Estação St. George

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura outros significados para St. George, veja St. George.
St. George
Design do interior da estação St. George
Uso atual Metrô
Administração Toronto Transit Commission (TTC)
Linha Yonge-University-Spadina
Bloor-Danforth
Tipo de estação Subterrânea
Plataforma 2 plataformas
Central (ambos os níveis)
Movimento em 2007/2008 2ª (de 69)[1]
Movimento diário 112 710 (linha YUS)
116 840 (linha BD)
229 550 (total)[1]
Serviços Wheelchair symbol.svg Toilets unisex.svg Shopping.jpg
Próximas estações Linha Yonge-University-Spadina:
Spadina (0,6 km noroeste, 1 min)
Museum (0,7 km sudeste, 1 min)
Linha Bloor-Danforth:
Spadina (0,2 km oeste, 1 min)
Bay (0,8 km leste, 1 min)
Conexões 26 Dupont (TTC)
Informações históricas
Inauguração 28 de fevereiro de 1963 (linha YUS)
26 de fevereiro de 1966 (linha BD)
Localização
Localização 323 Bloor Street West, Toronto
Linha Yonge-University-Spadina:
Spadina (0,6 km noroeste, 1 min)
Museum (0,7 km sudeste, 1 min)
Linha Bloor-Danforth:
Spadina (0,2 km oeste, 1 min)
Bay (0,8 km leste, 1 min)

St. George é uma estação do metrô de Toronto, localizada nas linhas Yonge-University-Spadina e Bloor-Yonge, e servindo como ponto de conexão entre as linhas. Localizada no cruzamento da Bloor Street com a St. George Street, a St. George é a segunda estação de metrô mais movimentada do sistema de metrô de Toronto, movimentando aproximadamente 230 mil passageiros por dia (atrás apenas da Estação Bloor-Yonge), a maioria dos quais utilizando a estação como ponto de conexão. A estação possui um terminal de ônibus, o que permite a conexão integrada de passageiros entre linhas de ônibus e o metrô sem a necessidade de um transfer. A estação foi assim nomeada em homenagem a Quetton St. George, um britânico nascido na França que viveu em Toronto no século XIX.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Metropolitanos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.