio César (cônsul em 90 a.C.)|Lúcio Júlio César]] ter sido reconvocado a Roma pelo Senado, Cepião recebeu, juntamente com [[Caio Mário]], o comando do exército romano. [[Quinto Popédio Silão]], o líder do chamado "grupo mársico" das forças italianas, um antigo inimigo de Cepião, fingiu desertar e se apresentou a Cepião acompanhado de dois garotos vestidos de [[púrpura]] (supostamente seus filhos) e propôs entregar-lhe seu exército se ele fosse imediatamente com ele. Não se sabe que argumentos Silão utilizou para convencer Cepião, mas o fato é que, ao chegarem no local combinado, ele foi preso e decapitado<ref>Amela Valverde (2007), p. 95-96.</ref><ref>Apiano</ref>.
 
== Família ==
198 349

edições