Saltar para o conteúdo

Druida: diferenças entre revisões

1 byte removido ,  22h14min de 26 de março de 2021
m
sem resumo de edição
m (des)
m
{{Mitologia celta}}
'''Druidas''' (no feminino '''druidesas''' ou '''druidisas'''<ref>[[Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa]], [http://houaiss.uol.com.br/busca?palavra=Druida verbete "Druida"]</ref>) eram pessoas encarregadas das tarefas de aconselhamento e ensino, e de orientações jurídicas e filosóficas dentro da sociedade [[Celtas|celta]]. Embora não haja consenso entre os estudiosos sobre a origem etimológica da palavra, ''druida'' parece provir do vocábulo ''dru-wid-s'', formado pela junção de ''deru'' ([[carvalho]]) e ''wid'' (raiz [[Línguas indo-europeias|indo-europeia]] que significa ''saber''). Assim, druida significaria ''aquele(a) que tem o conhecimento do [[carvalho]]''.<ref>{{citar web|url=http://www.druidry.org/library/trees/tree-lore-oak|título=Tree Lore: Oak|autor=Mara Freeman|editor=The Order of Bards, Ovates and Druids|língua=inglês|acessodata=02-05-2014}}</ref> O carvalho, nesta acepção, por ser uma das mais antigas e destacadas árvores de uma floresta, representa simbolicamente todas as demais. Ou seja, quem tem o conhecimento do carvalho possui o saber de todas as árvores. A visão cristã mostra os druidas como [[sacerdote]]s, mas isso na verdade não é comprovado pelos textos clássicos, que os apresentam na qualidade de [[filósofo]]s (embora presidissem rituais, o que pode soar conflitante). Se levarmos em conta que o druidismo era uma [[Paganismo|filosofia natural]], da terra baseada no [[animismo]], e não uma [[Revelação divina|religião revelada]] (como o [[Islamismo]] ou o [[Cristianismo]]), os druidas assumem então o papel de diretores espirituais do ritual, conduzindo a realização dos ritos, e não de mediadores entre os [[politeísmo|deuses]] e o homem.
 
[[Imagem:Two Druids.PNG|thumb|left|Dois druidas num baixo-relevo encontrado em [[Autun]]]]
 
Ao contrário da ideia corrente no mundo pós-[[Iluminismo]] sobre a linearidade da vida (nascemos, envelhecemos e morremos), no druidismo como entre outras culturas da [[Antiguidade]], a vida é um círculo ou uma espiral. O druidismo procurava buscar o equilíbrio, ligando a vida pessoal à fonte espiritual presente na Natureza.
 
==Arqueologia==
[[Imagem:Two Druids.PNG|thumb|left|Dois druidas num baixo-relevo encontrado em [[Autun]]]]
=== Evidências de antropofagia e sacrifícios humanos no druidismo ===
Aos olhos da arqueologia tradicional os trabalhos de [[arqueologia]] da professora [[Miranda Aldhouse-Green]]<ref>Arqueólogo da Universidade de Carliff, País de Gales e especialista em druidas</ref> da [[Universidade de Cardiff]] confirmam os ditos dos autores clássicos e demonstram a participação crucial dos druidas na realização de sacrifícios humanos e antropofagia.