Estação Ferroviária de Parque das Cidades

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Parque das Cidades
Estação de Parque das Cidades, em 2017.
Inauguração 2004
Linha(s) Linha do Algarve (PK 331,870)
Coordenadas 37° 04′ 48,52″ N, 7° 59′ 04,94″ O
Concelho Loulé
Serviços Ferroviários Regional
Horários em tempo real
Serviços Acesso para pessoas de mobilidade reduzida Telefones públicos

A Estação Ferroviária de Parque das Cidades é uma interface da Linha do Algarve, que serve a localidade de São João da Venda e o Estádio Algarve, no Distrito de Faro, em Portugal.

Túnel de acesso às plataformas, em 2017.

Caracterização[editar | editar código-fonte]

Em 2007, a estação de Parque das Cidades dispunha de um sistema de informação ao público, que era realizada a partir da Estação de Faro.[1] Em 2009, possuía duas vias de circulação, ambas com 396 m de comprimento útil, e duas plataformas, tendo cada uma 150 m de extensão e 90 cm de altura.[2] Em Janeiro de 2011, já tinham sido alteradas as vias, que passaram a contar, cada uma, com 414 m de comprimento, e ambas as plataformas foram rebaixadas para 70 cm de altura.[3]

Serviço ferroviário[editar | editar código-fonte]

Estação anterior Comboios de Portugal Comboios de Portugal Estação seguinte
Faro
Terminal
  CP Regional
Linha do Algarve
  Almancil
Direção Lagos

História[editar | editar código-fonte]

Estação de Parque das Cidades, em 2010.

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: História da Linha do Algarve

Esta interface situa-se no lanço da Linha do Algarve Tunes e Faro, que abriu à exploração no dia 1 de Julho de 1889.[4][5]

Planeamento e construção[editar | editar código-fonte]

A estação de Parque das Cidades foi construída de raiz ao quilómetro 332 da Linha do Algarve,[6] tendo o projecto sido concebido em 2000 por Dante Macedo e Conceição Machado.[7]

Entrou ao serviço em 2004, para servir o Estádio Algarve,[6] tendo um dos principais objectivos para a construção sido reduzir o uso do transporte rodoviário como meio de deslocação para os utentes do Estádio, minimizando desta foram os problemas de estacionamento e de congestionamento de tráfego.[8] Esta estação deteve um grande protagonismo durante o Campeonato Europeu de Futebol de 2004, pois foi utilizada como interface para os espectadores dos jogos, tendo-se verificado, nessa altura, uma maior frequência de serviços nesta estação.[9]

Acesso à estação de Parque das Cidades, em 2017.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Directório da Rede 2007 1.ª Adenda». Rede Ferroviária Nacional. 26 de Junho de 2007. 90 páginas 
  2. «Directório da Rede 2010». Rede Ferroviária Nacional. 22 de Janeiro de 2009. 89 páginas 
  3. «Directório da Rede 2012». Rede Ferroviária Nacional - REFER, E.P. 6 de Janeiro de 2011. 85 páginas 
  4. TORRES, Carlos Manitto (1 de Fevereiro de 1958). «A evolução das linhas portuguesas e o seu significado ferroviário» (PDF). Gazeta dos Caminhos de Ferro. 70 (1683). p. 76-78. Consultado em 3 de Maio de 2019 
  5. SANTOS, 1997:181
  6. a b «Relatório e Contas 2004». Rede Ferroviária Nacional. 2005. p. 12, 37 
  7. FERNANDES e JANEIRO, 2005:120
  8. «Comboios mais rápidos até ao Algarve». Viajar Clix. 17 de Abril de 2004. Consultado em 11 de Fevereiro de 2012 
  9. «Avaliação do Impacte Económico do Euro 2004» (PDF). Universidade do Minho. 30 de Novembro de 2004. 5 páginas. Consultado em 14 de Fevereiro de 2010 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • FERNANDES, José Manuel e JANEIRO, Ana (2005). Arquitectura no Algarve. Dos Primórdios à Actualidade, Uma Leitura de Síntese. Faro: Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve. 155 páginas. ISBN 972-643-138-7 
  • SANTOS, Luís Filipe Rosa (1997). Faro: um Olhar sobre o Passado Recente. (Segunda Metade do Século XIX). Faro: Câmara Municipal. 201 páginas 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a Estação de Parque das Cidades

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



Ícone de esboço Este artigo sobre uma estação, apeadeiro ou paragem ferroviária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.