Estação Nation

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Nation
Uso atual Estação de metropolitano
Administração RATP Metrô de Paris
Linhas Linhas 1, 2, 6, 9
Código 0510
Tipo de estação Subterrânea
Plataforma 6
Informações históricas
Inauguração Paris Metro 1.svg 19 de julho de 1900
Paris m 2 jms.svg 02 de abril de 1903
Paris m 6 jms.svg 01 de março de 1909
Paris m 9 jms.svg 10 de dezembro de 1933
Próxima estação
Sentido La Défense Paris Metro 1.svg Sentido Château de Vincennes
Reuilly - Diderot Porte de Vincennes
Nation
Sentido Porte Dauphine Paris m 2 jms.svg Sentido Nation
Avron -
Nation
Sentido Charles de Gaulle - Étoile Paris m 6 jms.svg Sentido Nation
Picpus -
Nation
Sentido Pont de Saint-Cloud Paris m 9 jms.svg Sentido Mairie de Montreuil
Rue des Boulets Buzenval
Nation

Nation é uma estação das linhas 1, 2, 6 e 9 do Metrô de Paris, localizada no limite do 11.º e 12.º arrondissements de Paris.

Localização[editar | editar código-fonte]

A estação está localizada sob e nas imediações da Place de la Nation.

Um MF 01 no terminal da linha 2.

A estação da linha 1 é em curva, na parte sul da praça, cercada entre as estações em volta das linhas 2 e 6. O terminal da linha 2 forma uma volta sob o local. A chegada em alça se faz sob a avenue de Taillebourg, e a partida sob a avenue du Trône, a place des Antilles e o boulevard de Charonne. A estação está estabelecida ao sudoeste da volta e comporta duas vias enquadrando uma grande plataforma central. O terminal da linha 6 forma também uma volta, com a chegada sob a avenue du Bel-Air e a partida sob a avenue Dorian, a rue de Picpus e a avenue de Saint-Mandé. Os trens percorrem a volta nos horários de pico mas efetuando um retrocesso para a avenue du Bel-Air nos horários de pico (o túnel Dorian-Picpus servindo também como garagem). A estação da linha 9, em curva, está situada mais abaixo do que as outras, na parte norte da praça, entre o boulevard Voltaire e a avenue de Taillebourg. Esta última porta um sub-título, as placas indicando Nation – Place des Antilles. Pode se observar, na plataforma em direção de Montreuil, os brasões dos dois departamentos franceses das Antilhas: Guadalupe e Martinica.

História[editar | editar código-fonte]

Esta estação leva o nome do place de la Nation que é chamada assim desde 1880 em homenagem ao Feriado nacional[1].

Ele foi objeto de testes para portas de plataforma automáticas em 1968.

No contexto da obra de automação da linha 1, as plataformas da estação foram levantadas durante o fim de semana de 12 a 13 de setembro de 2009[2].

Em 2011, 9 481 963 passageiros entraram nesta estação[3]. Ela viu entrar 9 541 406 viajantes em 2013, o que a coloca na 19ª posição das estações de metro por sua frequência[4].

Serviços aos Passageiros[editar | editar código-fonte]

Acesso[editar | editar código-fonte]

Esta estação tem seis entradas, algumas das quais são comuns com o RER. Eles estão todos localizados nos terraplenos ao lado, entre a rotunda e a via circular de contorno dos edifícios da praça.

Plataformas[editar | editar código-fonte]

A estação da linha 1, em curva, é de configuração padrão: ela tem duas plataformas laterais, separadas pelas caminhos do metrô e a abóbada é elíptica. A decoração é de estilo "Ouï-dire" de cor vermelha: a faixa de iluminação, de mesma cor, é suportado por consoles curvos em forma de gadanha. A iluminação direta é branca, enquanto que a iluminação indireta, projetada sobre a abóbada, é multicolorida. As telhas de cerâmica branca são planas e cobrem os pés-direitos, a abóbada e os tímpanos. Os quadros publicitários são brancos e cilíndricos, e o nome da estação está escrito com a fonte Parisine em esmaltado placas. As plataformas são equipadas de bancadas "assis-debout" cinzas e portas de plataforma.

A estação da linha 2, com uma ligeira curva, está equipada com uma plataforma central rodeada por duas vias, a do sul sendo também forrada de uma "plataforma morta" protegida por uma cerca e parcialmente utilizado como uma passagem de correspondência se comunicando com a plataforma em direção de La Défense da estação da linha 1, a qual é contígua. Estabelecida ao nível do chão, o teto é constituído de uma plataforma metálica, onde as vigas, de cor prateada, são suportadas pelos pés-direitos da parede vertical. A decoração é de estilo "Mouton", mas com telhas laranjas biseladas aos pés-direitos, particularidade que se encontra também na estação da linha 9 antes de sua renovação. Os quadros publicitários são metálicos e o nome da estação é uma fonte Parisine em esmaltado placas. Os bancos são do estilo "Motte" de cor azul.

A estação da linha 6 é, como a da linha 2, equipada com uma plataforma central cercada por duas vias. Ela é a única que não é estabelecida em curva. A abóbada é elíptica e pintada de branco. Os pés-direitos são recobertos de telhas planas com padrões únicos na rede; é uma declinação particular do estilo "Mouton". Os quadros publicitários são cinzas e o nome da estação é em fonte Parisine em placas esmaltadas. A plataforma é equipada com alguns assentos no estilo "Motte" brancos.

Como a linha 1, a estação da linha 9 é de configuração padrão de plataformas laterais, e uma curva. A decoração das suas margens é do estilo aplicado à maioria das estações de metrô: a faixa de iluminação é branca e arredondado no estilo "Gaudin" da renovação do metrô da década de 2000 e as telhas em cerâmica brancas biseladas recobrem a abóbada, os pés-direitos, os tímpanos e as saídas dos corredores. Os quadros publicitários são de cerâmica branca e o nome da estação é em fonte Parisine em placas esmaltadas. Os assentos são de estilo "Akiko" verdes.

Intermodalidade[editar | editar código-fonte]

A estação está em correspondência com a linha A do RER servida pela estação de Nation. Esta linha liga os subúrbios Oeste e Leste de Paris.

Ela é também servida:

Pontos turísticos[editar | editar código-fonte]

Projeto[editar | editar código-fonte]

Eventualmente, a estação pode estar em correspondência com a linha de tramway T3a ou a linha de tramway T3b que seria estendida a partir da Porte de Vincennes, o que permitiria os usuários destas linhas terem uma correspondência com as linhas 2, 6 e 9, bem como com a linha A do RER[5].

Referências

  1. Stations de métro Gérard Roland, Christine Bonneton éditeur
  2. «Du vendredi 11 septembre à 22 h au dimanche 13 septembre inclus, les quais de la ligne 1 seront fermés pour travaux.». Consultado em 18 de maio de 2018. Arquivado do original em 28 de setembro de 2009 
  3. Entradas anuais provenientes de fora da estação (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.) Arquivado em 18 de julho de 2014, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr. Consultado em 21 de junho de 2013.
  4. Tráfego anual de entradas por estação (2013) Arquivado em 8 de março de 2013, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr, consultado em 31 de agosto de 2014.
  5. http://www.leparisien.fr/espace-premium/seine-et-marne-77/la-ligne-t3-du-tramway-poursuit-sa-route-a-l-ouest-12-02-2015-4526143.php  Em falta ou vazio |título= (ajuda).

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Estação Nation