Estratégia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Estratégica)
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Estratégia (desambiguação).

Estratégia (do grego antigo στρατηγία: stratēgia, tendo como significado a arte de liderar uma tropa; comandar)[1] designava o comandante militar à época da democracia ateniense. O idioma grego apresenta diversas variações, como strategicós, ou próprio do general chefe; stratégema, ou estratagema, ardil de guerra; stratiá, ou expedição militar; stráutema, ou exército em campanha; stratégion, ou tenda do general, dentre outras.

Área Militar[editar | editar código-fonte]

Sun Tzu foi o estrategista que, no século IV a.C., escreveu um tratado nominado A Arte da Guerra, que abordava de forma abrangente as estratégias militares. Segundo o mesmo, a formulação de uma estratégia deve respeitar princípios fundamentais, caso contrário você não vencerá as batalhas, conflitos ou guerras. Disse ele: "Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas. Se você se conhece, mas não conhece o inimigo, para cada vitória ganha sofrerá também uma derrota. Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas as batalhas".

O Livro dos Cinco Anéis foi escrito em 1645 pelo guerreiro mais famoso do Japão, o samurai Miyamoto Musashi. A sua técnica de arte marcial, Niten Ichi Ryu, tornou-o imbatível por muitos duelos durante toda a sua vida.

Nicolau Maquiavel, autor do livro O Principe, texto sobre política prática, também escreveu uma obra chamada Dell'arte della guerra (A Arte da Guerra), além de outras obras de suma importância ao estrategismo.

Carl von Clausewitz é, talvez, o autor estratégico mais importante na ciência militar moderna, sendo o autor de Da Guerra, embora a sua obra não tenha sido completa devido à morte do autor. Da Guerra tornou-se um dos mais respeitados clássicos de estratégia militar.[2]

O general francês André Beaufre produziu uma das definições de estratégia mais brilhante e elegante quando disse: "Estratégia é a arte da dialética das vontades valendo-se da força para resolver o seu conflito".[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Estratégia

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Harvard Business Essentials - Estratégia - Editora Record
  • Whittington, Richard - O que é estratégia - Editora Thomson
  • Filipe, José; Carvalho, José - Manual de Estratégia - Conceitos, Prática e Roteiro

Referências

  1. «Henry George Liddell, Robert Scott, A Greek-English Lexicon». Perseus. Consultado em 18 de novembro de 2015 
  2. «Carl von Clausewitz | Prussian general | Britannica». www.britannica.com (em inglês). Consultado em 7 de janeiro de 2022 
  3. BEAUFRE, A.; Introduccion a la Estrategia; Editorial Struhart & Cia; Buenos Aires, 1982
  4. Leonardo A. A. Terra, João L. Passador (2016). «Symbiotic Dynamic: The Strategic Problem from the Perspective of Complexity». Systems Research and Behavioral Science. 33 (2): 235-248. doi:10.1002/sres.2379