Estação Oscar Freire

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção se refere ou tem relação com uma construção atualmente em andamento.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (Editado pela última vez em 9 de setembro de 2017.)
Applications-development current.svg
Oscar Freire
Uso atual Estação de Metrô Estação de Metrô
Administração ViaQuatro logo.png ViaQuatro
Linhas 4yellow.png Linha 4 - Amarela
Código FRE
Posição Subterrânea
Plataformas 2 (Laterais)
Serviços Escada rolante Elevador Acesso à deficiente físico
Informações históricas
Inauguração Março de 2018
Localização
Endereço Avenida Rebouças x Rua Oscar Freire
Município Bandeira da cidade de São Paulo.svg São Paulo
Próxima estação
Sentido Luz 4yellow.png Sentido Vila Sônia
Paulista Fradique Coutinho
Oscar Freire

Oscar Freire será uma estação da Linha 4 - Amarela do Metrô de São Paulo. Tinha previsão de inauguração para 2017.[1] Mesmo ano para a inauguração da Estação Higienópolis-Mackenzie, porém a previsão atual é para o começo de 2018,mais precisamente para março.[2][3]

Localização[editar | editar código-fonte]

Avenida Rebouças s/nº (esquina com a Rua Oscar Freire).

Características[editar | editar código-fonte]

Estação enterrada com plataformas laterais e salas de apoio acima do nível da superfície, com estruturas em concreto aparente e passarela de distribuição em estrutura metálica, fixada com tirantes sobre a plataforma. Possui acesso para pessoas portadoras de deficiência.

Capacidade[editar | editar código-fonte]

17000 passageiros hora/pico

Tabelas[editar | editar código-fonte]

Sigla Estação Inauguração Capacidade Integração Plataformas Posição Notas
FRE Oscar Freire Previsão para 1º semestre de 2018 10 mil passageiros hora/pico Laterais Subterrânea Estação com estrutura de concreto aparente.
Precedido por
Paulista
Linha 4 do Metrô de São Paulo
Oscar Freire
Sucedido por
Fradique Coutinho

Referências

  1. «Metrô assina contrato de R$ 858 milhões para conclusão da Linha 4-Amarela». Previsão é de que as obras, prometidas para 2014, sejam concluídas em 2019 ao custo total de quase R$ 1,1 bilhão. Consultado em 14 de julho de 2016 
  2. Metro, Jornal (3 de maio de 2017). «Alckmin promete estação de Metrô para final do ano». metro. Consultado em 3 de setembro de 2017 
  3. «Com atraso, Alckmin planeja abrir 19 novas estações de Metrô e trem até março de 2018». G1 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]