Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "Origem da água na Terra"

7 bytes adicionados ,  15h03min de 24 de julho de 2020
Há a teoria de que parte da água existente atualmente na Terra tenha origem extratrerrestre, tendo sua origem em função do bombardeio de asteroides e cometas que atingiu nosso planeta em seus primórdios<ref name=":0">{{Citar web |ultimo= |primeiro= |url=https://novaescola.org.br/conteudo/2004/como-surgiu-a-agua-na-terra |titulo=Como surgiu a água na Terra? |data=01/11/2012 |acessodata=2020-07-23 |website=Nova Escola |publicado=Revista Nova Escola |lingua=pt-BR}}</ref>. O acúmulo do liquido ocorreu com o passar do tempo, após repetidas sequências desses episódios<ref name=":0" />.
 
MasNão obstante, há correntes científicas que afirmam ser improvável que toda a água da Terra tenha se originado desse bombardeio de corpos espaciais. Tendo por base o resultado de medições das razões isotópicas de hidrogênio nos três cometas [[Cometa Halley|Halley]], [[Cometa Hyakutake|Hyakutake]] e [[Hale-Bopp]], avaliou-se que a proporção de [[deutério]] para [[hidrogênio-1 | protium]] (razão D / H) dos cometas é aproximadamente o dobro do encontrado na água oceânica. Contudo, não está claro se esses cometas são representativos, pois não se pode afirmar que todos os corpos do do Cinturão de Kuiper apresentem a mesma composição.
 
 
Mas há correntes científicas que afirmam ser improvável que toda a água da Terra tenha se originado desse bombardeio de corpos espaciais. Tendo por base o resultado de medições das razões isotópicas de hidrogênio nos três cometas [[Cometa Halley|Halley]], [[Cometa Hyakutake|Hyakutake]] e [[Hale-Bopp]], avaliou-se que a proporção de [[deutério]] para [[hidrogênio-1 | protium]] (razão D / H) dos cometas é aproximadamente o dobro do encontrado na água oceânica. Contudo, não está claro se esses cometas são representativos, pois não se pode afirmar que todos os corpos do do Cinturão de Kuiper apresentem a mesma composição.
 
 
De acordo com A. Morbidelli<ref>A. Morbidelli et al. [[Meteoritics & Planetary Science]] 35, 2000, S. 1309–1329</ref> a maior parte da água de hoje vem de protoplanetas formados no cinturão de asteróides externos que mergulharam em direção à Terra, conforme indicado pelas proporções D / H em condritos ricos em carbono. A água em condritos ricos em carbono aponta para uma proporção D / H semelhante à da água oceânica. No entanto, mecanismos foram propostos<ref>H. Genda, M. Ikoma, Origin of the Ocean on the Earth: Early Evolution of Water D/H in a Hydrogen-rich Atmosphere. Accessible at http://arxiv.org/abs/0709.2025</ref> sugerir que a proporção D / H da água oceânica pode ter aumentado significativamente ao longo da história da Terra. Essa proposta é consistente com a possibilidade de que uma quantidade significativa de água na Terra já estivesse presente durante a evolução inicial do planeta.