Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "Elementos genéticos móveis"

7 bytes removidos ,  05h01min de 16 de julho de 2020
m
sem resumo de edição
m
[[Ficheiro:Bacterial_mobile_elements.svg|thumb|360px|Exemplos de elementos genéticos móveis e transferência horizontal de genes em bactérias mediadas por plasmídeos e vírus.]]
Os '''elementos genéticos móveis''' ou, também o '''mobiloma''' são [[macromoléculamolécula]]s ou [[moléculamacromolécula]]s compostas de [[DNA]], ou [[RNA]] e que podem se mover das [[célula]]s de um [[organismo]] para outro, inserindo-se em seu [[genoma]] ou que eles podem se mover para diferentes partes do genoma de um organismo. Este mecanismo é conhecido como [[transferência horizontal de genes]] e é mais frequente nos [[Organismo unicelular|organismos unicelulares]], como [[bactérias]], mas também pode ocorrer em [[Organismo multicelular|organismos multicelulares]].<ref>{{cite journal |last=Singh |first=Parmit Kumar |last2=Bourque |first2=Guillaume |last3=Craig |first3=Nancy L. |last4=Dubnau |first4=Josh T. |last5=Feschotte |first5=Cédric |last6=Flasch |first6=Diane A. |last7=Gunderson |first7=Kevin L. |last8=Malik |first8=Harmit Singh |last9=Moran |first9=John V. |date=2014-11-18 |title=Mobile genetic elements and genome evolution 2014 |journal=Mobile DNA |volume=5 |pages=26 |doi=10.1186/1759-8753-5-26|pmid=30117500 |pmc=4363357}}</ref>
 
Existem cinco maneiras diferentes pelas quais a partícula estranha (portadora de informações) pode entrar na célula de outro organismo:
771

edições