Saltar para o conteúdo

Biologia: diferenças entre revisões

23 bytes removidos ,  16h06min de 9 de abril de 2019
m
Foram revertidas as edições de 179.34.35.173 para a última revisão de Stuckkey, de 18h37min de 2 de abril de 2019 (UTC)
m (Foram revertidas as edições de 179.34.35.173 para a última revisão de Stuckkey, de 18h37min de 2 de abril de 2019 (UTC))
Etiqueta: Reversão
[[Imagem:Hoverfly03 crop.jpg|thumb|250px300px|Uma [[Syrphidae|mosca-da-flor]], exemplo de [[mosca]] que, como o nome sugere, é encontrada próxima a [[flor]]es, neste caso, sobre uma [[Camomila-vulgar|camomila]].]]
{{Info/Objeto}}
<!--Introdução: Definição e conceito-->
 
 
=== Interação: grupos e ambientes ===
Todo o ser vivo interage com outros [[organismo]]s e com o seu [[ambiente]]. Uma das razões pelas quais os sistemas biológicos são tão difíceis de estudar é precisamente a possibilidade de tantas interacções diferentes com outros organismos e com o ambiente. Uma [[bactéria]] microscópica reagindo a um gradiente local de açúcar está a reagir ao seu ambiente exactamente da mesma forma que um [[leão]] está a reagir ao seu quando procura alimento na [[savana]] [[África|africana]], ou um [[avestruz]] protege seu ninho comunal na África.<ref name=bertram>{{citar livro|autor=Bertram, Briam C. R|título=The Ostrich Communal Nesting System|subtítulo=Monographs in Behavior and Ecology|ano=1992|editora=Princeton University Press|local=Princeton, New Jersey|capítulo=5: Ecological Aspects|página=71-101|total-páginas=196|idioma=inglês|isbn=0-691-08785-7}}</ref> Dentro duma mesma espécie ou entre espécies, os [[comportamento]]s podem ser [[cooperação|cooperativos]], [[agressão|agressivos]], [[parasita|parasíticos]] ou [[simbiose|simbióticos]]. A questão torna-se mais complexa à medida que um número crescente de espécies interage num [[ecossistema]]. Este é o principal objecto de estudo da [[ecologia]].{{Carece de fontes|data=abril de 2017}}{{clr}}
[[Imagem:Hoverfly03 crop.jpg|thumb|250px|Uma [[Syrphidae|mosca-da-flor]], exemplo de [[mosca]] que, como o nome sugere, é encontrada próxima a [[flor]]es, neste caso, sobre uma [[Camomila-vulgar|camomila]].]]
Todo o ser vivo interage com outros [[organismo]]s e com o seu [[ambiente]]. Uma das razões pelas quais os sistemas biológicos são tão difíceis de estudar é precisamente a possibilidade de tantas interacções diferentes com outros organismos e com o ambiente. Uma [[bactéria]] microscópica reagindo a um gradiente local de açúcar está a reagir ao seu ambiente exactamente da mesma forma que um [[leão]] está a reagir ao seu quando procura alimento na [[savana]] [[África|africana]], ou um [[avestruz]] protege seu ninho comunal na África.<ref name=bertram>{{citar livro|autor=Bertram, Briam C. R|título=The Ostrich Communal Nesting System|subtítulo=Monographs in Behavior and Ecology|ano=1992|editora=Princeton University Press|local=Princeton, New Jersey|capítulo=5: Ecological Aspects|página=71-101|total-páginas=196|idioma=inglês|isbn=0-691-08785-7}}</ref> Dentro duma mesma espécie ou entre espécies, os [[comportamento]]s podem ser [[cooperação|cooperativos]], [[agressão|agressivos]], [[parasita|parasíticos]] ou [[simbiose|simbióticos]]. A questão torna-se mais complexa à medida que um número crescente de espécies interage num [[ecossistema]]. Este é o principal objecto de estudo da [[ecologia]].{{Carece de fontes|data=abril de 2017}}{{clr}}
 
== Âmbito ==
128 559

edições